Category Archives: Educação

IFRN começa a entrega do material didático para inscritos no ProITEC

O Programa de Iniciação Tecnológica e Cidadania do IFRN (ProITEC) distribui, entre 16 e 20 de abril, o material didático (livro texto, livro de atividades e DVD com teleaulas) para subsidiar os estudos ao Exame de Seleção do Instituto. A entrega do material é, também, a confirmação de inscrição no programa.

Documentos

É necessário que o candidato, ou o responsável pelo mesmo, leve toda a documentação pedida no Edital, e confira o horário de atendimento de cada campus. A homologação das inscrições estará disponível no Portal do Candidato a partir de 8 de maio. Já o cartão de inscrição estará disponível para impressão a partir do dia 29 de junho; a aplicação das provas está agendada para 8 de julho de 2018, das 13h às 17h.

Para receber o kit, os inscritos devem ir ao campus para o qual fizeram inscrição levando a seguinte documentação:

a)     Uma foto 3×4 recente;

b)     Documento de identificação, em conformidade com o item 6 do edital, registrado no ato da inscrição (fotocópia e original);

c)     Comprovante de pagamento da taxa de inscrição (fotocópia e original);

d)     A certidão/declaração escolar que comprove a escolaridade (fotocópia e original) – modelo no Anexo III do Edital, para matriculados no 9º ano do Ensino Fundamental da rede pública;

e)     Histórico Escolar do Ensino Fundamental (fotocópia e original), para os que tenham concluído todo o Ensino Fundamental na rede pública.

O Programa

O ProITEC é um programa que objetiva o aprofundamento de aprendizagem de alunos das escolas da rede pública de ensino, contemplando as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática e Ética e Cidadania. Para participar do Programa, é necessário que o aluno tenha feito do 1º ao 9º do ensino fundamental em escolas da rede pública, ou que esteja concluindo ou que já tenham concluído.

Acesse

Página do ProITEC 2018
Edital ProITEC
Portal do Candidato

Atenciosamente,
Assessoria de Comunicação Social e Eventos
Reitoria | IFRN
(84) 4005-0757

Anúncios

Trabalhadores em educação da Rede Estadual entram em greve por tempo indeterminado

 

Créditos: Lenilton Lima

Por:  SINTE/RN

Os trabalhadores em educação da Rede Estadual decidiram entrar em greve, por tempo indeterminado, na tarde desta quinta-feira (22). A deflagração aconteceu em assembleia da categoria, que estava repleta de professores, funcionários e profissionais aposentados.

A principal reivindicação dos profissionais da educação estadual é o pagamento da correção de 6,81% do Piso Salarial 2018, que até o momento não aconteceu. Os trabalhadores não aceitaram nenhuma das propostas apresentadas pelo governo para implementar o Piso.

GOVERNO NÃO APRESENTOU PROPOSTA QUE RESPEITE A LEI DO PISO

O governo não apresentou nenhuma proposta que chegasse ao patamar mínimo do que diz a Lei do Piso Nacional Salarial. Primeiro propôs parcelar o Piso em 5 parcelas, de julho a novembro, sem citar o pagamento do retroativo. A categoria avaliou, em assembleia dia 16 de março, e não aceitou. Depois o Executivo disse que iria pagar a correção salarial em abril, apenas para ativos, e iria dividir em 6 parcelas o pagamento para os aposentados, isso mais uma vez sem falar em retroativo.

A coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso, justifica a greve dos profissionais da educação estadual: “Os trabalhadores não aguentam mais serem massacrados pelo governo Robinson. Nossa pauta já acumula 51 itens. Nem mesmo o Piso o governo quer pagar como manda a lei. Por isso, os profissionais decidiram dar um basta e decretar greve. Não há outra saída. A greve é o último recurso que um trabalhador possui”.

CORREÇÃO DO PISO NÃO É O ÚNICO MOTIVO DA GREVE

Além da correção do Piso, os profissionais da educação do Estado também reivindicam melhorias nas condições de trabalho e o pagamento de direitos que vêm sendo negados: “As escolas estão em estado de calamidade. Faltam materiais, professores… isso sem falar nos direitos que o governo não vem concedendo aos trabalhadores. Portanto, é greve. Não resta outra alternativa”, afirmou o coordenador geral do SINTE/RN, professor José Teixeira.

ENCAMINHAMENTOS

A assembleia também aprovou os seguintes encaminhamentos:

Os professores devem retornar nesta sexta-feira (23) as escolas para conversar com alunos e pais sobre a deflagração da greve;

Visitas as escolas para avaliar o quadro de adesão à greve nos dias 26 e 27 de março;

Mobilização na Avenida Itapetinga, Zona Norte de Natal. Dia 28/03, às 15h, concentração nas proximidades da Biblioteca. As escolas da Zona Norte devem participar;

Assembleia da Rede Estadual. Dia 02/04, às 8h30, na Escola Estadual Winston Churchill. Em pauta a avaliação da greve.

 

Biblioteca Digital pode ser extinta por falta de acesso

Site de Educação para todas pessoas que estão estudando e os interessados por cultura.

DIVULGUEM..OU VAMOS PERDER ESSA MARAVILHA POR FALTA DE ACESSO!!!!!!!

Uma bela biblioteca digital, desenvolvida em software livre, mas que está prestes a ser desativada por falta de acessos.

Imaginem um lugar onde você pode gratuitamente:

· Ver as grandes pinturas de Leonardo Da Vinci ;
· escutar em MP3 de alta qualidade;
· Ler obras de Machado de Assis Ou a Divina Comédia;
· ter acesso às melhores historinhas infantis e vídeos da TV ESCOLA,
ARTIGOS CIENTÍFICOS
· e muito mais….

Esse lugar existe!

O Ministério da Educação disponibiliza tudo isso, basta acessar o site:

http://www.dominiopublico.gov.br

Só de literatura portuguesa são 732 obras!

Estamos em vias de perder tudo isso, pois vão desativar o projeto por desuso, já que o número de acesso é muito pequeno. Vamos tentar reverter esta situação, divulgando e incentivando amigos, parentes e conhecidos, a utilizarem essa fantástica ferramenta de disseminação da cultura e do gosto pela leitura.

Divulgue para o máximo de pessoas.
Vamos acessar

Divulguem nos grupos! 😊

MEC divulga lista de aprovados do Sisu 2018; confira se você é um dos 239 mil

O Ministério da Educação divulgou, nesta segunda-feira (29), a lista de aprovados do Sisu (Sistema Integrado de Seleção Unificada). O programa distribui vagas para universidades públicas (estaduais e federais) e institutos federais.

Estavam sob disputa 239.601 vagas de 130 instituições. A lista completa dos aprovados em primeira chamada pode ser consultada AQUI. Ou veja também AQUI

Os selecionados, agora, precisam verificar o local, o horário e os documentos necessários para fazer a matrícula na instituição em que foram aprovados. A matrícula começa nesta terça-feira (30) e seguirá até o dia 7 de fevereiro.

Para participar da seleção de vagas, os candidatos tiveram que fazer o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em 2017 e não ter zerado a redação.

As inscrições ocorreram entre os dias 23 e 26 deste mês no site do Sisu. Na página do MEC, o estudante consultou as vagas disponíveis, as instituições participantes e os seus respectivos cursos.

Ao longo do período de inscrição, o sistema também divulgou a nota de corte de cada curso como uma referência para os candidatos optarem por carreiras nas quais tinham mais chance de aprovação. A nota de corte se baseou no número de vagas disponíveis e no desempenho geral dos inscritos e era sempre atualizada à 0h.

As últimas horas da inscrição no Sisu também renderam muitas brincadeiras. Os memes se multiplicaram nas redes sociais na reta final.

LISTA DE ESPERA

Quem não foi aprovado na primeira chamada, divulgada nesta segunda, ainda pode requisitar interesse na lista de espera.

Podem entrar na nova lista os candidatos que não tiverem sido selecionados para nenhuma vaga ou que tenham sido escolhidos apenas na segunda opção —mesmo que já tenham feito matrícula.

O procedimento ficará disponível entre hoje e o dia 7 de fevereiro e também deverá ser feito exclusivamente pelo site do Sisu.

As vagas remanescentes serão divulgadas no dia 9 de fevereiro pelas próprias instituições de ensino —e não pelo site do MEC. Os candidatos terão que acompanhar as convocações diretamente na instituição na qual quer estudar.

Folha de São Paulo

MUNICÍPIO DE MONTANHAS PROMOVE BRINDES PARA OS ALUNOS BONS DE NOTAS

O Prefeito de Montanhas Manuel Gustavo juntamente com a Secretária de Educação Marta Lopes promovem o Projeto Aluno Bom de Nota, com o objetivo de incentivar, reconhecer e motivar os alunos a alcançarem metas para melhorar a qualidade da nossa educação, e com isso, vamos brindá-los com prêmios a todos que se destacaram nas escolas do município no ano de 2017.

Este Projeto pode oferecer grandes oportunidades futuras para aqueles que querem ser destaque na educação, é importante que cada um se sinta vitorioso, chances aparecerão e naturalmente o reconhecimento virá.

Neste sentido, Convidamos todos os alunos da Rede Municipal aprovados por média e que não ficaram em recuperação para participarem do sorteio de 51 bicicletas nesta sexta feira dia 05 de janeiro às 19:00 horas, véspera da Festa de Reis, no palco oficial da Festa, que estará localizado no Calçadão da Rua São João.

PARTICIPEM!!!

MONTANHAS RN – RELATÓRIO DA I CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

A Secretária de Educação do município de Montanhas, Professora Marta Lopes, apresenta para a população de Montanhas e a quem interessar posse, o Relatório da I Conferência Municipal de Educação.

“O Plano Municipal de Educação – PME constituiu-se em um importante momento no que concerne a garantia de uma gestão democrática e definição das diretrizes, metas e estratégias a serem cumpridas o final da vigência do PME”.

A Conferência ocorreu no Centro de Convivência dos Idosos – CCI, em Montanhas, durante todo o dia, que contou com a participação dos trabalhadores em educação, conselheiros da educação, Representantes do executivo municipal,  SINTE/RN e representantes da equipe técnica e comissão coordenadora do PME.

Confira no link abaixo o relatório detalhado, bem como, as imagens do evento, diga-se de passagem, foi um sucesso.

Parabéns para toda a Equipe da Secretaria de Educação!

Abaixo, para download, o Relatório da I Conferência de Avaliação e Monitoramento do PME:

Relatorio-da-conferencia-do-PME-2017-1.pdf (1 download) (4,73MB)

Fórum do piso do magistério anuncia reajuste de 6,81% para 2018

Confira o histórico das atualizações oficiais do
piso do magistério

No dia 20 de dezembro de 2017 reuniu-se na sede do Ministério da Educação, em Brasília, o Fórum para acompanhamento da atualização do valor do piso salarial profissional nacional do magistério, previsto na estratégia 17.1 da Lei 13.005, que aprovou o Plano Nacional de Educação.

Seguindo a interpretação válida desde 2010 para a atualização anual do piso do magistério, prevista no parágrafo único do artigo 5º da Lei 11.738, o reajuste para 2018 será de 6,81% e o valor nominal de R$ 2.455,35.

No início de dezembro, a CNTE havia antecipado o reajuste do piso do magistério com base na atualização do Valor Anual por Aluno (VAA) do FUNDEB, publicado na Portaria Interministerial n. 8, de 29/11/17.

A regra para atualizar o piso do magistério se pauta no crescimento do VAA estimado, de dois anos anteriores. Portanto, o percentual de 2018 foi extraído da diferença percentual dos VAAs do FUNDEB publicados nas Portarias Interministeriais n. 7, de 16/12/16 e n. 8, de 29/11/17.

Anúncio oficial

A direção da SASE/MEC, coordenadora do Fórum de acompanhamento do piso do magistério, comprometeu-se em efetuar o anúncio oficial do valor do Piso para 2018 até o fim da próxima semana.

Paulo Freire, patrono da educação brasileira

Por Evandro Borges – Advogado

A Comissão de Direitos Humanos e participação do Senado rejeitou a alteração da Lei que dispunha sobre o título de patrono da educação brasileira dado ao educador Paulo Freire, iniciativa de natureza meramente ideológica, com a Relatoria da Senadora Fátima Bezerra, do Rio Grande do Norte, foi devidamente aceito o arquivamento, fazendo jus ao maior educador da História brasileira e reconhecido internacionalmente.

O momento é de avançar com a educação brasileira, continuar o combate ao analfabetismo crônico e funcional instalado, como vem demonstrando as pesquisas e veiculadas de forma insistente pela mídia nacional, pois, a falta de alfabetização e letramento significa a marginalidade e a exclusão, no país que precisa de tantas reformas, necessitando de acompanhar o avanço tecnológico para colocar a serviço da cidadania e do mundo do trabalho, o arquivamento da propositura faz bem ao Brasil.

Paulo Freire é pernambucano de Recife, venceu a exclusão, estudou e trabalhou intensamente, professor, perseguido pela ditadura instalada em 1964, escreveu seu principal livro no Chile, em face às experiências campesinas, denominada de Pedagogia do Oprimido e toda a sua obra é decorrente deste, tendo livros festejados internacionalmente como Pedagogia da Esperança e Pedagogia da Autonomia.

O planejamento pedagógico e gestão escolar, organização curricular, avaliação escolar, escola cidadã deve a Paulo Freire nos intensos debates realizados na academia e nas experiências da prática, principalmente em face da educação iniciada na gestão da Prefeita Luiza Erundina em São Paulo, e outras municipalidades podendo destacar Porto Alegre, Belo Horizonte e Caxias do Sul.

O patrono da educação brasileira, Paulo Freire, que passou sua infância entre Recife e Jaboatão dos Guararapes, ensinou em Harvard nos Estados Unidos da América, trabalhou no Conselho Mundial das Igrejas Cristãs em Genebra/Suíça, prestou assessoria a vários Ministérios da Educação, e enfrentou uma experiência formidável na África com alfabetização de adultos.

Paulo Freire esteve no Rio Grande do Norte, organizou a experiência de alfabetização em Angicos no Governo Aluízio Alves, estava na entrega dos certificados aos alfabetizados com João Goulart, participou do programa de Pé no chão se aprende a Ler, em Natal, no Governo Djalma Maranhão, colaborando com a formação dos monitores para os grupos de alfabetização.

A alfabetização dos adultos foi seu grande tema, além de uma metodologia, com conteúdo de formação de cidadania, dos indivíduos encontrarem a sua realidade e saber intervir para melhorar sua condição, dar prosseguimento com base na leitura e na profissionalização, na formação do novo ser humano, próprio da dignidade e dos direitos humanos, foi um cristão convicto, e lecionou na PUC de São Paulo. (PN)

Secretaria de Educação Convida todos Montanhenses para “I Mostra Cultural”

A Prefeitura Municipal de Montanhas, através da Secretaria Municipal de Educação tem a honra de convidar todos os Montanhenses para participarem da I Mostra Cultural – resgatando e valorizando a cultura popular das regiões brasileiras

Prazo para renovação de contratos do FIES é prorrogado para 30 de novembro

Originalmente, o prazo terminava, nesta segunda-feira, 20, e foi estendido por mais 10 dias. De acordo com o Ministério da Educação, esta é a última prorrogação do prazo e chance dos interessados em continuar com o financiamento.

Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, 21, trará a publicação da portaria que oficializa a prorrogação do prazo.

Segundo o Ministério da Educação, do total de 1,28 milhões de contratos previstos para este semestre, 1.067.568 alunos já haviam feito o aditamento até a última sexta-feira. Isso representa 83% do montante oferecido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A renovação é feita semestralmente, com as universidades fazendo o pedido inicial de prorrogação e em seguida, os estudantes confirmando as informações que as instituições inseriram no Sistema Informatizado do Fies (SisFies).

Alunos do IFRN estão aptos para participar do Programa Jovem Aprendiz


Foto: Redação do PN

A Pró-Reitoria de Extensão (Proex) do IFRN, através da Assessoria de Relações com o Mundo do Trabalho, divulgou mais uma parceria voltada ao mercado profissional. Desde o início do ano, além dos estágios, os alunos podem participar também do Programa Jovem Aprendiz. A grande vantagem do programa, comparando-se ao estágio, é a inserção do aluno num programa que permite o registro em carteira profissional de trabalho, o que garante os direitos comuns a todos os trabalhadores contratados sob as diretrizes da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O sistema funciona com as empresas cadastradas procurando as instituições de ensino para solicitar indicações de possíveis aprendizes. No programa, a jornada de trabalho de um jovem aprendiz, em regra, excede seis horas diárias.

Segundo a Lei da Aprendizagem (10.097/2000), um jovem aprendiz é aquele que está estudando em uma instituição pública ou privada e trabalhando ao mesmo tempo. Neste meio tempo, o jovem irá receber uma formação única para a profissão em que está se profissionalizando. Dentro da estrutura organizacional do IFRN, as vagas para aprendiz são, exclusivamente, para alunos dos cursos técnicos, nas modalidades integrado ou subsequente. Outros pré-requisitos são: ter entre 16 e 24 anos (incompletos) e ter a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS). Para os alunos dos cursos integrados, há um requisito extra: os interessados no programa têm de estar no 3º ou 4º ano de curso. Já o estudante do subsequente não tem exigência mínima de currículo acadêmico. É importante lembrar que as vagas que serão abertas são voltadas, unicamente, para estudantes dos cursos técnicos: alunos da licenciatura, os tecnólogos e de ensino médio na modalidade Jovens e Adultos (EJA) estão fora do programa por impeditivo legal.

O processo de contratação do aluno do IFRN é bastante simples, basta acessar o portal (http://portal.ifrn.edu.br/extensao/estagios-e-egressos/aprendizagem/resumos), verificar os cursos já validados e fazer contato com o campus que oferta o curso escolhido para informar o número de vagas necessárias e organizar o processo seletivo.

Hoje, no IFRN, são 127 cursos cadastrados e validados na plataforma Juventude Web, que é a plataforma que gerencia programas de aprendizagem no Brasil, mantida pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MtE).

Contrato de aprendizagem

Para o professor Thiago Loureiro, a iniciativa, sob a perspectiva do contratante, é bastante válida. “A lei da aprendizagem obriga as médias e grandes empresas (a partir de sete funcionários) a contratarem entre cinco e sete por cento de seu quadro funcional entre aprendizes, o que desestimula as vagas de estágio. Já fazer a formalização como aprendiz ajuda ao empregador no cumprimento da cota, obedecendo a lei e não sofrendo penalidades por parte do Ministério do Trabalho e Emprego”.​

Confira a lista das Universidades Federais que devem fechar por cortes de Temer

A crise nas universidades federais chegou e com força, o fim do mundo literalmente chegou para elas com os cortes do governo federal, algumas universidades falta dinheiro até para pagar a luz, em outras para pagar o papel, algumas federais dizem que podem encerrar atividades por falta de dinheiro até para manter a estrutura, veja algumas dessas federais ameaçadas de fechamento:

1-UERJ

Não é universidade federal mas o governo Temer/PSDB pediu ao estado do RJ para fechar a universidade para poder ajudar o estado a sair do caos fiscal que está mergulhado o estado, uma medida das mais drásticas em um governo que perdoa dívidas, dá dinheiro a deputados e corta o que é possível da educação pública.

2- UFRGS

Com déficit na casa dos R$ 40 milhões e com cortes do governo federal, a UFRGS é outra universidade que está sem dinheiro para manter seus custos, os cortes não estão dando conta de manter em pleno funcionamento a universidade.

3-Universidades do Interior de Minas

As universidades do estado de Minas e mais especificamente do interior, podem também encerrar as atividades, algumas já dizem que até o fim desse ano de 2017 podem fechar. O corte nessas universidades chega a 45% do que era investido em 2016.

4- Universidade Federal do Alagoas

Segundo jornais locais do Alagoas o corte do governo Temer na Universidade chega na casa dos 40% do que foi destinado em 2016. E segundo as mesmas publicações a universidade pode fechar ainda esse semestre.

5-UFRJ
A universidade federal do Rio de Janeiro já tem cursos paralisados por falta de verba e também enfrenta crise com os cortes do governo federal, uma das mais importantes universidades do país mostra na prática o que é o desmonte nos governos da direita.

Pesquisa? Tchau querida.

Verba para pesquisa, ciência e tecnologia acabou, as estimativas de orçamento iam até agosto desse ano, segundo o CNPQ. O lance é tão grave que até os gringos comentam o corte na ciência através da mais importante revista científica do mundo que o país não terá futuro com esses cortes.

Banco Mundial diz que a PEC 55 vai destruir a educação pública brasileira

Já tem Federal cobrando por seus cursos…
Já tem universidade federal que está cobrando por cursos de pós graduação, o que deveria ser educação pública e de acesso a todos, começa a ser mercantilizado.

Bolsa de Pesquisa e estudos? Esquece
Já cortaram bolsas de pesquisas e estudos de alunos de federais como mostra a reportagem da Folha de São Paulo, um golpe em cheio em alunos e cientistas brasileiros que produzem conhecimento para o país.

Se conclui…
Que com o Impeachment de Dilma e a subida ao poder do PSDB/DEM/ Temer, a educação se tornou alvo de interesse de tubarões do ensino, alvo de privatização e precarização, a lista de universidades que podem fechar ainda esse ano mostram a política que eles levam a cabo com apoio da mídia, de setores do Judiciário e da elite econômica do país, que podem definitivamente acabar com o futuro do país.

Metrópole Digital abre 840 vagas para cursos técnicos na UFRN

O Instituto Metrópole Digital lançou edital para preencher 840 vagas em cursos técnicos de Automação Industrial, Eletrônica, Informática para Internet, Programação de Jogos Digitais e Redes de Computadores. Em modalidade semipresencial, a formação dura um ano e meio.

As inscrições seguem até o próximo dia 6 de novembro, no site da Comperve (aqui) e custam R$ 30, mas os candidatos com baixa renda também podem pedir isenção do pagamento da taxa.

Os cursos serão ofercecidos nos municípíos de Natal, Mossoró, Caicó, Angicos e Pau dos Ferros. A capital potiguar conta com 440 vagas, enquanto Mossoró terá 160 oportunidades. Já os demais municípios terão 80 vagas, cada.

O processo é aberto aos candidatos que estejam matriculados ou tenham concluído o Ensino Médio. A prova será realizada no dia 26 de novembro, a partir das 8h, nos municípios polos do IMD.

50% das vagas oferecidas serão reservadas para os candidatos que cursaram integralmente o Ensino Fundamental em escolas públicas.

As aulas acontecem presencialmente por 4h semanais, nos turnos matutino, vespertino ou noturno, à escolha do aluno.

Secretaria da Educação aprova Calendário Escolar e informa início do ano letivo em 2018 no RN

Imagem: Reprodução/internet

O início do ano letivo para 2018, no Rio Grande do Norte será em 19 de fevereiro. O término do 4º bimestre está programado para 21 de dezembro.

O recesso do meio do ano ocorre entre os dias 22 de junho e 6 de julho.

A Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC) aprovou o Calendário Escolar de 2018. A portaria foi divulgada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira, 18.

Leia a portaria:

Portaria nº 1378/2017-SEEC/GS

A SECRETÁRIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO E DA CULTURA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso de suas atribuições legais,

RESOLVE:

Art. 1º Aprovar o Calendário Escolar de 2018, em anexo, a ser adotado pela Rede Estadual de Ensino do Rio Grande do Norte, com início do ano letivo em 19 de fevereiro de 2018.

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Publique-se. Registre-se. Cumpra-se.
Natal/RN, 16 de outubro de 2017
Cláudia Sueli Rodrigues Santa Rosa
Secretária de Estado da Educação e da Cultura

Uma homenagem poética de Cora Coralina ao Dia dos Professores

Resultado de imagem para cora coralina

Cora Coralina, pseudônimo de Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas (1880-1985), nasceu em Goiás Velho. Mulher simples, doceira de profissão, tendo vivido longe dos grandes centros urbanos, alheia a modismos literários, produziu uma obra poética rica, conforme o belo poema “Elevar”, que publicamos hoje para homenagear o Dia do Mestre.

ELEVAR 
Cora Coralina

Professor, “sois o sal da terra e a luz do mundo”.
Sem vós tudo seria baço e a terra escura.
Professor, faze de tua cadeira,
a cátedra de um mestre.
Se souberes elevar teu magistério,
ele te elevará à magnificência.
Tu és um jovem, sê, com o tempo e competência,
um excelente mestre.

Meu jovem Professor, quem mais ensina e quem mais aprende?
O professor ou o aluno?
De quem maior responsabilidade na classe,
do professor ou do aluno?
Professor, sê um mestre. Há uma diferença sutil
entre este e aquele.
Este leciona e vai prestes a outros afazeres.
Aquele mestreia e ajuda seus discípulos.
O professor tem uma tabela a que se apega.
O mestre excede a qualquer tabela e é sempre um mestre.
Feliz é o professor que aprende ensinando.
A criatura humana pode ter qualidades e faculdades.
Podemos aperfeiçoar as duas.
A mais importante faculdade de quem ensina
é a sua ascendência sobre a classe
Ascendência é uma irradiação magnética, dominadora
que se impõe sem palavras ou gestos,
sem criar atritos, ordem e aproveitamento.
É uma força sensível que emana da personalidade
e a faz querida e respeitada, aceita.
Pode ser consciente, pode ser desenvolvida na escola,
no lar, no trabalho e na sociedade.
Um poder condutor sobre o auditório, filhos, dependentes, alunos.
É tranquila e atuante. É um alto comando obscuro
e sempre presente. É a marca dos líderes.

A estrada da vida é uma reta marcada de encruzilhadas.
Caminhos certos e errados, encontros e desencontros
do começo ao fim.
Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.
O melhor professor nem sempre é o de mais saber,
é sim aquele que, modesto, tem a faculdade de transferir
e manter o respeito e a disciplina da classe.

Relatório de Rafael Motta sobre destinação de mais recursos para transporte escolar é aprovado por unanimidade


O deputado federal Rafael Motta, do PSB, apresentou hoje (24), em reunião da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, relatório favorável ao projeto que destina mais recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para custeio do transporte escolar. No relatório, Rafael Motta também acrescentou ao projeto a previsão de que reajustes futuros passam a ser feitos de forma anual, baseados na inflação. O texto foi aprovado por unanimidade pela Comissão.

“A União presta assistência financeira suplementar aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios, para garantir o transporte escolar. Porém, esse apoio federal tem sido insuficiente há vários anos e hoje não representa nem 15% do custo total do transporte. Por isso, o que fazemos aqui é dar resposta a um problema que vem sendo relatado pelos municípios de forma recorrente: a grande diferença entre os recursos repassados e o efetivamente gasto pelas administrações locais, que já passam por grandes dificuldades diante da crise financeira que afeta, principalmente, estados e municípios”, explicou Rafael Motta.

Além de apresentar parecer sobre o reajuste, Rafael Motta também acrescentou ao projeto que a atualização anual dos valores repassados para o transporte escolar serão feitos de forma anual, com base na inflação. “Atualmente, não há nenhum dispositivo legal que trata a atualização desses valores. Dessa forma, a atualização, quando feita, é baseada apenas nas variações orçamentárias destinadas a execução do programa e isso torna os valores muito defasados em relação ao custo do serviço ou, até mesmo, congelados”, acrescentou.

Com o relatório do deputado federal do PSB, o projeto de lei, registrado com o número 2508/15 e de autoria da Comissão Especial do Pacto Federativo, segue agora para a Comissão de Finanças e Tributação e, depois, para a de Constituição e Justiça e de Cidadania. Proposição é sujeita à apreciação do plenário da Câmara dos Deputados e tramita sobre regime de prioridade.

Assessoria de Comunicação

A Uninassau em Parnamirim

Por Dr. Evandro Borges (Advogado)
A Universidade Maurício de Nassau, que leva o nome do Conde, governador da Companhia das Índias Ocidentais no Brasil Colônia, com capital em Recife, no século XVII, encontra-se instalada em prédio completamente modernizado e adequado ao mundo acadêmico em Parnamirim, à Rua João XXIII, vizinho ao Banco do Brasil, no edifício que serviu ao Shopping da Coahabinal.
A entrada no Rio Grande do Norte da Universidade Maurício de Nassau se deu pela Avenida Roberto Freire em Capim Macio, e depois em Lagoa Nova, chegando a Parnamirim, a terceira cidade do Estado e segunda da Região Metropolitana de Natal, contando atualmente com uma população estimada em torno de duzentos e cinquenta mil habitantes.
A pujança de Parnamirim, considerado o ninho da Aeronáutica, é conhecida pelo parque industrial, pelo comércio, pelos diversos polos, principalmente por Nova Parnamirim e Cidade Verde, pela Praia de Pirangi e o cajueiro, pelo seu veraneio e carnaval, pela modernização administrativa efetuada pelo saudoso jornalista Agnelo Alves, a Trampolim da Vitória da segunda guerra mundial.
O que faltava em Parnamirim era o mundo acadêmico, começado a ser superado com a instalação de um Instituto Federal de excelência voltado para a formação profissional para o mundo do trabalho e uma Universidade, contando com diversos cursos de graduação, de Educação a distância e pós graduação, que forme uma inteligência local, fortalecendo a identidade municipal, contribuindo para uma “expertise” no âmbito do Município.
A Uninassau já começou suas atividades, está contribuindo com um programa gratuito para o mundo do trabalho, denominado “Capacita” de cursos profissionalizantes, com duração rápida, na maioria de oito horas, reciclando profissionais, preparando jovens para o primeiro emprego, sendo relevante neste momento de crise e de tanta violência,  que se abate contra a juventude.
Um curso de pós-graduação que chama atenção é MBA em gestão pública, que será importante para o setor público regional, na preparação dos quadros, dos agentes públicos, melhorando a máquina administrativa, a fim de alcançar o postulado da eficiência na administração, princípio previsto nas Constituições Federal e Estadual, ensejando, aos agentes políticos da Região Metropolitana de Natal, todo esforço para sua execução, contribuindo efetivamente, e haja vista, o investimento mensal não ser alto, algo em torno de duzentos e cinquenta reais.
A iniciativa e empreendedorismo na área da Educação, neste momento são primordiais, o sistema de politicas de financiamento do governo federal para o acesso aos cursos universitários são animadores, consiste em inclusão social, formação de cidadania e capital humano, para alavancar processos de desenvolvimento, devendo merecer, por todos aqueles de boa fé, o incentivo e posicionamento favorável.

Governo do RN convoca 208 professores efetivos aprovados no concurso 2015

Secretaria da Educação e da Cultura, realiza a convocação de 208 professores para compor o quadro efetivo da rede estadual de educação. A lista dos convocados está publicada na edição do Diário Oficial do RN do sábado (15).

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação e da Cultura, realiza a convocação de 208 professores para compor o quadro efetivo da rede estadual de educação. A lista dos convocados está publicada na edição do Diário Oficial do RN deste sábado (15).
São professores de pedagogia, arte, arte-música, libras, educação física, ensino religioso, física, geografia, história, espanhol, inglês, português, matemática, química, biologia, sociologia e filosofia que atuarão nas 16 Diretorias Regionais de Educação e da Cultura (Direcs). Com a publicação chega a um total de 4.408 o números de profissionais convocados desde o início de 2015.
Os convocados foram selecionados no concurso que teve início no mês de novembro de 2015, quando foi publicado o edital com 1.400 vagas, sendo 1.226 das vagas para professor de diversas áreas e 174 para suporte pedagógico.
Os candidatos terão trinta dias, a partir desta publicação, para se apresentarem nas Direcs para as quais os aprovados se inscreveram com a documentação exigida no Edital 001/2015 SEARH-SEEC/RN.
Os candidatos devem no ato de apresentação portarem os seguintes exames médicos necessários: atestado de sanidade mental, válido por trinta dias; hemograma; glicemia em jejum; sumário de urina com sedimentoscopia; parasitológico de fezes. Esses documentos têm que ter a validade de 90 dias. As candidatas gestantes devem apresentar laudo de ginecologista atestando estarem isentas dos exames de radiologia. Os professores devem também portarem com validade de 6 meses documentos de eletrocardiograma com parecer de um cardiologista, e o raio x do tórax em PA e Perfil com laudo de um radiologista.
Os candidatos com idade igual ou superior a 45 anos do sexo masculino devem apresentar dosagem PSA; citologia oncótica para candidatos do sexo feminino, com parecer de médico ginecologista; mamografia para o sexo feminino com idade igual ou superior a 45 anos com parecer de médico mastologista.
Também estão sendo exigidos dos candidatos o diploma de conclusão de curso com habilitação para o cargo, devidamente registrado por órgão competente, e os documentos pessoais: cópia de cédula de identidade, cópia de cadastro de Pessoa Física – CPF, comprovante de residência, cópia do título de eleitor e declaração de quitação eleitoral, cópia da certidão de reservista (sexo masculino), cópia de CTPS – Carteira de Trabalho e Previdência Social (página com foto – frente e verso e todos os contratos de trabalho assinado  e a seguinte em branco, cópia do PIS ou PASEP, cópia de certidão de nascimento ou casamento, atestado de saúde ocupacional habilitando o candidato para o exercício do cargo expedido por Junta Médica Oficial.
Deve também apresentar o número da conta bancária e agência em nome do titular da conta (conta do Banco do Brasil), certidão negativa de antecedentes criminais expedidas pelas Justiça estadual e federal, assim como, pela Polícia Civil da localidade em que o candidato possuir residência nos últimos cinco anos, e cópia da carteira de inscrição no Conselho Regional de Educação Física para os convocados de Educação Física.
INSPEÇÃO MÉDICA ADMISSIONAL
Os convocados devem procurar a Comissão Permanente de Inspeção Médica Oficial, situada na sede da SEARH/RN, Centro Administrativo do Estado- BR 101, Km 0, Lagoa Nova –CEP: 59064-901- Natal/RN, para agendar atendimento através do telefone (84) 3232-1022, no horário de 8h às 12h.

IFRN oferecemais de 100 vagas para cursos de Pós-graduação

Editais contemplam professores da rede pública de ensino e servidores efetivos da Instituição

A Pró-Reitoria de Ensino do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) divulgou a abertura das inscrições do processo seletivo para Cursos Superiores de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de Especialização, com ingresso no segundo semestre letivo de 2017. São dois editais, que contemplam, ao todo, 164 vagas, sendo 144 paraprofessores da rede pública de ensino e 20 para servidores efetivos do Instituto.

Com aulas nos campi Canguaretama, Currais Novos, Natal-Cidade Alta e Parnamirim, as vagas são para os cursos de Ensino de Ciências Naturais e Matemática, Gestão de Programas e Projetos de Esporte e de Lazer na Escola e em Educação de Jovens e Adultos no contexto da Diversidade. As inscrições começam a partir das 14h da quarta-feira, 17 de maio, no site de processos seletivos do IFRN (http://processoseletivo.ifrn.edu.br).

O candidato deverá efetuar o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 50, até o dia 30 de maio de 2017. Já para solicitar a isenção, deverá realizar os procedimentos que constam nos Editais, no período de 17 a 21 de maio de 2017.

Preenchimento das vagas

O preenchimento das vagas, por campus e curso, será através de processo classificatório e eliminatório, realizado por meio de análise do curriculum acadêmico e do histórico do curso de graduação dos candidatos inscritos, observando-se, neste, o Índice de Rendimento Acadêmico (I.R.A.).

O resultado final do Processo Seletivo será divulgado a partir do dia 28 de julho de 2017, no Portal do IFRN e no Portal do Candidato no Sistema Gestor de Concursos (SGC) do Instituto.

Confira os Editais:

Edital nº22/2017 – PROEN: Pós-Graduação – Lato Sensu – em nível de Especialização: professores efetivos da rede pública de ensino

Edital nº23/2017 – PROEN: Pós-Graduação – Lato Sensu – em nível de Especialização: servidores efetivos do IFRN

Montanhas – RN – Reunião com os Professores e o Prefeito

O Executivo municipal vem mantendo constante diálogo com os professores e o Sinte-RN. O salário atrasado do mês de dezembro de 2016 tem sido o principal tema em questão. No início do ano, no intuito de minimizar o impacto negativo da falta de salário dos professores, em acordo com a categoria, parcelou a dívida herdada da gestão anterior.

Nesta quinta feira, pela manhã, o prefeito reuniu-se em audiência mais uma vez com o Sinte-RN e uma comissão de professores da rede municipal. O sindicato propôs a redução das parcelas do salário em atraso. Entretanto, o Executivo esclareceu a inviabilidade técnica, através de dados financeiros, de viabilizar o pleito para este mês, tendo em vista que ainda está em processo de quitação de dívidas em atraso para com o INSS, dos servidores da educação do mês de dezembro e décimo terceiro.

A redução das parcelas do salário em atraso poderá ser realizada nos próximos meses ou até a quitação da dívida, antes do previsto. Importante ressaltar que os professores já estão recebendo o Piso Salarial nacional atualizado desde janeiro, o terço de férias foi pago em dia e as promoções em atraso, algumas de até dois anos ou mais, estão saindo do papel.

O Executivo reafirmou seu compromisso com a educação do município e apoio e respeito aos profissionais da educação, como agentes importantes para fomentar as melhorias necessárias e elevar a qualidade do ensino no município.

Assembleia Legislativa aprova reajuste do piso do Magistério

af46e5848e22ebde606e37734e7ae75f

Por unanimidade os deputados votaram favorável ao reajuste de 7,64% do Magistério, beneficiando os Professores e Especialistas de Educação do RN. Com a aprovação, na sessão plenária desta quarta-feira (22), o Governo Estadual segue o que determina a Lei Federal 11.738, de 16 de julho de 2008, instituindo o piso nacional da categoria. O governador em exercício, Fábio Dantas (PCdoB), presente na Casa no momento da votação, sancionou o projeto.

“Esta Casa se sente honrada em contribuir com a conquista de todo o Magistério”, afirmou o presidente em exercício da Assembleia Legislativa, deputado Gustavo Carvalho (PSDB).

Logo que o projeto do Executivo chegou à Casa, o presidente do Legislativo do RN, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB) convocou reunião do Colegiado de Líderes, que decidiu pela urgência da matéria

O reajuste beneficia os Professores e Especialistas de Educação das Unidades Escolares de Educação Básica e da Secretaria de Educação e da Cultura, incluindo as Diretorias Regionais de Ensino que exerçam as atividades de suporte pedagógico à docência, compreendendo as funções de direção, administração, planejamento, inspeção, supervisão, orientação e coordenação serão abrangidos pelo reajuste.

IFRN lança edital de curso a distância para alunos do 9º ano de escolas públicas

 

IFRN lança edital de curso a distância para alunos do 9º ano de escolas públicas

A Pró-Reitoria de Ensino do IFRN (Proen) divulgou na tarde de hoje o Edital 10/2017, referente ao Programa de Iniciação Tecnológica e Cidadania (ProITEC). O Programa é voltado exclusivamente a estudantes da rede pública de ensino, com o objetivo de reforçar a aprendizagem relativa ao ensino fundamental. “O material didático recebido pelos inscritos e a prova que eles fazem também serve de preparação para o processo seletivo que dá acesso aos cursos técnicos integrados de nível médio do IFRN”, explicou o coordenador de Acesso Discente da Instituição, professor Everaldo Pereira.

Podem se inscrever os estudantes que estão cursando o 9º ano e fizeram todo o ensino fundamental em escola pública. O período de inscrição começa no dia 20 de fevereiro, às 14h, e segue até as 22h do dia 16 de março. As inscrições são feitas exclusivamente pela internet, no site http://processoseletivo.ifrn.edu.br, mas os estudantes que não tiverem acesso podem se dirigir até um campus do IFRN para se inscrever.

 Os inscritos devem pagar a taxa de inscrição, no valor de R$ 20, até o dia 17 de março. A isenção da taxa pode ser solicitada no período de 20 de fevereiro a 6 de março 2017, também através do site de processos seletivos do IFRN.

COMO RECEBER O MATERIAL DIDÁTICO?

Todos os estudantes inscritos no ProITEC devem confirmar a inscrição, entre os dias 3 e 7 de abril de 2017, no campus para o qual se inscreveu, o que garantirá o recebimento do material didático. Para confirmar a inscrição, é necessário entregar a seguinte documentação:

a) uma foto 3×4 recente; 

b) documento de identificação, em conformidade com o item 6, registrado no ato da inscrição (fotocópia e original); 

c) comprovante de pagamento da taxa de inscrição (fotocópia e original); 

d) a certidão/declaração escolar que comprove a escolaridade (fotocópia e original) – modelo no Anexo III deste Edital –, para a condição referida no item 3, alínea “a”; 

e) o Histórico Escolar do Ensino Fundamental (fotocópia e original), para a condição referida no item 3, alínea “b”

O material didático contém: um livro texto, acompanhado de DVD contendo as teleaulas gravadas, e um livro de atividades para subsidiar os estudos. 

POR QUE FAZER A PROVA DO PROITEC?

A prova do ProITEC será realizada no dia 16 de julho, das 13h às 17h, com prova de Língua Portuguesa, Matemática e Ética e Cidadania. 

A nota da prova não será contabilizada para dar acesso aos cursos do IFRN. No entanto, a avaliação ajuda a se preparar para o exame de seleção. O aluno que realizar a prova terá disponibilizado o Certificado de Participação no ProITEC 2017, a partir do dia 17 de outubro de 2017.

Acesse:

Atenciosamente,
Assessoria de Comunicação e Eventos (ASCE)
(84) 4005-0757 | 4005-0758 | 4005-0889

Confira as datas do Sisu, ProUni e Fies, processos seletivos que usam o Enem

enem-universidades-publicas-participantes

O Ministério da Educação (MEC) anunciou hoje (18) o calendário dos processos seletivos que utilizam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para acesso ao ensino superior. Os processos são todos online e podem ser acessados a partir do site do MEC. Para participar de todos eles, o estudante precisa pelo menos não ter zerado a redação.

O primeiro processo seletivo a ser aberto é o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), cujas inscrições serão de 24 a 29 de janeiro. O Sisu oferece vagas em instituições públicas de ensino superior. Nesta edição serão ofertadas 238 mil vagas em 131 universidades federais e estaduais e institutos federais e instituições estaduais. A partir de amanhã (19), as vagas estarão disponíveis na internet para consulta.

O Programa Universidade para Todos (ProUni) abre o processo seletivo no dia 31 de janeiro e encerra no dia 3 de fevereiro. O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais em instituições particulares de ensino. É exigida também a nota mínima de 450 pontos na média das provas do Enem.

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terá as inscrições abertas entre 7 e 10 de fevereiro. O Fies oferece financiamento em instituições particulares a estudantes que obtiveram pelo menos 450 pontos na média do Enem e não zeraram a redação.

Nota do Enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou hoje o resultado do Enem 2016. Os cerca de 6 milhões de candidatos que fizeram as provas já podem conferir as notas na página do participante do Enem. Para acessar, é necessário informar o CPF e a senha escolhida na hora da inscrição. Segundo balanço do MEC, até o final da manhã, 1,3 millhão já haviam consultado a nota.

Os estudantes têm acesso a uma tabela com a nota obtida em cada uma das provas: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Eles ainda não têm, no entanto, acesso ao espelho da redação, com a correção mais detalhada do texto, que será divulgado posteriormente.

IFRN oferta mais de 800 vagas para cursos de graduação via SISU; oportunidades para Nova Cruz e Canguaretama

 ifrn-300x300

A Pró-Reitoria de Ensino divulgou o Edital Nº 03/2017 referente ao processo seletivo para os cursos de graduação via SISU. Estão sendo ofertadas 897 vagas, sendo 272 para cursos de licenciatura, 585 para cursos de tecnologia e 40 vagas para o curso superior de Engenharia de Energias. Os cursos são divididos entre treze campi do IFRN: Natal-Central; Natal-Zona Norte; Macau; Parnamirim; Apodi; Caicó; Ipanguaçu; João Câmara; Currais Novos; Canguaretama; Nova Cruz e São Gonçalo do Amarante.

As inscrições serão realizadas através do site do SISU entre os dias 24 e 27 de janeiro. O Processo Seletivo para ingresso prevê início das aulas para o 1º semestre letivo de 2017.

Durante sua inscrição o candidato deve especificar em qual perfil se encaixa, podendo ser:

a) Ampla Concorrência.
b) L1 – Candidatos com renda familiar bruta per capita inferior ou igual a 1,5 salário mínimo que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012).
c) L2 – Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita inferior ou igual a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012).
d) L3 – Candidatos que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012).
e) L4 – Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independentemente da renda (art. 14, II, Portaria Normativa nº 18/2012), tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº 12.711/2012).

O resultado final, tem publicação prevista para o dia 30 de janeiro de 2017, podendo no mesmo dia aqueles que não forem classificados se inscrever para participar da lista de espera, cujo resultado será divulgado em 16 de fevereiro.

Os alunos selecionados terão de 03 a 07 de janeiro  para realizar a matrícula na Diretoria Acadêmica responsável pelo seu curso, nos horários estabelecidos no Anexo I do Edital.

Acesse:

Site SISU

Edital 03/2017 – SISU 2017.1

Edital 05/SISU

Com informações do IFRN

Incrições para o Sisu começam na terça-feira

sisu-2011-MEIO DO-ANO

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) começam esta semana, do dia 24 ao dia 27 de janeiro. As vagas já estão disponíveis e os estudantes podem aproveitar o final de semana para pesquisar as melhores opções.

A consulta pode ser feita no site do Sisu por curso, instituição e município. Ao todo, são 238.397 vagas 131 instituições públicas. O Sisu seleciona os estudantes com base na nota no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Cabe a cada instituição definir o cálculo que utilizará para a seleção dos novos alunos. Para participar do processo, o estudante não pode ter tirado nota zero na redação do exame. Ao todo, mais de 6,1 milhões fizeram o Enem em 2016.