Daily Archives: 30/07/2021

Zera nesta sexta-feira (30) em Montanhas o número de COVID 19

Imagem: Luana Sá

Um dado muito significativo para o Município de Montanhas nesta sexta-feira (30) é que o número de positivos sobre COVID 19 chegou a zero (0).

O Boletim apresentado nesta data 30 de julho, vem com resultados das vacinas e comprovação do que está sendo realizado em Montanhas. Parabéns para os profissionais da Saúde que vem trabalhando desde o início de toda essa pandemia com afinco e dedicação no combate a esta crise que atinge todos os Municípios do Brasil. Parabéns aos Montanhenses em colaborar com a Secretaria de Saúde do Município.

Montanhas já recebeu 6.601 doses que totaliza um percentual de 57,83% com relação ao número populacional do município 11.413 mil habitantes, conforme dados do último Censo Demográfico – IBGE.

Veja aqui o quadro informativo de Aplicação das doses com essas referencias:

Aplicações com a 1ª dose – 4.542 …………….. 39,79%

Aplicações com a 2ª dose – 1.697 ……………. 14,86%

Aplicações 1ª e 2ª dose – 6.239 …………….. 54,66%

Esses dados são da Vigilância Sanitária pela Secretaria Municipal de Saúde que cuidadosamente vem apresentando diariamente os números em seus boletins informativos e semanalmente o número de doses aplicadas, além do acumulado desde março de 2019.

Importante ressaltar que vai continuar o programa da vacina até chegar a certeza de que todos estarão imunizados. Agora mais do que nunca, precisamos estar atentos, vigilantes e seguindo todas as precauções indicativas pelos órgãos de saúde. Vamos manter o uso de máscara, distanciamento social e evitar aglomerações.

Acompanhe na íntegra o Boletim publicado nas redes sociais pela Assessoria de Comunicação do Município.

Instagram: Prefeitura de Montanhas (@prefeiturademontanhasrn) • Fotos e vídeos do Instagram
https://instagram.com/prefeiturademontanhasrn

Facebook: (20+) Prefeitura Municipal de Montanhas | Facebook
https://www.facebook.com/446719112399303

Com empregos perdidos pela Pandemia, cerca de R$ 63,4 milhões deixaram de circular no RN, aponta análise da Fecomércio

Man holds his Brazilian document work and social security (Carteira de Trabalho e Previdencia Social).

A partir dos dados do Caged, Federação detalha impactos do déficit de cerca de 6,2 mil empregos com carteira assinada no primeiro semestre de 2021 

Natal (RN), 30 de julho de 2021 – De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, divulgados ontem (29), o Rio Grande do Norte encerrou o primeiro semestre com alta na geração de empregos, somando 12,3 mil carteiras assinadas. Apesar de animador, o número representa um déficit de cerca de 6,2 mil empregos formais, em relação ao mesmo período do ano passado. 

Considerando o salário médio do trabalhador potiguar com carteira assinada, na casa dos R$ 1,7 mil, estas vagas perdidas representaram um total de R$ 10,6 milhões a menos, por mês, em massa salarial disponível no mercado potiguar. No acumulado do semestre, são cerca de R$ 63,4 milhões que deixaram de circular. 

Presidente da Fecomércio RN, o empresário Marcelo Queiroz destacou que esse indicador mostra um pouco dos impactos causados pela Pandemia na economia do estado. “Estamos iniciando o processo de superação de uma crise sem precedentes e que certamente ainda demandará muita articulação e trabalho para ser superada. Eu tenho destacado a importância e o potencial do setor de Serviços nesse contexto de recuperação, especialmente nas atividades ligadas ao Turismo e na área de Eventos, algo que foi confirmado pelos dados do Caged”, afirmou. 

Com um saldo de 9.360 vagas, o setor de Serviços recuperou, com folga, os 6.001 empregos perdidos entre janeiro e junho de 2020, dando uma contribuição substancial para o saldo positivo do primeiro semestre no estado. Somente em junho, foram 2.068 novos empregos no setor, representando mais de 43% do total das novas carteiras assinadas no RN. 

O setor de Comércio perdeu 4.064 empregos no primeiro semestre de 2020, e, neste primeiro semestre de 2021, teve saldo positivo de 3.775 vagas, registrando saldo negativo de apenas 289 postos. 

Segundo Marcelo Queiroz, o momento é de concentrar esforços e estabelecer parcerias e ações para apoio ao empresário neste momento de retomada. “Através da Fecomércio, estamos buscando ampliação de parcerias e construção de novos caminhos. Temos buscado o Governo, o segmento bancário, retomado parcerias internacionais, bem como estruturado projetos com foco na promoção da inovação e competitividade de nichos empresariais e regiões específicas do estado, além de apoiar diversas ações para o fortalecimento do Turismo. Somente com iniciativas efetivas, ampliaremos o ritmo de crescimento das atividades econômicas e recuperamos os impactos deixados pela Pandemia”, finalizou.

MUNICÍPIO DE MONTANHAS REPASSA FOLHA SALARIAL NESTA SEXTA-FEIRA (30)

Do Site Oficial do Município de Montanhas

MUNICÍPIO DE MONTANHAS REPASSA FOLHA SALARIAL NESTA SEXTA-FEIRA (30)

Assessoria de Comunicação

O Prefeito de Montanhas, Manuel Gustavo, autorizou a Secretaria de Finanças e Tributação realizar o repasse da folha salarial referente ao mês de julho/2021 do funcionalismo público municipal.

Com isso, os servidores de Montanhas seguem com o pagamento dentro do mês trabalhado. É um compromisso que vem sendo rigorosamente em dia desde janeiro de 2017, quando o prefeito assumiu o seu primeiro mandato e que vem acontecendo até a presente data, com destaque ainda, para alguns meses que aconteceram as antecipações salariais decorrentes de datas oportunas.

A quitação de 100% da folha reporta para um total bruto de R$ 1.185.044,22 (um milhão, cento e oitenta e cinco mil, quarenta e quatro reais e vinte e dois centavos). O valor líquido já com os descontos de praxe, é injetado nas contas dos funcionários a qual mantém relação de crédito financeiro nos bancos, um total de R$ 885.839,02 (oitocentos e oitenta e cinco mil, oitocentos e trinta e nove reais e dois centavos). Informa o Chefe de Recursos Humanos e Folha de Pagamento Deyvid Thierre.

Esse valor de quase 900 mil reais em circulação nas contas dos servidores é muito importante para o movimento do comércio local. Compromisso com a valorização do funcionalismo é também uma valorização com todos os meios de comércios existentes na municipalidade. Essa assertiva condiciona para uma forma direcional ao agir e assumir com autenticidade a capacidade de posicionamento claro, objetivo e transparente com a coisa pública.

Qual o mistério que há na dor de uma paixão?, indagavam Catulo e Pedro de Alcântara

Cantores iluminam obra lírica de Catulo da Paixão Cearense em CD derivado de show
Ilustração de Elifas Andreato

Paulo Peres
Poemas & Canções

O cantor, compositor e poeta maranhense Catulo da Paixão Cearense (1863-1946) e seu parceiro Pedro de Alcântara, na letra de “Ontem ao Luar”, tentam explicar através de uma lágrima o que é a dor de uma paixão. A música foi gravada por Vicente Celestino, em 1917, pela Odeon.


ONTEM AO LUAR

Pedro de Alcântara e Catulo da Paixão Cearense

Ontem, ao luar, nós dois em plena solidão
Tu me perguntaste o que era a dor de uma paixão.
Nada respondi, calmo assim fiquei
Mas, fitando o azul do azul do céu
A lua azul eu te mostrei
Mostrando-a ti, dos olhos meus correr senti
Uma nívea lágrima e, assim, te respondi
Fiquei a sorrir por ter o prazer
De ver a lágrima nos olhos a sofrer

A dor da paixão não tem explicação
Como definir o que eu só sei sentir
É mister sofrer para se saber
O que no peito o coração não quer dizer
Pergunta ao luar, travesso e tão taful
De noite a chorar na onda toda azul
Pergunta, ao luar, do mar à canção
Qual o mistério que há na dor de uma paixão

Se tu desejas saber o que é o amor
E sentir o seu calor
O amaríssimo travor do seu dulçor
Sobe um monte á beira mar, ao luar
Ouve a onda sobre a areia a lacrimar
Ouve o silêncio a falar na solidão
De um calado coração
A penar, a derramar os prantos seus
Ouve o choro perenal
A dor silente, universal
E a dor maior, que é a dor de Deus

Sinmed RN realiza doações da campanha RN Sem Fome

Com o Potiguar Notícias

O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte realizou hoje (21) a entrega de 50 cestas básicas para duas instituições: Casa da Criança e Igreja do Galo. As cestas básicas foram arrecadadas pelo projeto RN Sem Fome, iniciativa da AMRN, CREMERN, Sinmed RN e OAB/RN.

As cestas foram entregues em vouchers que podem ser trocados por alimentos na Rede Mais Supermercados, parceira da iniciativa.

Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN, afirma que as entidades organizadoras do RN Sem Fome adotaram este formato de entrega dos vouchers em parceria com instituições para atender mais assertivamente às pessoas que têm fome. “Uma das preocupações que tivemos foi procurar as instituições porque elas têm a experiência para fazer a distribuição das cestas básicas. E ficará a critério delas como será feita a retirada das cestas”, disse.

Os alimentos doados vão ajudar nas ações desenvolvidas pela Igreja do Galo, que atende a pessoas em situação de vulnerabilidade todos os domingos pelas ruas de Natal. De acordo com o Frei Diniz, os pedidos de ajuda na porta do convento são constantes e o trabalho de doação tem contado cada vez mais com a ajuda das pessoas e das instituições como o Sinmed.

“Na pandemia percebemos um aumento na solidariedade, que nos ajuda a chegar mais perto das pessoas. Alegra-nos ver que cada grupo da sociedade está se movendo nessa força do bem, que cada um de nós pode fazer. Cada pessoa, cada grupo, pode contribuir para o bem.  E fazer a doação faz bem a quem precisa e a nós”, disse.

Já a Casa da Criança, instituição que já ajuda famílias de Natal há 74 anos, atende hoje 94 crianças (de 02 a 05 anos e 11 meses) e sempre funcionou através da generosidade e doação das pessoas.

“Em nome da Casa da Criança só tenho a agradecer a esta iniciativa que vai nos ajudar muito. Vivemos pedindo o que falta na dispensa. A comunidade e a sociedade conhecem o trabalho da Casa e acredita no que é feito ali. A gente conta muito com a sociedade civil para manter o funcionamento da instituição”, afirma irmã Benedita, representante da Casa da Criança na entrega das cestas.

A campanha RN Sem Fome ainda está arrecadando doações e elas podem ser feitas para a seguinte conta:

Banco Sicredi

Agência: 2207

Conta Corrente: 2335-3

Favorecido: Associação Médica do RN

Também é possível doar por meio da Chave Pix: rnsemfome@gmail.com