Concurso da Polícia Federal (PF) pagará inicial de R$ 17 mil

Foto: Divulgação

O concurso público da Polícia Federal – PF (Concurso Polícia Federal)  que vai preencher 558 vagas de delegado e perito, cargos de nível superior não está na linha de corte entre os previstos pelo  Ministério do Planejamento. Com a boa notícia, cresce a expectativa para a confirmação e futura divulgação de edital e demais informações. A remuneração inicial é de R$ 17.288,85, incluindo o auxílio-alimentação, de R$ 458.

Os requisitos para o ingresso no cargo de delegado são o bacharelado em Direito e três anos de experiência em atividade jurídica ou policial. Já para perito, é exigida formação superior, que varia conforme a área de atuação.

Em ambos os casos, também é necessária a carteira de habilitação, na categoria B ou superior. As contratações são pelo regime estatutário, que prevê estabilidade. A PF abriu concurso concurso para delegado e perito pela última vez em 2012. E como acontece tradicionalmente, a seleção foi organizada pelo Cespe/UnB.

O processo que trata da demanda, protocolado no início do ano, chegou a ser devolvido ao Ministério da Justiça no fim de maio, para reavaliação. No entanto, poucos dias depois o processo voltou a tramitar no Planejamento e desde o dia 9  de junho  está em uma coordenação do Departamento de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas (DECDP) da Secretaria de Gestão de Pessoas e Relações do Trabalho no Serviço Público (SEGRT).

A instituição tem, atualmente, um déficit de cerca de 5.000 Agentes Administrativos e 2.000 Agentes de Polícia Federal e Escrivães de Polícia Federal, além de cerca de 500 vagas para o cargo de Delegado de Polícia Federal e Perito.

Como contratar 7,5 mil novos servidores é um projeto fora da realidade, mesmo com a propalada autonomia orçamentária e financeira (decreto 8.326/2014*), a Polícia Federal deve trabalhar com aquilo que efetivamente pode acontecer. Exemplo disso é que, de concreto até o momento, há a solicitação encaminhada ao Ministério do Planejamento, cujo objetivo é conseguir um parecer para preencher 558 vagas, das quais, 491 serão de Delegado e 67 para Perito.

Assim como no último concurso da Polícia Federal para estes cargos, o preenchimento das vagas será prioritariamente nos postos de fronteira e nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima, permitindo a remoção de servidores que já atuam nestas localidades. Obedecida estas condições, o preenchimento também pode ser feito em todos os estados, de acordo com as necessidades. As provas costumam ser aplicadas em todas as capitais e no Distrito Federal, exceto o exame oral, que ocorre somente em Brasília (DF).

Progressão: O candidato aprovado no próximo concurso para delegado ou perito da Polícia Federal (PF) terá as atribuições da terceira classe.

Anúncios

Posted on 15/07/2016, in Brasil, Concursos, Informativo. Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: