Monthly Archives: Junho 2016

Montanhas RN – Prévia para logo mais São Pedro no Boa Esperança

A partir das 21:00 horas estaremos lá no Boa Esperança para festejar a festa de São Pedro, logo após a Missa vai ter Quadrilhas,  comidas típicas, muita festa para todos em Praça Pública.

As atrações musicais ficarão por conta de Dedé do Forró e Sirano e Sirino. Participe e faça esta festa tradicional uma confraternização com muita Paz e muita diversão.

WP_20160628_17_44_02_Pro[1]

WP_20160628_17_44_06_Pro[1]WP_20160628_17_44_13_Pro[1]

Anúncios

Vereador de Montanhas participa do encontro realizado pelo PDT em Natal RN

IMG-20160627-WA0012[1]

Convidado pelo Prefeito de Natal Carlos Eduardo e Presidente do PDT Partido Democrático Trabalhista  no RN, para participar de um encontro com lideranças do Estado, o Vereador Dinho de Geraldo da cidade de Montanhas, atual Presidente do Partido no Município, esteve presente e recebeu apoio de Carlos Eduardo à sua candidatura.

Na Reunião foi tratado assuntos de grande interesse político e destaque para as eleições 2016, quanto aos prazos eleitorais e alianças do PDT no Estado.

O Vereador informa que haverá possibilidade de fazer alianças proporcionais nas Eleições de 2016 em Montanhas, oportunidade em que estará novamente concorrendo a uma vaga para câmara Municipal e que aponta o seu apoio ao Engenheiro Manuel Gustavo que muito em breve, estará lançando a sua Pré-candidatura a prefeito na cidade, já que as convenções partidárias para homologação das candidaturas, só ocorrerão entre o dia 20 de julho e 05 de agosto e, portanto, sendo assim, vamos aguardar a data em que será marcada a realização da Convenção Municipal.

Confira as fotos na Reunião do PDT em Natal RN.

IMG-20160627-WA0006[1]IMG-20160627-WA0004[1]IMG-20160627-WA0010[1]

 

Programa Microcrédito do Empreendedor, do Governo do Estado, financia mais de R$ 1 milhão em Montanhas

 

IMG000000000120941

ASSECOM/SETHAS

O Programa Microcrédito do Empreendedor, implantado pelo Governo do Estado, sob a coordenação da Secretaria Estadual do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas) e operacionalizado pela Agência de Fomento do RN, chega a cidade de Montanhas, na próxima terça-feira (28), às 16h.

O programa, que financia até R$ 3 mil para o empreendedor informal e até R$ 6 mil para aqueles formalizados, fará a entrega de 400 cheques na cidade. Com isso, o valor movimentado nas atividades econômicas da região ultrapassa o R$ 1 milhão. Além de Montanhas, as cidades de Nova Cruz, Santo Antônio, Várzea e Jundiá de Cima serão beneficiadas com o Microcrédito. A solenidade de entrega dos cheques será realizada no ginásio poliesportivo da cidade.

Segundo o presidente da AGN RN, Murilo Diniz, a aplicação desses recursos financeiros vai possibilitar investimentos em diversos ramos de atividade como comércio de animais; bares, lanchonetes e restaurantes; artesanato; sacoleiras; vendedoras de cosméticos, entre outras

Lançado em outubro de 2015, o Programa Microcrédito do Empreendedor já passou por 59 cidades, liberou 3.107 operações e injetou na economia do Rio Grande do Norte R$ 7.886,550 milhões. A expectativa é que até o final de 2018, os recursos investidos pelo Governo do Estado no Programa cheguem a R$ 40 milhões, beneficiando cerca de 20 mil empreendedores em todo o estado.

Wellinson Ribeiro lidera corrida para Prefeitura de Canguaretama com 43%

c1

O ex-prefeito Wellinson Ribeiro (PSD) está liderando a corrida eleitoral para a Prefeitura de Canguaretama em 2016, conforme divulgou nesta segunda-feira (27/06) a pesquisa do Instituto Pirâmide Pesquisas, registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número de identificação RN-05541/2016. (http://www.tse.jus.br/eleicoes/eleicoes-2016/pesquisas-eleitorais/consulta-as-pesquisas-registradas).

c2

A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número RN-05541/2016. A amostragem foi realizada entre os dias 17 e 20 de junho com 400 pessoas. Quanto o erro amostral é de 4%. A presente pesquisa tem uma confiabilidade de 95%. Foi ainda estratificada a amostra com relação a zona Urbana da cidade com 65,84% e a zona rural com 34,16% da população de acordo com o IBGE.

c3

As 400 entrevistadas foram realizadas na Zona Urbana: Centro, Rua da Palha, R. vintém, L. São João, Rua do quadro, Conj. Ana Catarina, Sertãozinho, R. Lindolfo Sales, Conj. Meira Lima, Areia Branca, Vale do Amanhecer, Bom Sucesso, N. Senhora da Conceição, Lixão, Projeto Crescer e Iraque. E na Zona Rural: Piquiri e Barra de Cunhaú.

Prefeito Canguaretama – Estimulado
Wellinson Ribeiro (PSD) – 43%
Fátima Marinho (PMDB) – 23%
Zé Paulo (PT) – 8,75%
Não Sabe/Não respondeu – 11%
Nenhum – 14,25%

Prefeito Canguaretama – Espontâneo
Wellinson Ribeiro (PSD) – 27,50%
Fátima Marinho (PMDB) – 21%
Zé Paulo (PT) – 2,50%
Outros – 1,75%
Não Sabe/Não respondeu – 38,25%
Nenhum – 9%

Prefeito Canguaretama – Rejeição
Fátima Marinho (PMDB) – 33,25%
Wellinson Ribeiro (PSD) – 20,50%
Zé Paulo (PT) – 14,75%
Não Sabe/Não respondeu – 20,25%
Nenhum – 11,25%

Avaliação da administração da Prefeita Fátima Marinho
Ótimo – 3,75%
Bom – 17,75%
Regular – 23,25%
Ruim – 9,25%
Péssimo – 42,25%
Não Sabe/Não Respondeu – 3,75%

Dupla toma de assalto carro da senadora Fátima Bezerra

fatima_educacao

Após deixar a senadora Fátima Bezerra (PT) no aeroporto de São Gonçalo do Amarante, neste domingo (26), o motorista da parlamentar voltava para Natal, mas parou próximo a Lagoa Nova. Ele foi prestar ajuda a outro motorista que estava como problemas mecânicos.

Pouco tempo depois, por volta das 18h, o motorista da senadora petista foi interceptado por dois homens de moto. Armados, eles anunciam o assalto e levaram pertences de todos e a caminhonete Hilux Fátima Bezerra. A secretaria estadual de Segurança Pública foi acionada.

Caruaru anula pagamento a Safadão e cantor não poderá fazer doação

A novela em que se tornou o pagamento do show de São João do cantor Wesley Safadão, em Caruaru, no último dia 25, parece que não tem fim.

Com a polêmica na sua apresentação de sábado o artista revelou que estaria doando todo cachê para instituições de caridade sediadas em Caruaru. Mas ontem, o site da Fundação de Cultura de Caruaru informava que o empenho de R$ 575 mil foi cancelado.

Isso quer dizer que, a menos que a Prefeitura de Caruaru faça um novo empenho e pague ao artista, ele não poderá fazer a doação, pois não recebeu o pagamento. Tecnicamente isso é fácil, já que o empenho não é garantia de pagamento, embora nenhum pagamento com dinheiro público não possa ser feito sem que haja primeiro o empenho e, a seguir, o pagamento.

Na noite de sábado, Wesley Safadão disse aos presentes que o seu prazer era se apresentar em Caruaru e que por isso estava abrindo mão do cachê. Segundo o Portal da Transparência da Prefeitura o empenho nº 462 relativo à apresentação artística do cantor Wesley Safadão, no dia 25 de junho de 2016, no palco principal do Pátio de Eventos Luiz Lua Gonzaga, no São João de 2016, no valor de R$ 575 mil foi cancelado.

Com esse ato administrativo, o cantor não poderá fazer sua doação, uma vez que não recebeu o dinheiro da Prefeitura. A Prefeitura não explicou o motivo de ter feito o cancelamento.

A polêmica aconteceu por conta da diferença de cachê pago para o show em Caruaru e o de Campina Grande, na Paraíba. Enquanto na capital do Forró o valor foi de R$ 575 mil, o mesmo show em Campina Grande saiu por R$ 195 mil.

Uol

Pré-candidatos não poderão apresentar programas de rádio e TV a partir de quinta

 

Pré-candidatos devem sair do ar em TVs e Rádios a partir da quinta-feiraPré-candidatos devem sair do ar em TVs e Rádios a partir da quinta-feira

A partir de quinta-feira (30), as emissoras de rádio e televisão não poderão transmitir programas que sejam apresentados ou comentados por pré-candidatos às eleições municipais deste ano. A data está prevista no calendário eleitoral, aprovado por uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral.

Caso a regra seja descumprida e o pré-candidato seja escolhido na convenção do partido para concorrer às eleições, a emissora e o candidato poderão ser penalizados. Segundo o calendário eleitoral, as penalidades estão previstas em leis.

O texto diz que, a partir desta data, é “vedado às emissoras de rádio e de televisão transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena, no caso de sua escolha na convenção partidária, de imposição da multa prevista no parágrafo 2º do Artigo 45 da Lei nº 9.504/1997 e de cancelamento do registro da candidatura do beneficiário (Lei nº 9.504/1997, Artigo 45, parágrafo 1º)”.

Fantástico repercute caso de garoto que ficou com ‘estaca’ no peito; veja

Ví na TV – O programa Fantástico, da Rede Globo, deste domingo (26/06) mostrou o drama do garoto Bruno Pessoa, de 8 anos, que após cair de uma árvore no município de Santa Filomena, ficou um uma estada cravada em seu corpo.

Apesar de todo sofrimento vivido pelo garoto, que ainda teve que percorrer mais de mil quilômetros para atendimento em Teresina, agora é alegria pela recuperação pela alta que deve acontecer esta semana.

A repórter Neyara Pinheiro foi até o povoado onde o garoto mora e mostrou onde e como o acidente aconteceu e como Bruno recebeu o primeiro atendimento. Ela também foi à escola onde ele estuda e mostrou como os colegas reagiram e emoção da professora ao relembrar o que aconteceu.

1.JPG3.JPG

4.JPG

5.JPG

6.JPG

7.JPG

8.JPG

9.JPG

10.JPG

12.JPG

 

Read the rest of this entry

Humorista paraibano é agredido em show no Espírito Santo por causa de piada

A noite de sábado (25) para o humorista picuiense, Rossini Macedo, não foi muito divertida. Momentos antes de sua apresentação na Festividade de São João ele foi alvo de um soco em sua orelha. O fato teria relação com uma piada contada um ano antes no Festival da Carne de Sol. Apesar do golpe que deslocou a mandíbula e perfurou seu tímpano o humorista fez uma apresentação de aproximadamente uma hora de duração, e só depois foi conduzido ao atendimento médico.

Na edição de 2015 do Festival da Carne de Sol um jovem senhor o procurou antes do show e pediu que ele fizesse piadas com o tema capivara. Segundo o solicitante, Capivara é o apelido de um senhor da cidade que todos conheciam. O personagem Tonho dos Couros, famoso por fazer pegadinhas telefônicas brincando com o apelido das pessoas, atendeu ao pedido e fez algumas piadas citando o Capivara. O público delirou de rir inclusive o solicitante, que por ironia do destino é filho do Capivara.

Neste último sábado o humorista foi novamente atração e mestre de cerimônias do evento. Novamente antes do show o mesmo jovem senhor o procurou e disse: “Hoje eu trouxe o Capivara. Vem cá pai”. O senhor de 73 anos se aproximou lentamente do humorista e estendeu a mão dizendo: “Angelin Boldrini, satisfação”. Nisso o personagem Tonho dos Couros brincou dizendo: “Mas parece que o senhor tem um outro nome, né?”. O senhor com a feição já transtornada o perguntou: “Que nome? Meu nome é Angelin Boldrini”. Daí o Tonho dos Couros diz: “Mas ‘num’ é o Capivara?”.

Bastou esta pergunta para o senhor imediatamente desferir um soco na direção da orelha do humorista e vociferar diversos xingamentos. A agressão só não foi maior devido à ação urgente dos seguranças que conduziram o senhor e seu filho para fora da área de eventos.

Exames preliminares apontam que o humorista teve a mandíbula deslocada e o tímpano perfurado. Tal fato pode impedir que o humorista consiga realizar a apresentação de seus programas de TV e rádio no Espírito Santo nesta semana. Por lá o humorista atua na filial do SBT e da MIX FM.

Rossini Macedo já atuou na Escolinha do Gugu, foi vencedor do primeiro Festival de Piadas da TV Brasileira realizado no programa Tom Cavalcante. Tem dois DVDs gravados, 12 CDs, 19 anos de carreira e um trauma que pode o impossibilitar de voltar aos palcos.

Folha Brasil

O amor pode não ter pressa e esperar em silêncio, diz Chico Buarque

O  cantor, escritor, poeta e compositor carioca Chico Buarque de Holanda, na letra de “Futuros amantes”, fala do amor adiado, que não tem pressa para ser consumado e consumido, do amor maduro, longe das urgências do amor juvenil. Mas fala também, de viés, na paciência como necessidade para os acontecimentos da vida. A música foi gravada por Chico Buarque no LP Paratodos, em 1993, pela RCA/BMG.

FUTUROS AMANTES
Chico Buarque

Não se afobe, não
Que nada é pra já
O amor não tem pressa
Ele pode esperar em silêncio
Num fundo de armário
Na posta-restante
Milênios, milênios
No ar

E quem sabe, então
O Rio será
Alguma cidade submersa
Os escafandristas virão
Explorar sua casa
Seu quarto, suas coisas
Sua alma, desvãos

Sábios em vão
Tentarão decifrar
O eco de antigas palavras
Fragmentos de cartas, poemas
Mentiras, retratos
Vestígios de estranha civilização

Não se afobe, não
Que nada é pra já
Amores serão sempre amáveis
Futuros amantes, quiçá
Se amarão sem saber
Com o amor que eu um dia
Deixei pra você        

site Poemas & Canções

Mulher irrita vizinhos após tomar sol em janela de apartamento

Uma mulher foi fotografada tomando sol deitada no parapeito do primeiro andar de um prédio no centro da cidade de Novosibirsk, na Rússia. A imagem, que é uma cena irritante aos vizinhos, viralizou nas redes sociais do país e chamou atenção da imprensa do país.

De acordo com informações do Mirror, os moradores da vizinhança relataram que a mulher, que não teve o nome divulgado, constantemente é vista deitada local usando apenas fio-dental.

Indignado, um morador de um prédio em frente disse a jornalistas que pretende fazer uma queixa oficial contra a vizinha. “Todos os dias das 10h às 13h essa mulher toma sol quase nua em sua janela”, afirma. “Eu entendo que não há nada de especial sobre isso, mas todos nós temos que vê-la todos os dias e é demais. Algumas pessoas querem organizar uma petição para proibi-la de tomar sol dessa maneira”, completou.

Em sua defesa, a mulher alegou que seu banho de sol não causa mal a ninguém e garantiu que não deixa os seios à mostra enquanto toma sol. “Este é o meu apartamento e eu não estou incomodando ninguém. Além disso, as pessoas nunca me viram realmente fazendo topless porque eu sempre cubro meus seios quando vou me virar”.

Apesar das declarações, depois que a foto viralizou e muitas pessoas passaram a ir ao local, a mulher interrompeu o hábito e passou a tomar sol em uma praia da região.

Após polêmica, Safadão diz que vai doar dinheiro do cachê em Caruaru

Após a Justiça questionar o cachê de R$ 575 mil no São João 2016 de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, o cantor Wesley Safadão disse que vai doar o dinheiro para instituições de caridade do município. Ele falou neste sábado (25) que “o dinheiro de Caruaru voltará para Caruaru” e que tocaria na cidade “até de graça”. Uma ação popular impetrada por advogados pediu o cancelamento do show, alegando suspeita de superfaturamento no cachê do artista.

No dia 22 de junho, o juiz José Fernando Santos de Souza deferiu uma liminar para suspender o show de Wesley Safadão. A decisão foi tomada após três advogados do município entrarem com uma ação popular para pedir o cancelamento do show. No mesmo dia, o desembargador José Viana Ulisses acatou o pedido da Prefeitura de Caruaru e decidiu que a apresentação deveria ser realizada.

O Ministério Público Federal (MPE) chegou a questionar a diferença dos preços dos cachês cobrados em Caruaru e Campina Grande. Na Capital do Forró, o valor é de R$ 575 mil, já na cidade paraibana seria de R$ 165 mil – valor confirmado pela prefeitura de Campina e negado pela empresa que cuida dos shows do artista.

Durante a apresentação deste sábado no Pátio de Eventos Luiz Gonzaga, Wesley Safadão disse que foi questionado nas redes sociais sobre o valor cobrado no cachê e afirmou que vai doar o dinheiro para instituições carentes do município. O anúncio foi feito quase no final do show – que durou duas horas. “Se o problema é dinheiro, pode espalhar aí que o meu cachê está voltando para Caruaru para ajudar a quem realmente precisa. Em Caruaru eu toco até de graça. O que eu não quero é ficar de fora desta festa”, afirmou o artista.

O show mais esperado da noite foi o último e teve início com a música “A Dama e o Vagabundo” e seguiu com uma sequência de sucessos do cantor – acompanhados pelo público, que apesar da chuva continuou dançando e cantando. Ele também cantou hits do sertanejo e do funk. A noite ainda contou com as apresentações de Gatinha Manhosa, Bichinha Arrumada e Jorge de Altinho – que desfilou os maiores sucessos dele.

G1/PE

Medida Provisória de Temer que dá R$ 2,9 bilhões ao Rio é pavorosa ilegalidade

Calamidade de Dornelles foi um misto de corrupção e má gestão

Jorge Béja

A estratégia da defesa de Dilma Rousseff, nesta segunda etapa do processo de impeachment no Senado, é provar que ela, por ser hipossuficiente, isto é, desprovida de conhecimentos sobre assuntos jurídicos, fiscais e orçamentários, assinava os decretos confiando em seus ministros, assessores e nos pareceres jurídicos que acompanhavam a minuta para a presidente assinar. Vã estratégia. As responsabilidades civil, administrativa e penal são  sempre do presidente da República. São personalíssimas. São intransmissíveis e indelegáveis. Assim como Brasília é a Capital Federal, o Presidente da República é o Chefe-Supremo da Nação e o único responsável por seus atos. Está na Constituição.

Já quanto a Michel Temer, nem cabe essa “furada” justificativa quando Temer erra. Temer é professor de Direito Constitucional, com muitas obras publicadas. Até poderia ser ministro do Supremo Tribunal Federal, corte que exclusivamente aprecia e julga questões constitucionais.

ERRO ESCANCARADO – Temer cometeu nesta terça-feira um erro gravíssimo. Erro pavoroso. Erro crasso, para um presidente da República que é mestre e doutor em Direito Constitucional. Seu erro, pavoroso e crasso, foi assinar a Medida Provisória nº 734, que “dispõe sobre a prestação de apoio financeiro pela União ao Estado do Rio de Janeiro para auxiliar nas despesas com Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro decorrentes dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos – Rio 2016”, tal como está escrito, ipsis litteris, no preâmbulo da referida MP.

Não é complicado demonstrar o erro. Até os leigos vão entender, tão escancarado ele está. Medida Provisória é meio constitucional posto à disposição do presidente da República:

“Em caso de relevância, o Presidente da República poderá adotar medida provisória, com força de lei, devendo submetê-la de imediato ao Congresso Nacional” (Constituição Federal, artigo 62).

IMPROPRIEDADE – Mas há limites e regras para que uma Medida Provisória seja expedida sob pena do cometimento de crime de responsabilidade por parte do presidente da República. Por exemplo: o presidente não pode expedir Medida Provisória relativa a “orçamento e créditos adicionais e suplementares” (CF, artigo 62, § 1º, letra “d”). A não ser “para atender a despesas imprevisíveis e urgentes, como as decorrentes de guerra, comoção interna ou calamidade pública” (CF, artigo 167, § 3º). Esta é a exceção: “guerra, comoção interna ou calamidade pública”.

Examinemos cada situação. O país não está em guerra. Não existe comoção interna (salvo a revolta do povo contra a corrupção, mas que a Operação Lava Jato combate com eficiência). E nem o país, ou parte de seu território, atravessa momento de calamidade pública.

Logo, e como consequência lógica desse trivial raciocínio, a Medida Provisória que Temer assinou ontem, autorizando o repasse de R$ 2,9 bilhões da União para o Estado do Rio de Janeiro, é imprópria por ser escancaradamente inconstitucional e, por causa disso, não deverá ser aprovada pelo Congresso Nacional.

CALAMIDADE E DESASTRE – E o decreto de “calamidade pública” que Francisco Dornelles, governador em exercício do Rio assinou? Não seria o suficiente para que Temer expedisse essa Medida Provisória? A resposta é negativa. O decreto de Dornelles não deixa de ser de calamidade, mas de “calamidade jurídica”. Foi um jeito canhestro que o experiente político encontrou para dar a impressão de valor jurídico a um ato administrativo que de jurídico nada tem. Uma tapeação –melhor dizendo – para induzir um presidente, mestre e doutor em Direito Constitucional, a doar quase 3 bilhões de reais da União ao Estado do Rio. E Dornelles, com aquele jeitinho mineiro, conseguiu!

Mas o Congresso rejeitá-la-á, não é mesmo presidente Temer? Afinal, esta Medida Provisória é uma porcaria de mesóclise administrativa, espremida entre a ilegalidade e a caretice-de-pau.

CALAMIDADE PÚBLICA – O senhor Presidente sabe que calamidade pública é aquela “provocada pelo homem sobre o ecossistema vulnerável, causando danos e consequentes prejuízos econômicos e sociais”. Esta é a definição legal. Assim está escrito no Decreto nº 7257/2010. Isso é que é calamidade pública, daí ocasionando o desastre.

E  somente quando isso acontece, este decreto permite que a União preste auxílio, com a transferência de dinheiro a título de verba complementar. E ocorreu desastre ocorreu no Estado do Rio de Janeiro, senhor Presidente?

CORRUPÇÃO E MÁ GESTÃO – Ainda bem que o dinheiro da União não vem de imediato. Depende de edição de uma segunda Medida Provisória. E também da aprovação pelo Congresso Nacional. Não é legal, nem muito menos justo e moral, que dinheiro da União seja doado ao Estado do Rio de Janeiro a fim de garantir a segurança dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, em razão de uma “calamidade” e de um “desastre” que não são decorrentes da natureza, nem provocados pela ação humana e que tenha comprometido o ecossistema.

Isso, sim, aconteceu lá em Mariana, por culpa da mineradora Samarco. Aqui no Rio o desastre e a calamidade são financeiras, são morais. Ladrões de terno e gravata, ostentando o tratamento de Excelência, andaram por aqui. E roubaram. Portanto, as causas são outras: corrupção e má gestão pública. Não cabe Medida Provisória para diminuir os efeitos dos danos. O que cabe é cadeia, não é mesmo, excelentíssimo Doutor Moro?

O retrato da Saúde no Rio Grande do Norte e porque não dizer no Brasil

O fato é que as pessoas estão cada vez mais distantes da condição de atendimento melhorado para com a saúde.

O exemplo se ver exemplificado no estado em que se encontra este paciente, amigo nosso, Aldemir Lemos, que vem atravessando um momento muito delicado em sua vida, portanto, esperando uma chance ou uma oportunidade para que seja realizado o seu tratamento de próstata.

Veja o que diz Daniel Dantas Lemos que divulgou nas redes sociais a situação que requer o caso e que através da Professora Bezinha em seu facebook nos apresentou esta foto de protesto.

13516257_10205300783114146_5077763888442945388_n

Por: Daniel Dantas Lemos

Meu primo, Aldemir Lemos, protestando na “re-inauguração” do antigo Posto de Saúde do Soledade 2, na Zona Norte de Natal/RN. Com problema na próstata, teve que fazer todos os exames em clínicas particulares, pois não pode esperar 60 dias para receber os resultados. Ainda. Está numa fila de mais de 200 pacientes para poder retirá-la. Aos 74 anos, não perdeu a coragem e a vontade de lutar, mesmo com um problema tão sério. A saúde de Natal é uma agonia e a MAQUIAGEM do Prefeito Carlos Eduardo não engana mais ninguém.

Biografia de Carlos Alexandre é lançada sexta-feira em Mossoró

carlos_alexandre A biografia “O Homem da Feiticeira – A história de Carlos Alexandre”, do jornalista Rafael Duarte, será lançada nesta sexta-feira (24), a partir das 19h, no Matuto Lounge Bar, Centro, em Mossoró. Até às 22h, o bar será tomado pelas músicas, histórias e lembranças de um dos maiores ídolos da música romântica do país nas décadas de 1970 e 1980. Resultado de três anos de pesquisa, o livro conta a trajetória de Carlos Alexandre em 378 páginas e traz depoimentos de nomes importantes do cancioneiro popular, como Agnaldo Timóteo, Lindomar Castilho, Fernando Mendes, Carlos André, Bartô Galeno, Gilliard, Fernando Luiz, além do historiador e pesquisador Paulo César de Araújo.

Autor de clássicos do brega romântico como Feiticeira, Ciganinha, Arma de Vingança, Vá pra Cadeia, entre outras pérolas que seguem como trilha sonora da vida de fãs espalhados pelo Brasil, Carlos Alexandre conquistou 15 discos de ouro, 1 disco de platina e gravou mais de 120 canções durante 11 anos de uma carreira meteórica.

O Homem da Feiticeira também teve suas músicas regravadas por nomes consagrados do gênero brega romântico como Amado Batista, Bartô Galeno, Gilliard, Genival Lacerda, Falcão, Fernando Luiz, Paulo Márcio e outros músicos contemporâneos.

O Matuto Lounge Bar fica na Avenida Jerônimo Dix Neufo Rosado, 2730, Centro (na rua do ginásio pole Esportivo, em frente à Micro Center). A biografia “O Homem da Feiticeira – A história de Carlos Alexandre” será vendida a R$ 40.

SOS Natureza, vamos plantar canções todas as manhãs

Carlos Fernando, um dos grandes nomes da música do Nordeste

O compositor pernambucano Carlos Fernando (1938/2013) e seu parceiro Geraldo Azevedo, na letra de “S.O.S Natureza”, faz um alerta poético, uma denúncia contra às práticas antiecológicas, apresentando as agressões humanas à natureza em forma de lamento a sua destruição. A música S.O.S. Natureza foi gravada por Geraldo Azevedo no CD Bossa Tropical, em 1989, pela RCA.S.O.S NATUREZA
Geraldo Azevedo e Carlos Fernando

Vamos plantar canções
Todas manhãs a cantar
Pelo fruto do ventre da terra
Nossa Senhora Mãe
Mãe da natureza a sangrar
S.O.S, senhores da terra
Alerta!

O verde ardendo
Os seres gemendo
Aflitos
Berrando de dor
S.O S, senhores da terra

O cravo agradece
A rosa merece
Esse vento futuro de luz
Mãe natureza é vida
Seu corpo é parte de nós

site Poemas & Canções

Assembleia aprova política de dessalinização das águas do mar no RN

 

Assembleia aprova política de dessalinização das águas do mar no RN - (FOTO: Eduardo Maia)

Assembleia aprova política de dessalinização das águas do mar no RN – (FOTO: Eduardo Maia)

 

Foi aprovada pelo plenário da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (21), a mensagem governamental nº 027/2015 que estabelece uma política de dessalinização das águas do mar e das águas sob o domínio do Estado do Rio Grande do Norte.

É uma oportunidade de virar o jogo contra a seca. Temos um histórico de escassez de água potável, mas que pode ser revertido através de planejamento e estudo”, enfatiza Ezequiel Ferreira (PSDB), presidente da Assembleia Legislativa e do Comitê de Ações de Combate à Seca, observando que o uso desse tipo de tecnologia no Estado vai servir de mais uma forma de combater a seca no semiárido potiguar.

Em sua justificativa, o Poder Executivo pontua que a escassez de água, que assinala o semiárido do Nordeste, está a exigir a criação de processos alternativos, que propiciem a obtenção de água potável em quantidade suficiente para suprir as necessidades da microirrigação e dos consumos humano e animal.

O Projeto de Lei, conforme formulado pelo Governo e aprovado pela Assembleia, preconiza a adoção, pelo Estado do Rio Grande do Norte, do processo de dessalinização que mais se ajuste às condições sociais, econômicas e ambientais predominantes no seu território e lembra, aos seus técnicos, que a escolha deverá recair sobre um dos métodos mundialmente aceitos.

A dessalinização é o processo físico-químico dotado de eficiência para retirar o sal e as impurezas existentes na água, mediante o emprego de um dentre os quatro métodos mundialmente aceitos para a obtenção dessa finalidade, que são a osmose inversa ou reversa, a destilação multiestágios, a dessalinização térmica e o congelamento.

Para tornar possível a dessalinização da água do mar e da água salobra acumulada nos aquíferos existentes no seu território, o Estado do Rio Grande do Norte deverá celebrar convênios com órgãos ou entidades federais ou de outros Estados, sem prejuízo da sua atuação em regime de cooperação com entidades privadas, nacionais ou estrangeiras, que reúnam, em seus quadros, profissionais de comprovada capacitação técnica.

Nos 30 (trinta) dias subsequentes ao início da vigência desta Lei, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos – SEMARH – providenciará, junto ao órgão federal competente, a concessão da outorga que possibilite a dessalinização da água do mar, e, junto à entidade responsável pelo controle do meio ambiente, no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte, a concessão da outorga propiciatória da dessalinização da água salobra que vier a ser extraída dos aquíferos, devendo, para tanto, apresentar os correspondentes projetos, com a indicação das possíveis degradações do meio ambiente, em estudo prévio de impacto ambiental.

Tribuna do Norte vai encerrar versão impressa, mas manterá página online

ji_2015-12-23

 

Segundo informa o Blog de Gutemberg Moura, O Rio Grande do Norte deverá perder nos próximos dias, mais um jornal impresso. A Tribuna de Norte, de Natal, deixará de circular em papel, mantendo-se apenas na versão online.

A notícia circula nas agências de publicidade de Natal.

A perda de leitores para as mídias sociais, a queda dos anúncios em razão da crise financeira e o elevado custo de manutenção, seriam as causas para o fim do jornal Tribuna do Norte.

Recentemente, o RN perdeu dois jornais impressos, ambos em Mossoró: a Gazeta do Oeste e o centenário O Mossoroense, este preservado na versão online. A Gazeta deixou de existir, de vez.

“Marido não é previdência”, diz desembargador em divórcio


O desembargador José Ricardo Porto (foto), disse, em julgamento de Agravo de Instrumento, nos autos de Ação de Divórcio Litigioso, entender que “o marido não é órgão previdenciário, por isso a concessão de alimentos, após a ruptura do matrimônio, deve ser fixada com parcimônia, de modo a impedir que o casamento se torne uma profissão”.

A Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça acompanhou, à unanimidade, o voto do relator, que fixou pensão alimentícia no valor de R$ 1.700,00, mais plano de saúde, para o filho menor e alimentos provisórios à agravante, equivalente ao salário mínimo, durante seis meses.

Consta nos autos da Ação de Divórcio que a agravante CCHP interpôs Agravo de Instrumento, com pedido de Antecipação de Tutela, proclamando ser merecedora de auxílio por parte do ex-marido, bem como requerendo a majoração da pensão fixada para a criança. Fundamenta que o valor arbitrado não supre todos os gastos da suplicante e do infante. Alega ainda que o recorrido ostenta de condição financeira privilegiada, pois possui diversos empreendimentos, em especial uma corretora de seguros e participação em empresa de promoção de eventos.

Justifica também que estar fora do mercado de trabalho e não ter concluído seus estudos em razão de se dedicar exclusivamente à família e aos negócios do antigo cônjuge, sempre dependendo financeiramente do recorrido.

Após analisar as contrarazões do agravado e os documentos constantes no caderno processual, o relator observou que não há comprovação da considerável renda declinada pela agravante. Mesmo assim percebo condição financeira, porém não tão privilegiada que enseje a dilatação do valor da pensão no âmbito do presente recurso – que inadmite dilação probatória minuciosa, disse relator, ao reiterar que a suplicante deixou de comprovar estar a pensão menor arbitrada em parcela ínfima dos ganhos do suplicado.

Percebe-se que a demandante é jovem, saudável e apta a exercer atividade remunerada com a finalidade de assegurar sua própria subsistência, reforçou o magistrado, ao acrescentar que é justo conferir à antiga consorte um prazo razoável para obter ocupação laboral, fixando-lhe alimentos de forma temporária.

Líder de facção é encontrado morto na Cadeia Pública de Nova Cruz, RN

José Ferreira da Silva Júnior, o ‘Júnior Paraíba’, morreu no domingo (19).
Segundo a Coape, ele era um dos cabeças de uma facção da Paraíba.

Cadeia Pública de Nova Cruz (Foto: Ademílson Amorim)Cadeia Pública de Nova Cruz (Foto: Ademílson Amorim)

Um preso foi encontrado morto na manhã deste domingo (19) dentro da Cadeia Pública de Nova Cruz, distante cerca de 100 quilômetros de Natal. José Ferreira da Silva Júnior, mais conhecido como ‘Júnior Paraíba’, tinha 24 anos. Segundo a Coordenadoria de Administração Penitenciária, ele foi encontrado dependurado pelo pescoço em uma grade de ferro. Já no site do Instituto Técnico de Perícia (Itep), consta que o detento foi espancado.

“Ele era líder de uma facção criminosa originária da Paraíba”, disse Zemilton Silva, diretor da Coape. Este é 13º caso de preso morto dentro do sistema penitenciário potiguar somente este ano.

Ainda de acordo com a Coape, José Ferreira da Silva Júnior era preso provisório, ou seja, ele ainda aguardava julgamento. “Sei que ele respondia por assalto, mas também era suspeito de ter cometido outros crimes”, pontuou Zemilton.

A Polícia Civil de Nova Cruz esteve na cadeia e vai investigar o caso.

2015
Ano passado, 28 homens morreram dentro de unidades carcerárias do RN. Deste total, 25 foram assassinados a facadas ou encontrados enforcados (mortos em condições suspeitas). Outros dois morreram soterrados após o desabamento de um túnel na Penitenciária Estadual de Alcaçuz. Ainda houve o caso de um adolescente que foi morto ao ser baleado em uma unidade para cumprimento de medida socioeducativa durante uma tentativa de resgate no Ceduc de Caicó. Os números são da Coordenadoria de Análises Criminais da Secretaria Estadual de Segurança Pública.

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar não passa por um bom momento. E faz tempo. Em março de 2015, após uma série de rebeliões em várias unidades prisionais, o governo decretou estado de calamidade pública e pediu ajuda à Força Nacional. Para a recuperação de 14 presídios, todos depredados durante os motins, foram gastos mais de R$ 7 milhões. Tudo em vão. As melhorias feitas foram novamente destruídas. Atualmente, em várias unidades, as celas não possuem grades e os presos circulam livremente dentro dos pavilhões.

Além das unidades depredadas, da superlotação e da violência, as fugas também se tornaram problemas constantes para o Estado. Somente este ano, 249 presos já escaparam do sistema. Alguns foram recapturados, mas nem a Secretaria de Justiça (Sejuc) nem a Secretaria de Segurança Pública (Sesed) sabem precisar a quantidade de fugitivos que retornaram aos presídios.

G1 RN

A Senadora Fatima Bezerra esteve em Canguaretama reunindo-se com possíveis candidatos para o pleito de 2016

13479920_972569079522581_1911473651_n

Senadora Fátima Bezerra e Ramalho
(Restaurante Barramar / Canguaretama)

A Presença de Ramalho, do Município de Montanhas, na reunião com a Senadora Fátima Bezerra foi muito importante para a sua pré-candidatura a vice-prefeito.

Muitos assuntos foram debatidos durante toda a tarde na reunião de Sábado (18), mas o que queremos destacar é que entre as conversas da Senadora com Ramalho, ficou confirmado que o apoio de Fátima é de suma importância para a sua candidatura e ao declarar que vai estar em todas as movimentações políticas, diante das possibilidades da Senadora, disse o pré-candiato, faz com que essa pré-candidatura de Ramalho seja mais uma grande evolução para o quadro político de mudança na administração do Município de Montanhas.

Possivelmente surgirão as Candidaturas do então Engenheiro Manuel Gustavo pelo PR e do Empresário Ramalho pelo PT, essa aliança vem sendo alicerçada desde finalzinho de 2014, portanto, já tem algum tempo de afinidades, isso sem falar que nas eleições de 2012 ambos disputaram como Prefeito e Vice respectivamente pelo PSDC.

Aguardemos o desenrolar das convenções onde provavelmente homologarão as candidaturas.

Multado em R$ 54 mil, vigilante pede doações para pagar dívida

denis mayer 310x245O vigilante Dennys Mayer, residente na cidade de Sumé está apelando de todas as formas possíveis para tentar quitar uma dívida com a Justiça Eleitoral.

Trata-se de uma multa aplicada contra ele nas eleições de 2012, quando veiculou uma publicidade eleitoral em um jornal impresso de circulação em toda Paraíba, e foi condenado por propaganda eleitoral antecipada. A dívida atualizada, segundo Dennys Mayer, está em R$ 54 mil, mas caso pague a vista, o valor cai para R$ 6 mil, o que deixa ele mais tranquilo perante a situação, porém, ainda não sabe de onde tirar a quantia para quitar seu débito. Foi aí que Dennys resolveu lançar uma campanha nas redes sociais para arrecadar doações.

De acordo com Dennys, até a noite desta segunda-feira, poucas horas depois de iniciar os pedidos de doação, já conseguiu arrecadar R$ 800. Ele espera arrecadar o restante do valor em doações de qualquer valor no decorrer da semana, contando com a ajuda de amigos e pessoas que fiquem comovidas com sua situação.

O telefone para contato é (83) 99966-3112.

MaisPB com Cariri Ligado

Temer pretende reduzir atuação da EBC e fechar a TV Brasil

Temer pretende reduzir atuação da EBC e fechar a TV Brasil

Temer pretende reduzir atuação da EBC e fechar a TV Brasil

Controlada pela União, a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) está prestes a perder seu principal braço público de rádio e TV. Nos próximos dias, o presidente interino Michel Temer enviará ao Congresso um projeto de lei reduzindo a atuação e os custos da empresa. A empresa depende de recursos do Tesouro que, neste ano, podem chegar a R$ 535 milhões. Mantida a estrutura atual, pelo menos metade desse orçamento será consumido pela folha salarial.

A ideia da equipe de Temer é fechar a TV Brasil –hoje responsável por metade dos custos da companhia– e manter as demais linhas de negócio: agência de notícias, produção independente de conteúdo, monitoramento de mídia, o portal, entre outras. A Folha apurou que a mudança na lei da EBC permitirá o fim do conselho curador, grupo formado por 22 integrantes com mandatos de dois anos que tomam as decisões mais importantes da companhia.

Também está previsto o fim do mandato para o presidente, que poderá ser destituído a qualquer momento. Hoje, uma decisão desse tipo precisa de aval do conselho curador. Essas são travas que supostamente barravam ingerências políticas.

Caso essas medidas sejam aprovadas, o atual presidente da EBC, Ricardo Melo, indicado pela presidente afastada Dilma Rousseff, deixará o cargo definitivamente. Melo foi destituído por Temer e recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), que determinou seu retorno provisoriamente até que o plenário tome uma decisão definitiva. Por isso, Temer tem pressa em rever a lei da EBC.

A empresa surgiu em 2007 para ser a “BBC brasileira” com a missão de fazer comunicação apartidária em diversas plataformas (rádio, TV, internet e celulares), a exemplo do modelo implantado na Europa e nos EUA. Os documentários da britânica BBC, que se mantém de contribuições da população, são divulgados por grandes emissoras comerciais no mundo. No Brasil, já foram exibidos pela Rede Globo.

Desde sua criação, a EBC já consumiu R$ 2,6 bilhões do Tesouro Nacional. O número de funcionários passou de 1.462 para 2.564 e seus custos de produção saltaram de R$ 61 milhões para R$ 236,5 milhões –pelo menos 15% referentes aos serviços prestados à Presidência da República na cobertura de eventos. E continua gerando “traço” de audiência, contrariando uma de suas metas.

A presidente do conselho da EBC, Rita Freire, afirma que as mudanças pretendidas por Temer não se justificam. Diz que o caráter público da emissora se revela em programas como o “Estação Plural”, ligados à diversidade sexual, e o “Caminhos da Reportagem”, sobre jornalismo, conteúdos que não se veem em redes privadas. “O que a EBC precisa é desvinculação da Presidência da República”, disse Freire.

A Folha ouviu executivos da EBC sob condição de anonimato. Para eles, as interferências do governo na emissora começaram quando antigos funcionários foram substituídos, a partir de 2011, por outros com salários muito maiores do que a média dos funcionários “da casa”.

Essa prática teria se acentuado sob a gestão de Edinho Silva, então ministro da Secretaria de Comunicação (Secom), a quem a EBC está subordinada. Os críticos questionam os salários altos de alguns profissionais, como o dos jornalistas Sidney Rezende, Paulo Moreira Leite e Luís Nassif. Segundo eles, os programas das “estrelas” da EBC eram “pró PT” e chegaram a ter reclamações de telespectadores à Ouvidoria pelo “alinhamento político”.

Com a demissão de Ricardo Melo, esses contratos foram cancelados por Laerte Rimoli, escolhido para substituí-lo. Mas Melo reassumiu e logo levou ao ar uma entrevista com a presidente afastada Dilma Rousseff feita por Nassif –o que caiu como afronta na equipe de Temer. “Não adianta inverter o governo”, disse Jonas Valente, presidente do Sindicato dos Jornalistas do Distrito Federal. “O que está em jogo não é eleger Flamengo ou Fluminense. Defendemos a rede pública, mas o governo precisa entender que ela não é uma plataforma política”.

Procurado, o presidente da EBC, Ricardo Melo não quis se pronunciar. Edinho Silva disse ter contratado somente três diretores e negou direcionamentos políticos.

Com informações da Folha de S.Paulo

Juiza suspende postagem de pré-candidata de Nísia Floresta no facebook

propaganda

Juiza suspende postagem de pré-candidata de Nísia Floresta no facebook

A magistrada Renata Aguiar, juíza eleitoral da 67ª Zona Eleitoral do TRE-RN, acatou a representação do PSDB em Nísia Floresta, que apontou duas publicações da pré-candidata a prefeita do município pelo Partido Popular Socialista (PPS) Rosângela Galiza de Vasconcelos, feitas no dia 5 de junho, como veiculação de propaganda eleitoral paga no Facebook.

Em liminar, a juíza pediu a suspensão das postagens no prazo de 24 horas, ainda que o conteúdo não fizesse pedido expresso de voto, além de oficiar a pré-candidata e o Facebook a fim de constatar se há procedência no patrocínio da publicação. Rosângela Vasconcelos excluiu as postagens. Em resposta, apresentada na última quinta-feira (16), a pré-candidata declarou que pagou o valor de R$4 para impulsionar as publicações. A juíza ainda aguarda resposta do Facebook.

O uso de publicações em redes sociais de forma patrocinada por qualquer pré-candidato configura violação ao artigo 57-C da Lei 9.504/97, ainda que não haja pedido expresso de voto.

CBF confirma Brasil e Bolívia na Arena das Dunas em Natal pelas Eliminatórias

 

Brasil e Bolívia pelas Eliminatórias da Copa da Rússia, será na Arena das Dunas em Natal foto Site Arena das DunasBrasil e Bolívia pelas Eliminatórias da Copa da Rússia, será na Arena das Dunas em Natal (Foto: Site da Arena das Dunas)

A Confederação Brasileira de Futebol – CBF confirmou que a partida válida pela nona rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo Rússia 2018, entre Seleção Brasileira e Bolívia será na Arena das Dunas, em Natal, no Rio Grande do Norte. A data do jogo ainda não foi oficializada.

Após o confronto contra os bolivianos, a Seleção viajará até a Venezuela para a disputa da décima rodada.