Daily Archives: 03/08/2015

Montanhas RN – Interrupção no fornecimento de Energia Elétrica na Sexta feira 7 de Agosto

Índice

energia

Moradores do Povoado Lagoa de Pedra e adjacências, no município de Montanhas, terão uma interrupção no fornecimento de energia elétrica na Sexta-feira, 7.

 INTERRUPÇÃO NO FORNECIMENTO DE ENERGIA

 A COSERN INFORMA QUE/ PARA FAZER A AMPLIAÇÃO E O MELHORAMENTO DA REDE/ IRÁ SUSPENDER O FORNECIMENTO DE ENERGIA/ NA SEXTA-FEIRA/ 7/ NO POVOADO LAGOA DE PEDRA/ E ADJACÊNCIAS/ NO PERÍODO DE OITO HORAS E TRINTA MINUTOS DA MANHÃ/ ATÉ AS DOZE HORAS E TRINTA MINUTOS DA TARDE/ NO MUNICÍPIO DE MONTANHAS//

CASO O SERVIÇO SEJA CONCLUÍDO ANTES DO HORÁRIO PREVISTO/ A REDE SERÁ ENERGIZADA SEM QUALQUER OUTRO AVISO//

MAIS INFORMAÇÕES PELO TELEFONE 116//

ILP amplia ofertas de cursos para servidores e população

????????????????????????????????????

????????????????????????????????????

Crédito da foto: Assessoria de Comunicação da ALRN

O Instituto do Legislativo Potiguar começa o segundo semestre com ampliação significativa nos cursos voltados à capacitação dos profissionais da administração pública e população em geral. Ao todo, o ILP terá o triplo de atividades em comparação ao primeiro semestre do ano.

Para a capacitação pessoal e profissional dos servidores, o ILP oferecerá palestras profissionalizantes, cursos de capacitação pessoal, capacitação técnica, extensão acadêmica, ensino à distância e pós-graduação. O cronograma terá início no dia 17 de agosto, com 166 atividades desenvolvidas – 112 a mais do que no primeiro semestre.

“Nosso objetivo é capacitar o servidor para melhor atender à população. Com a maior qualificação e consequente melhoria no desempenho, o serviço prestado à comunidade será melhor”, disse o diretor administrativo do ILP, Carlos Russo, que também ressaltou a importância de cursos que colaborem para a valorização profissionais dos alunos/servidores.

Na área de capacitação técnica, os cursos oferecidos têm o objetivo de colaborar para a melhoria dentro dos setores. Serão programas de pouca duração, com período entre um e quatro dias abordando temas como Redação Oficial e Legislativa, Legislação e Execução Orçamentária, Capacidade Gerencial, Qualidade no Atendimento e muito mais.

Na área de capacitação pessoal, os cursos serão de idiomas e informática, enquanto as palestras profissionalizantes tratarão sobre funcionamento do processo legislativo e combate às drogas. A extensão acadêmica terá cursos técnicos de Segurança do Trabalho, Guia de Turismo e Informática, além de dezenas de cursos de ensino à distância e os cursos de pós-graduação, voltados à gestão pública e Direito.

“Vamos continuar aperfeiçoando a programação para cada vez mais oferecermos oportunidades de capacitação aos servidores e um melhor serviço ao povo potiguar”, garantiu Carlos Russo.

Câmara Municipal vai debater LGBTfobia

GetInline.aspx

Release enviado pela Assessoria de Comunicação de Hugo Manso, ao Blog Montanhas em Ação,  como pauta de proposta para divulgação:

Colocar os holofotes em cima de todos os tipos de violência sofridos pela comunidade LGBT no Rio Grande Norte e trazer novos números e informações sobre esse tipo de agressão. Esses são alguns dos objetivos da Audiência Pública promovida pelo mandato do vereador Hugo Manso (PT) sobre LGBTFobia, que acontecerá amanhã, terça-feira, 04, a partir das 9h, no Plenário Érico Hackhart, na Câmara Municipal de Natal.

“Um dos maiores desafios em relação a LGBTfobia ainda é mensurar-lá. Parte dessa violência ainda é silenciosa, e os dados oficiais sobre o tema são defasados. O último relatório do Governo Federal é de 2012 e traz 148 registros de agressões LGBTfóbicas. O Governo do Estado, através do cruzamento das chamadas aos disks denuncia da Coordenadoria de Defesa dos Direitos da Mulher e das Minorias (CODIMM), Defesa Homossexual e Direitos Humanos, contabilizou 173 casos em 2014, mas a realidade é bem maior que essa”, contextualiza Hugo.

Vão compor a mesa da Audiência representantes do Centro de Referência em Direitos Humanos da UFRN (CRDH), o Grupo de Mulheres Independentes (GAMI), a ATREVIDA (Ong de transexuais), o Setorial LGBT do PT e a Coordenação de Defesa das Mulheres e Minorias (CODIMM).

A ideia e sair desse encontro com uma orientação madura sobre novas políticas públicas de defesa da comunidade LGBT e uma diretriz na aprimoramento das existentes.

Número de postos interditados por fraude na bomba cresce 23% no país

bomba-de-gasolina

Sistema computadorizado faz equipamento registrar volume até 4,5% maior que o abastecido. No Estado de São Paulo, 4.458 bombas foram pegas na fiscalização neste ano, o que equivale a 7% do total

NICOLA PAMPLONA – Folha de São Paulo

Aferição irregular, vício de quantidade ou, no popular, bomba baixa. São os nomes de um esquema de fraudes na venda de combustíveis que tem chamado a atenção das autoridades pela sofisticação e dificuldade no combate.

De acordo com a ANP (Agência Nacional do Petróleo), houve 165 postos interditados por esse motivo em todo o país nos últimos 12 meses terminados em junho, um crescimento de 23% sobre o período anterior.

No Estado de São Paulo, 7% das bombas inspecionadas neste ano, até a última quinta-feira (30), pelo Ipem (Instituto de Pesos e Medidas) apresentavam o problema, o que corresponde a 4.458 equipamentos reprovados.

A fraude consiste na substituição de componentes da placa eletrônica das bombas. O marcador dessa bomba adulterada exibe uma quantidade de combustível maior do que o efetivamente injetado no tanque do carro.

Em muitos casos, foi identificado o uso, pelos fraudadores, de controles remotos para desativar o sistema quando chega a fiscalização.

“As fraudes vêm se aprimorando de forma impressionante”, diz o diretor de metrologia e fiscalização do Ipem-SP, Valmir Ditomaso. “Não é uma coisa fácil de identificar. Tivemos que aprender na marra.”

VI FESTIVAL LITERÁRIO DA PIPA – FLIPIPA 2015

GetInline.aspx​ 

Flipipa 2015 vai começar

Recebemos em nosso e-mail um Release como proposta para divulgação:

O Flipipa é um dos mais importantes eventos literários do Estado e está em sua sexta edição mantendo-se como ação de turismo cultural relevante do litoral sul. A edição contará com a presença de autores regionais e nacionais em debates inéditos. Vamos ter Paulo Betti falando sobre personagens adaptados de literatura; O centenário do gestor, ex-governador e educador Djalma Maranhão também será abordado, e ainda as relações de Mário de Andrade com o Nordeste a partir de sua amizade com Câmara Cascudo.  Este ano o Pipinha Literária foi ampliado com mais atividades para crianças e adolescentes. A parceria com o Sesc traz a Mostra de cinema Nueva Mirada, são filmes de animação inspirados na literatura.

Debates literários começam dia 6/08, mas 6ª edição ganhará pré-abertura na quarta-feira [05] com o Assembleia Cultural Itinerante

Abertura contará com apresentações de brincantes de coco de zambê e pastoril, além do show de Carlos Zens. Já nos dias 06, 07 e 08 de agosto, várias personalidades literárias de alcance internacional vão estar na Pipa debatendo livros, ideias e literatura, tendo as belezas naturais do litoral sul como cenário

A literatura e todas as suas vertentes ganharão espaço na 6ª edição do Festival Literária da Pipa-Flipipa, que acontecerá a partir da próxima quarta-feira (5/8), seguindo até sábado (8/8), no espaço de eventos Pipa Open Air, na rua Baía dos Golfinhos, Pipa, litoral sul do Estado. Para debater ideias, memórias, obras literárias atuais e lançar novas provocações acerca deste rico universo, mais de 40 escritores confirmaram presenças, entre ficcionistas, biógrafos, poetas, educadores e intelectuais de gerações e estilos diferentes. São eles: Eduardo Jardim, Marcelino Freire, Marina Colasanti, Jards Macalé, Antônio Risério, Paulo Betti, Antônio Cícero, Jorge Mautner, Aldo Lopes, Demétrio Diniz, Vicente Serejo, Cassiano Arruda Câmara, Tácito Costa, Ângela Almeida, Woden Madruga, Ticiano Duarte, Willington Germano, César Ferrario, Patrícia Barbosa, Marcel Matias, Gelson Bini, Wani Pereira, Lívio Oliveira, Carlos Fialho, Marcelo de Cristo e Luiz Renato, Alexandre Alves, Vinícius Viramundo, Beatriz Madruga, Márcio Benjamin, Dinarte Assunção, Geórgia Hackradt, Alessandra Macêdo e Themis Lima. Os debates se dividirão entre a Tenda dos Autores, local climatizado com capacidade para 400 pessoas sentadas, ou nos estandes do Sesc Literatura, editora Jovens Escribas e Sebo Vermelho.

Pela primeira vez, o Flipipa ganhará uma pré-abertura na quarta-feira, dia 5, a partir das 18h30, abrindo a Tenda dos Autores para manifestações culturais do município de Tibau do Sul. Trata-se da Assembleia Cultural Itinerante, com apresentações do Coco de Zambê do Mestre Geraldo, Pastoril de Cabeceiras da Dona Lídia e show de Carlos Zens “Do Mar ao Sertão”, espetáculo poético-sonoro, onde o artista insere citações poéticas de Câmara Cascudo, Mário de Andrade, Osvaldo Lamartine, Raquel de Queiroz, Patativa do Assaré, entre outros.

Outra novidade será a ampliação do Pipinha Literária. A parceria com o Sesc insere novas atividades à programação já consolidada, como a Mostra de Cinema Nueva Mirada, que consiste em filmes de animação inéditos, de vários países, com temas inspirados na literatura. O Festival contará com a tradicional Tenda dos Autores, mais espaços educativos e lúdicos com atividades a partir das 8h da manhã até 23h, oferecendo biblioteca móvel do Sesc-BiblioSesc, estande de editoras locais, livraria da Cooperativa da UFRN, espaço de contação de histórias, apresentações musicais, dança e teatro, e restaurante. Integrando a programação ainda haverá assalto poético, bicicleta poética, e até a rádio difusora da Pipa anunciando as ações em tempo real. Também estarão presentes o Sexteto Sesi Big Band, o grupo de teatro Alegria Alegria, atores do grupo Estação de Teatro em contação de histórias, Banda Choro do Elefante, bailarina Anízia Marques com o espetáculo Encantaria,

O Flipipa 2015 A realização do Projeto Nação Potiguar e Fundação Hélio Galvão e conta com os parceiros/patrocinadores Ecocil, Sistema Fecomércio/Sesc, Fiern/Sesi, Prefeitura de Tibau do Sul, Grupo Gentil Negócios, Rede Intertv Cabugi, Sebrae RN, Hotel Ponta do Madeiro, Pipa Open Air, Assembleia Legislativa do RN, Associação de hotéis e pousadas da Pipa, jornal Tribuna do Norte, Editora Jovens Escribas, Cooperativa Cultural da UFRN, Sebo Vermelho, TAM Viagens Natal e Ateliê Flávio Freitas. O evento conta ainda com parcerias do Pipa Ocean View, Pipa Beleza, Girassois Lagoa Resort, Pipa Atlântico, Restaurante Caxangá, Sorveteria Real de 14 e Pipa Natureza. A curadoria é Dácio Galvão e a produção executiva é de Candinha Bezerra.

PRIMEIROS DEBATES

Um gênero literário em especial, a biografia, será pauta logo na primeira noite da Tenda dos Autores. O tema será abordado pelo filósofo e escritor Eduardo Jardim, autor da biografia “Eu Sou Trezentos: a vida e a obra de Mário de Andrade”, primeira obra que mergulha com detalhes na vida e no legado de uma das grandes personalidades da cultura brasileira de todos os tempos, o poeta, romancista, crítico musical, gestor público, folclorista e agitador cultural Mário de Andrade. O autor de ‘Macunaíma’ e ‘Amar, verbo intransitivo’ deixou obras seminais que ajudaram a moldar a cultura brasileira e continuam a iluminar o Brasil neste século 21, dentre elas o diário de viagem “O Turista Aprendiz”. A conversa terá como interlocutor um grande leitor de Mário de Andrade, o jornalista e cronista potiguar Vicente Serejo.

Também na primeira noite será tema de debate “Das Falanges de Máscaras a Real Grandeza”, que vai relembrar algumas das mais profícuas parcerias da poesia e música brasileiras. O compositor, violonista, cantor e poeta Jards Macalé e o poeta, compositor e ensaísta Antônio Cícero falarão sobre suas relações com o poeta Wally Salomão.

A primeira noite contará ainda com a presença do ator Paulo Betti falando sobre personagens adaptados de literatura, entre os quais Antônio Conselheiro e Carlos Lamarca, interpretados por ele no cinema. Essa mesa contará com a participação do grande entrevistador jornalista Cassiano Arruda Câmara.

No ano em que se celebra o centenário do político, gestor, jornalista, educador e ex-prefeito de Natal Djalma Maranhão, novas nuances de sua trajetória serão revelados pelo olhar de Ticiano Duarte, Woden Madruga e Willignton Germano, na primeira mesa da sexta-feira 7. “Campos e espaços do conto e da crônica” será o tema abordado pela escritora mineira Marina Colasanti. Encerrando a segunda noite estarão o antropólogo, poeta e historiador Antônio Risério (BA) e a antropóloga Wani Pereira (RN), debatendo o tema  “Cidade, Antropologia & poesia”.

No sábado, a literatura com raízes no sertão segue viagem com dois grandes ficcionistas do RN, os escritores Aldo Lopes e Demétrio Vieira Diniz, ambos entrevistados pelo experiente jornalista Tácito Costa. A segunda mesa da noite de sábado vai unir dois mundos: “Do filho do Holocausto e do filho de Sertânia”, respectivamente Jorger Mautner e Marcelino Freire. Autor dos premiados Angu de Sangue e Contos Negreiros, entre outros, Marcelino Freire lançará também o livro “Amar é crime”, coletânea de “contos de amor e morte”, em edição ampliada, pela Editora Record.

NOVO ESPAÇO E ACESSO LIVRE

O Flipipa 2015 ampliou seu espaço físico com a parceria do Pipa Open Air, que conta agora com o dobro da área do ano passado, mantendo-se na estratégica avenida Baía dos Golfinhos. O local tem estacionamento próprio, restaurante e vai abrigar tenda literária com 450 lugares, climatizada, tenda de autógrafos, estandes da Cooperativa Cultural da UFRN, Sebo Vermelho, selos das editoras, espaço Sesc de Leitura; mais o caminhão da BiblioSesc, palco para apresentações musicais antes e depois dos debates.  O evento mantém o acesso livre a toda a programação, pois não há cobrança de ingresso nem credenciamento para participar.

Aliado a isso o Flipipa se fortalece como projeto voltado para melhoria da qualidade de vida da comunidade em que atua, através de seu braço educativo a partir das ações pensadas e desenvolvidas pela sua curadoria e pelos parceiros.

SERVIÇO

6º Festival Literário da Pipa – Flipipa |  Realização: Fundação Hélio Galvão e Projeto Nação Potiguar. Curadoria: Dácio Galvão. Produção Executiva: Candinha Bezerra | Assessoria de Imprensa: Fato Novo Comunicação | Dionísio Outeda (Assessor). Tel.: 84 988208769/ 999743839

 

PROGRAMAÇÃO GERAL

VI FESTIVAL LITERÁRIO DA PIPA – FLIPIPA 2015

Espaço de eventos Pipa Open Air

 

•Dia 05/08 (quarta-feira)

Pré-abertura FLIPIPA 2015)

Espaço de eventos Pipa Open Air

Assembleia Cultural Itinerante: Especial Flipipa

A programação é uma versão itinerante da Assembleia Cultural em parceria com o Flipipa.

18h – Apresentação da Orquestra Flauta Doce de Tibau do Sul

18h30 – Coco de Zambê do Mestre Geraldo e Dona Lídia e Pastoril de Cabeceiras

19h – Show “Do Mar ao Sertão”, de Carlos Zens. Espetáculo poético-sonoro, onde o artista insere citações poéticas de Câmara Cascudo, Mário de Andrade, Osvaldo Lamartine, Raquel de Queiroz, Patativa do Assaré, entre outros

Espaço Gastronômico Pipa Open Air (Caxangá), BiblioSesc – Biblioteca itinerante; espaço literário e estandes de livrarias e sebos.

•DIA 06/08 (quinta-feira)

08h – Recital com Maria Flor;

8h30 – Sessão de Contos com Nara Kelly;

9h30 – Contação de Histórias com Camille Carvalho, Paula Queiroz e Rafael Telles;

10h30 Ação Sesc de Incentivo à Leitura com os autores: César Ferrario (RN) e Patrícia Barbosa (RJ)

11h30 intervalo

13h30  Contação de Histórias com Camille Carvalho, Paula Queiroz e Rafael Telles;

14h30 Ação Sesc de Incentivo à Leitura com: César Ferrario (RN) e Patrícia Barbosa (RJ)

15h30 Dona Lídia e o Pastoril de Cabeceiras

17h30 a 18h30 – Papo Literário na tenda da editora Jovens Escribas: Com Geórgia Hackradt, Alessandra Macêdo e Themis Lima.

18h30  – Autógrafos no livro “Filho por amor: a história de Guido” de Geórgia Hackradt, Alessandra Macêdo

18h – Estande da editora Sebo Vermelho: Lançamento do livro “Memória Viva de Chico Antônio”, do professor Carlos Lira, que estava esgotado desde 2003. O livro sobre o coquista foi ampliado com fotos mais texto de apresentação assinado por Mário de Andrade, originalmente publicado em 1929 no jornal A República.

18h10 – Intervenção teatral grupo Alegria, Alegria

 

TENDA DOS AUTORES

19h – Mesa literária 1: “Poesia Total: Das Falanges de Máscaras a Real Grandeza”

Com o compositor, violonista, cantor e poeta Jards Macalé e o poeta, compositor e ensaísta Antônio Cícero

20h – Mesa literária 2: “Macunaíma a Chico Antônio na biografia de Mário de Andrade”

Com o escritor e filósofo Eduardo Jardim, biógrafo de Mário de Andrade; e o jornalista e cronista Vicente Serejo

21h – Mesa literária: “Dramaturgia e literatura: De Antônio Conselheiro a Carlos Lamarca”

Com o ator Paulo Betti e o jornalista Cassiano Arruda Câmara

Após cada debate, os autores autografarão seus livros no estande de lançamento ao lado da tenda

22h – Apresentação do Espetáculo “Encantaria”, da bailarina Anízia Marques. Espetáculo é baseado em linhas de catimbó registradas por Mário de Andrade no RN em 1929. E sonoridades do coco de embolada do Boi Tungão, ambos com arranjos sinfônicos criados pelos regentes Gil Jardim e Danilo Guanais, respectivamente.

22h30 – Banda Choro do Elefante

 

•07/08- SEXTA-FEIRA

8h   Contação de Histórias com Paula Medeiros

9h  Cia Cênica Ventura: “As Histórias de Dona Chica”

10h – Ação Sesc de Incentivo à Leitura: Marcel Matias (RN): “Um estudo sobre Mário de Andrade” e Gelson Bini (SC)-  Guia de leitura para mediadores

11h30 Intervalo

13h30 Cia Ventura: “As Histórias de Dona Chica”

14h30 Ação Sesc de Incentivo à Leitura: Marcel Matias (RN)– Um estudo sobre Mário de Andrade e Gelson Bini (SC)–  Guia de leitura para mediadores

17h às 18h30 – Espaço Jovens Espaço Jovens Escribas: Bate-papo com Marcelo de Cristo e Luiz Renato.

18h30 – Autógrafos nos livros “Tons de ver-te” de Marcelo de Cristo e “Desaprendizagem” de Luiz Renato

18h – Estande da editora Sebo Vermelho: Lançamento da obra inédita “A Ressuscitada”, de Francisco Galvão, que trata da presença holandesa no litoral sul do RN e das atividades da família Albuquerque Maranhão em Canguaretama

17h30 a 18h30 – Papo Literário na tenda da editora Jovens Escribas

TENDA DOS AUTORES

19h – Mesa literária 3: “Cem anos de Djalma Maranhão”

Com Woden Madruga, Ticiano Duarte e Willigton Germano

20h – Mesa Literária 4: “Cidade: Antropologia & poesia”

Com o antropólogo, poeta e historiador Antônio Risério (BA) e a antropóloga Wani Pereira (RN)

21h – Mesa Literária 5: “Campos e espaços do conto e da crônica”

Com a escritora e psicóloga Marina Colasanti (MG)

Após cada debate, os autores autografarão seus livros no estande de lançamento ao lado da tenda

22h – Orquestra Sesi Big Band

08/08- SÁBADO

Tema do dia: “Paralelos dos legados de Hélio Galvão e o Turista Aprendiz, de Mário de Andrade”

8h – O poeta Lívio Oliveira abrindo os “Paralelos dos legados de Hélio Galvão e do Turista Aprendiz” com o mestre Pedro Benedito

9h – Histórias com Vinícius Viramundos (PE)

10h – Ação Sesc de Incentivo à Leitura: Alexandre Alves (RN) e Vinícius Vira Mundo (PE)

11h30 Intervalo

13:30  Contação de Histórias com Vinicius Viramundos (PE)

14:30 Ação Sesc de Incentivo à Leitura: Alexandre Alves (RN) e Vinícius Vira Mundo (PE)

15:30 Mesa dos paralelos: Livio Oliveira e Carlos Fialho: Os Legados de Hélio Galvão e Mário de Andrade e os  Novos caminhos na literatura do RN

17às 18h30 – Espaço Jovens Escribas: Bate-papo com Beatriz Madruga, Márcio Benjamin e Dinarte Assunção.

18h – Estande da editora Sebo Vermelho: Lançamento do livro “Amantes Guerreiras” , de Geraldo Maia do Nascimento, com histórias de 95 mulheres que se envolveram com os bandos de cangaceiros, entre 1930 e 1940, e o papel sexual desempenhado por elas

18h30 – Tenda Jovens Escribas: Autógrafos nos livros “A Estação de Ana e outras estações” de José Delfino, “Aos pedaços com tudo” de Beatriz Madruga, “Maldito Sertão” de Márcio Benjamin e “Sobre Viver” de Dinarte Assunção.

TENDA DOS AUTORES

19h30: Mesa literária 6: “Literatura e sertão: o regional e o universal”

Com o romancista Aldo Lopes, o poeta e contista Demétrio Diniz e o jornalista Tácito Costa

20h30: Mesa literária 7:“Caminhos do Filho do Holocausto e do filho de Sertânia”

Com o cantor, compositor e escritor Jorge Mautner e o escritor Marcelino Freire

*Após cada debate, os autores autografarão seus livros no estande de lançamento ao lado da tenda

22h- Show Qu4tro: Grupo Qu4tro reúne os artistas potiguares Khrystal, José Fontes, Sami Tarik Soares e Ronaldo Freire de Lima. Apresenta músicas autorais e versões singulares de Jorge Mautner, Milton Nascimento, Dominguinhos, Genival Lacerda, entre outros.

Este show será no palco anexo à tenda principal.

PIPINHA LITERÁRIA – ATIVIDADES PARALELAS

Pipinha Literária – Tenda Sesc

Todos os dias

8h às 19h

Contação de Histórias, Vivências Literárias, Brinquedos e Brincadeiras Populares e Oficinas de Reciclagem/Origami/Arte em Vinil.

Bibliosesc – Biblioteca móvel, com o objetivo de formar leitores e encurtar a distância entre o leitor e o livro, disponibilizando acervo com mais de 3 mil livros durante todo o festival.

Horário de funcionamento: todos os dias das 8h30 às 21h

Rádio Difusora do Flipipa

Serviço de comunicação externa com informativo sobre a programação, leitura de textos, utilidade pública, música, entrevistas, etc.

Horário: 8h as 19h

Assalto Poético: com Joanisa Prates e Paula Medeiros

Bicicleta poética: Pelas ruas de Pipa serão espalhados textos literários, em formato de buquês de papel, cata-vento e flores.

Cinesesc- Exibição de longas e curtas que compõem o acervo do Cine Sesc RN durante todos os dias do festival

Horário:19h

Mostra itinerante Festival Internacional Nueva Mirada.

O Festival é realizado pela Nueva Mirada, uma entidade privada (Argentina) sem fins lucrativos especializada em cultura, indústrias culturais e de comunicação dedicados a responder às necessidades de formação e desenvolvimento educacional e cultural de crianças e jovens.

06/08 – quinta-feira

08h30 Gnomos & trolls – a câmara secreta (Suécia) de Robert Rhodin; de 04 a 10 anos

1Oh Curtas de animação: de 04 a 10 anos

13h30  Curtas de animação a partir de 11 anos

15h    Max envergonhado (Dinamarca) de Lotte Svendsen

A partir de 11 anos

18H30 Kérity, a mansão dos contos de Dominique Monféry

de 04 a 10 anos

20h Curtas de animação; de 04 a 10 anos

07/08 – sexta-feira

MOSTRA DE CINEMA NUEVA MIRADA PARA A INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA

08h30 Kérity, a mansão dos contos de Dominique Monféry

de 04 a 10 anos

10h Curtas de animação; de 04 a 10 anos

13h30  Toni, o garimpeiro (Alemanha) de Norbert Lechner

A partir de 11 anos

15h O rei Siri (Sri Lanka) de Somaratne Dissanayake

A partir de 11 anos

18H30  Curtas de animação

de 04 a 10 anos

20H Gnomos & trolls – a câmara secreta (Suécia) de Robert Rhodin; de 04 a 10 anos

08/08 – sábado

08h30    Curtas de animação; de 04 a 10 anos

10h Curtas de animação; de 04 a 10 anos

13h30 Os crocodilos (Alemanha) de Cristian Ditter

A partir de 11 anos

15h Kérity, a mansão dos contos de Dominique Monféry

de 04 a 10 anos

18H30 Curtas de animação; de 04 a 10 anos

20H O rei Siri (Sri Lanka) de Somaratne Dissanayake

A partir de 11 anos

“Já fui a shows seus. Por isso vou deixar seu chip”, diz ladrão ao roubar celular de cantor na PB

Um cantor de 32 anos teve o celular roubado durante a invasão a uma residência na cidade de Campina Grande, no Agreste do estado.

Bruno Marques, que é vocalista da banda Forró de Elite, disse que antes dos assaltantes levaram o aparelho um deles falou: “Já fui a muito show seu. Por conta disso vou deixar seu chip”. O caso aconteceu no sábado (1º) e foi relatado pelo músico em uma rede social. Ao Portal Correio, o artista revelou que estava chegando à casa de amigos no bairro da Liberdade onde participaria de um almoço, quando foi alvo dos assaltantes. “Ao entrar na casa vi que meus amigos estavam encurralados, mas pensei que era por causa da festa mesmo. Até brinquei: aqui está é animado.

Logo em seguida, os dois jovens mostraram um revólver e uma faca e disseram que era um assalto”, disse.

Marques confirmou que ao entregar o aparelho celular, um dos assaltantes o reconheceu como cantor de uma banda de forró da cidade. “Um deles disse que iria me entregar o chip e o cartão de memória porque já tinha ido a alguns shows meus e gostado. Ele falou ainda que ‘dava valor’ a banda”, sorriu ao falar da situação.

De acordo com a Polícia Militar, os jovens invadiram à casa ao pedir água ao morador. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil do bairro do Catolé. Os suspeitos roubaram celulares e outros aparelhos eletrônicos. A dupla fugiu a pé, mas pegou duas mototaxis que o esperavam perto do local. Ninguém foi preso.

Portal Correio