Daily Archives: 22/07/2015

LBV inicia a entrega de 90 mil quilos de alimentos para as famílias atingidas pela seca no Nordeste

CIwoiv6W8AEy5J_

Além de causar sérios danos à agropecuária, os longos períodos de estiagem, ocasionam graves problemas sociais, principalmente para milhares de famílias de cidades do Nordeste brasileiro que enfrentam a escassez de alimentos e a fome.

Por isso, a Legião da Boa Vontade (LBV) está mobilizando a sociedade para promover uma ação emergencial de apoio para entregar às famílias cerca de seis mil cestas de alimentos, contendo itens básicos como arroz, feijão, açúcar, farinha de mandioca, fubá, massa para cuscuz, óleo e outros.

Serão beneficiadas famílias que residem em cidades de extrema pobreza que sofrem com a seca como: Casa Nova, Curaçá, Sento Sé, Sobradinho e Uauá, na Bahia; Canindé, Irauçuba, Itapipoca e Santa Quitéria, no Ceará; Belágua e Marajá do Sena, no Maranhão; Amparo, Ouro Velho, São José dos Cordeiros, Sumé, Zabelê, na Paraíba; Alagoinha, Arco Verde, Buíque, Pedra, Venturosa, em Pernambuco; no Rio Grande do Norte, a entrega das doações ocorre de 23 a 25 de Julho, em Antônio Martins, Baía Formosa, Espírito Santo, Martins e Taipu.

As doações podem ser feitas pelo site www.lbv.org/doe. Ajude a LBV a ajudar quem precisa. Juntos, faremos a diferença. Quando a LBV chamar, atenda com o coração. Diga Sim!

Após 40 dias de greve, ‏servidores da saúde ocupam sede do governo do RN

11779933 874272752610299 3065807019386357003 o

Os servidores da saúde estadual iniciaram a greve no dia 11 de junho

Os servidores da saúde do Rio Grande do Norte iniciaram uma ocupação na sede do governo do estado, na noite desta segunda (20). A decisão foi tomada após uma audiência com representantes do governo, que negou reajuste e a revisão do Plano de Cargo. Parte dos servidores está há cinco anos com o salário-base congelado e o Sindsaúde (Sindicato dos Servidores em Saúde do RN) reivindica reajustes de 27%, para os servidores dos hospitais, a 61%, para os municipalizados. O governo estadual afirma que os gastos com a folha de pessoal estão acima do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

11755689 874218942615680 5230539468779325585 n

Os servidores decidiram permanecer ocupando o prédio e reivindicam uma audiência com o governador Robinson Faria (PSD), que no momento recebia o ministro da Pesca, Helder Barbalho. Na manhã desta terça-feira, às 09h, os servidores farão um ato público, quando receberão o apoio de outras categorias em greve, como os servidores da saúde de Natal e professores e técnicos da UERN (Universidade Estadual do RN) e da UFRN (Universidade Federal do RN) e de centrais como a CSP-Conlutas.

Vamos envelhecer como as árvores, recomendava Bilac

O jornalista e poeta carioca Olavo Brás Martins dos Guimarães Bilac (1865-1918), no soneto “Velhas Árvores”, transforma no crescimento das árvores em uma emocionante lição de vida.VELHAS ÁRVORES

Olavo Bilac

Olha estas velhas árvores, — mais belas,
Do que as árvores mais moças, mais amigas,
Tanto mais belas quanto mais antigas,
Vencedoras da idade e das procelas . . .

O homem, a fera e o inseto à sombra delas
Vivem livres de fomes e fadigas;
E em seus galhos abrigam-se as cantigas
E alegria das aves tagarelas . . .

Não choremos jamais a mocidade!
Envelheçamos rindo! envelheçamos
Como as árvores fortes envelhecem,

Na glória da alegria e da bondade
Agasalhando os pássaros nos ramos,
Dando sombra e consolo aos que padecem!

Site Poemas & Canções

Câmara de município do RN é alvo de operação do Ministério Público

Câmara Municipal de Apodi, no RN, foi alvo de ação conjunta do MP e PM (Foto: Márcio Morais/G1)

O Ministério Público do Rio Grande do Norte e a Polícia Militar apreenderam documentos em operação realizada nesta segunda-feira (21) na Câmara Municipal de Apodi, cidade da região Oeste potiguar. A ação deu cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça do Rio Grande do Norte.

Segundo o G1, as apreensões serão usadas em um inquérito criminal que apura o superfaturamento de despesas na Câmara Municipal da cidade. “Basicamente recolhemos documentos, anotações e um malote com informações contábeis e financeiras. Foi necessário arrombar algumas portas e gavetas que não puderam ser abertas”, explica o promotor Sílvio Brito.

O representante do Ministério Público acrescenta que já existia uma investigação sobre o superfaturamento na esfera cível. A investigação criminal foi um desdobramento dos fatos constatados pelo órgão. A operação contou com apoio do Grupo Tático Operacional da PM de Apodi.