Daily Archives: 18/04/2015

Bela música – Vale a pena conferir

Tentativa de diálogo do SINTE/RN esbarra na intransigência do prefeito de Vera Cruz

DSC_0190

Para o prefeito de Vera Cruz, João Paulo, a decisão de implementar o terço de hora na rede municipal da cidade sem o consentimento da prefeitura foi “uma maldade com os estudantes, que estão tendo um dia na semana para ir para casa”. O chefe do executivo disse ainda que irá descontar nos salários dos educadores as horas destinadas as atividades extraclasse. As afirmações foram feitas em audiência entre o SINTE/RN e o chefe do executivo de Vera Cruz.

Na ocasião, a Coordenadora Geral do SINTE/RN, Fátima Cardoso, rebateu a acusação e explicou que a educação municipal é de responsabilidade da prefeitura e portanto é o próprio prefeito quem está negando um dia de aula aos alunos do município, ao não providenciar condições para a normalidade das aulas.  Quanto a categoria, Fátima lembrou que está tão somente cumprindo a lei.

Outro ponto discutido na audiência foi a suspensão do repasse das consignações dos professores por parte da prefeitura de vera Cruz ao SINTE/RN. A assessoria jurídica do Sindicato lembrou que o Regime Jurídico do Município garante o desconto e pediu explicações acerca desta questão. Entretanto, o prefeito apenas disse que no momento oportuno dará a resposta.

Para Fátima Cardoso, o prefeito de Vera Cruz demonstrou frieza e pouca boa vontade diante da pauta dos professores da cidade: “O diálogo é uma característica do SINTE/RN, entretanto, o prefeito João Paulo mostrou que deseja encerrar este canal”, avalia.

Tribunal de Justiça considera legal a greve dos professores de Goianinha, RN

Professores da rede municipal de Goianinha em  movimento
grevista no centro da cidade
(Foto: enviada ao VNT via whatsapp)

Nesta  quinta-feira 19  foi publicada a decisão (Veja AQUI)  em que o Tribunal de Justiça do RN (TJ/RN) considerou legal a paralisação dos educadores de Goianinha, litoral sul do Rio Grande do Norte. A decisão suspende a liminar que considerava o movimento grevista como ilegítimo.

A prefeitura de Goianinha havia ingressado com um pedido de ilegalidade da greve, em seguida o SINTE-RN, através da sua assessoria jurídica, acionou a justiça e ingressou com um pedido de agravo. Assim, o TJ/RN deu ganho de causa aos trabalhadores em educação. O SINTE e os educadores seguem na tentativa negociar com o executivo municipal.

Greve 

Os professores do município estão em greve desde o início deste mês. A categoria exige o cumprimento da Lei do Piso Salarial e a reimplantação imediata da hora atividade.

Deputados do RN torram mais de meio milhão de reais com verba indenizatória em fevereiro

Dickson e Hermano

Os 24 deputados da Assembléia Legislativa do RN gastaram no mês de fevereiro passado, um total de R$ 521.202,14 com a famosa verba indenizatória.

O deputado novato Alberto Dickson (PROS), é o campeão de gastos e veterano deputado Hermano Morais (PMDB), é o vice-campeão da gastança, segundo dados das prestações de contas disponíveis no Portal da Transparência da ALRN.

Veja a lista completa e quanto cada um gastou em fevereiro:

DEPUTADOS VALOR
Albert Dickson (PROS)

R$ 24.057,90

Hermano Morais (PMDB)

R$ 24.027,81

José Adécio (DEM)

R$ 23.984,12

Ezequiel Ferreira (PMDB)

R$ 23.969,60

Gustavo Fernandes (PMDB)

R$ 23.920,11

Nélter Queiroz (PMDB)

R$ 23.905,00

Getúlio Rêgo (DEM)

R$ 23.848,71

Jacó Jácome (PMN)

R$ 23.816,41

Tomba (PSB)

R$ 23.275,06

Raimundo Fernandes (PROS)

R$ 23.270,37

Ricardo Motta (PROS)

R$ 23.038,49

George Soares (PR)

R$ 22.969,56

José Dias (PSD)

R$ 22.342,99

Agnelo Alves (PDT)

R$ 22.253,87

Fernando Mineiro (PT)

R$ 22.228,61

Márcia Maia (PSB)

R$ 22.107,68

Kelps Lima (SD)

R$ 21.900,00

Gustavo Carvalho (PROS)

R$ 21.601,31

Cristiane Dantas (PCdoB)

R$ 20.638,98

Galeno Torquato (PSD)

R$ 20.440,29

Souza Neto (PTN)

R$ 20.390,98

Álvaro Dias (PMDB)

R$ 18.469,39

Carlos Augusto Maia (PTdoB)

R$ 13.580,00

Dison Lisboa (PSD)

R$ 11.164,90

TOTAL

R$ 521.202,14