Daily Archives: 01/08/2014

Cantando na estrada, como Paulinho Pedra Azul

O cantor, compositor e poeta mineiro Paulo Hugo Morais Sobrinho nasceu na cidade de Pedra Azul, a qual adotou como nome artístico. É tido como um dos cantores mais conhecido de Minas Gerais. Sua música registra influências que vão desde os Beatles e o samba até o mineiro Clube da Esquina. Suas criações, como “Ave Cantadeira”, mostram suas origens rurais. Esta música foi gravada no CD Paulinho Pedra Azul 10 anos, em 1992, produção independente.

AVE CANTADEIRA
Paulinho Pedra Azul

E lá vou eu nessa estrada
desafiando o coração
cantando em prosa ou canção
feito uma ave cantadeira
cantar, cantar, cantar
viver, viver, viver
criar penas de pássaro no ar
voar, voar, voar
sofrer, sofrer, sofrer
amar, amar, amar você
E lá vou eu nessa agonia
levando a dor em minhas mãos
fugindo igual a um bicho errante
amargurado coração
cantar, cantar, cantar
sofrer, sofrer, sofrer
voar, voar, sobreviver

 Site Poemas & Canções

Lei cria regras para convênios com ONGs, que deveriam ser proibidas de usar recursos públicos

Yara Aquino e Pedro Peduzzi
 Agência Brasil 

O projeto de lei que cria um novo marco regulatório para as organizações não governamentais (ONGs) foi sancionado hoje (31) pela presidenta Dilma Rousseff. A lei estabelece normas para as parcerias voluntárias da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios com as organizações e estabelece regras para evitar o favorecimento de grupos específicos e a escolha de entidades sem preparo técnico ou estrutura para o cumprimento dos projetos.

Pela proposta, as ONGs terão que participar de processo seletivo (chamada pública) inscrevendo seus projetos para serem selecionados, pondo fim a uma das principais polêmicas referentes às parcerias, a forma de seleção. Terão ainda que cumprir uma série de requisitos para fazer parcerias com os governos. Entre as exigências para firmar os contratos estão: existir há, no mínimo, três anos; ter experiência prévia na realização do objeto do convênio; e ter capacidade técnica e operacional para desenvolver as atividades propostas.

A presidenta Dilma Rousseff disse que a democracia se fortalece quando se abre para a participação social e destacou que a criação de regras claras vai permitir o reconhecimento por parte do Estado da relevância e importância dessas instituições. “A legislação cria um ambiente muito mais adequado para a atuação das organizações da sociedade civil e reconhece nelas parceiras fundamentais do Estado na implementação de políticas em favor dos nossos cidadãos”.

FICHA LIMPA

O novo texto traz também a exigência da ficha limpa tanto para as organizações quanto para os seus dirigentes. Passa a ser lei nacional a determinação de que as organizações e os dirigentes que tenham praticados crimes e outros atos de violação aos princípios e diretrizes ficam impedidos de celebrar novas parcerias. A medida vinha sendo aplicada nas parcerias firmadas pelo Poder Executivo Federal desde 2011.

Além disso, a norma prevê regras mais rígidas no planejamento prévio dos órgãos públicos, no monitoramento e na avaliação, e um sistema de prestação de contas diferenciado por volume de recursos.

Joaquim Barbosa planejou milimetricamente sua aposentadoria

José Carlos Werneck

Segundo informa o jornalista Claudio Humberto, no site”Diário do Poder”, com a publicação do decreto de sua aposentadoria, ontem, no Diário Oficial da União, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa deu o troco nos ministros Ricardo Lewandowski e Cármen Lúcia. A saída um dia antes da reabertura dos trabalhos livrou Barbosa de ter de participar e, principalmente, votar na sessão que escolherá, hoje, seus dois desafetos para dirigir a mais alta Corte de Justiça do País.

O ministro Lewandowski deverá, nesta sexta-feira, assumir interinamente a presidência do Supremo e do Conselho Nacional de Justiça, tendo como vice no STF a ministra Cármen Lúcia .

Joaquim Barbosa não suporta Lewandowski, revisor do processo do mensalão, com quem trocou insultos pesados durante o julgamento.

Já Cármen Lúcia foi para a lista de desafetos após ser flagrada, em 2007, comentando que Joaquim daria “salto social” como relator do mensalão.

A decisão de Barbosa de se aposentar, para não ficar “um só dia” sob comando de Lewandowski, tinha sido revelada, anteriormente, por Claudio Humberto.

Ex morador de Montanhas também Incluso – Candidatos com nomes esquisitos ‘e até bizarros’ disputam eleição 2014 no RN

6yu56u3

Do Jornal de Hoje – A disputa eleitoral não pode ser considerada igual para todos os que concorrem a uma vaga na Câmara Federal ou na Assembleia Legislativa. Falta tempo de TV e espaço na mídia para boa parte dos candidatos a deputado federal e estadual e, por isso, toda eleição, há aqueles que buscam se destacar em meio à multidão de concorrentes por meio de nomes ou roupas extravagantes. Neste ano, claro, a situação não é diferente no Rio Grande do Norte, como mostra um levantamento feito pel’O Jornal de Hoje com base em informações disponíveis sobre as candidaturas no DivulgaCand 2014, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Exemplo? “Edson Xaxá”, comerciante mossoroense que é candidato a deputado estadual pelo PSDC, ou “Bolinha”, servidor público estadual de Martins, do PCB. Na concorrência pela Assembleia Legislativa, dos 271 candidatos, destaca-se também: “Irmão Cícero da Rádio”, filiado ao PSOL, e “Samoel Xaropinho”, funcionário de almoxarife e filiado ao PT. Outro que chama atenção na lista de concorrentes a Assembleia Legislativa é Edilson Honório da Silva, popularmente conhecido como Marrom, candidato pelo PRB, Damião Elias Fernandes, o “Damião Potência”, comerciante e candidato pelo PSDC. E o que falar de “Carlos Vendedor”, representante comercial de Acari, mais um do PSDC.

rtjr6tj56u

Vendedor”, por sinal, é um dos que coloca no nome de campanha o nome a profissão que exerce, como forma de chamar a atenção. Essa técnica foi usada também por Luciano Moura da Consertec, do PV de Jucurutu; “Eleázaro, o Enfermeiro Amigo”, técnico de enfermagem do PSDC; Israel do Sindicato, vigilante do PRB, e Lucas Tur, do PSC. E pelos músicos, “Tom Sertanejo”, cantor e compositor filiado ao PSC, e “Amazan”, que também é empresário e filiado ao PSD.

7i4674i

A profissão não é a única técnica utilizada por aqueles que querem se destacar entre a multidão de candidatos. Há também aqueles que usam os apelidos adquiridos pela mídia como forma de se destacar e criar uma identificação com o leitor. Tipo: poucos conhecem Lucenildo Alexandre de Azevedo, mas vários sabem quem é o Gordinho da Mercato, que ganhou fama estadual por se revoltar contra um suposto mau trato praticado pelo desembargador do Tribunal de Justiça, Dilermano Mota. Pois é: ele agora é candidato a deputado federal, levantando a bandeira da indignação como linha de campanha.

68843

O Gordinho da Mercatto, que é filiado ao PRTB, não é o único que se destaca na disputa pela Câmara Federal tendo, a seu favor, um “vídeo amador” gravado e compartilhado pelas redes sociais. O ex-candidato a vereador de Caicó, Cícero Vale da Silva, ou Cicão Bandido (PHS), também tem esse perfil. A gravação da prisão dele durante um protesto (colocou carcaças de animais em frente a Cohab de Caicó para reclamar da demora no abastecimento) rodou o RN e o fez celebridade, com centenas de apoiadores.

Primeiro debate com candidatos ao Governo do Estado da Paraíbaé marcado por ataques

Seis candidatos ao Governo do Estado participaram na noite desta quinta-feira (31), do primeiro debate promovido pela TV Master.

Participaram do debate os candidatos Ricardo Coutinho (PSB), Cássio Cunha Lima (PSDB), Major Fábio (PROS), Vital do Rego (PMDB), Antônio Radical (PSTU) e Tárcio Teixeira (PSOL). O debate foi aberto pelo governador Ricardo Coutinho se dirigindo ao candidato Cassio Cunha Lima perguntando sobre providencias diante de um acidente vitimando jovens no interior do Estado. Em seguida, Cássio criticou a condição de intolerância do governo na relação com os servidores públicos. Já o candidato Vital do Rego, dirigiu críticas aos dois governos de Ricardo e Cassio, com destaque para as áreas de segurança, educação e saúde.

O candidato Major Fábio disse que a sociedade está cansada de promessas porque a realidade dos policiais, da saúde, educação.

O candidato Antônio Radical teceu críticas às promessas de campanha de 2010 feitas por Ricardo Coutinho, fez críticas a outros candidatos e defendeu ações nas áreas de saúde, educação, segurança e etc. Já o candidato Tarcio Teixeira também criticou os demais candidatos e também defendeu temas nas áreas de saúde, educação, segurança e etc.

Paraíba Mais

Motociclista colide frontalmente com caminhão e morre na hora

Fatalidade ocorreu na estrada que liga Pirpirituba à Belém, no Brejo.

Um motociclista morreu após colidir com um caminhão, na tarde dessa quinta-feira (31). O fato aconteceu na Rodovia que liga Pirpirituba à Belém, na região do Brejo Paraibano. A vítima, identificada como Adriano Luiz Pereira Diniz, 27 anos, residia no Sítio Aldeia, em Bananeiras. As informações dão conta de que o mesmo estaria bebendo com um amigo nas proximidades de Pirpirituba, quando saiu para buscar uma amiga. Uma curva antes da Ladeira da Pedra, ele invadiu a contramão e colidiu frontalmente com um caminhão-caçamba carregado de pedras.

O motorista do caminhão, com placas KIJ-2732, de Condado-PE, fugiu do local logo após o acidente e não foi identificado até o momento.

A pancada foi tão forte que o motociclista ficou com a cabeça presa na frente do caminhão, que arrastou o corpo da vítima 100 metros após o local da colisão.

Segundo um irmão da vítima, o mesmo havia chegado há pouco do Rio de Janeiro e ambos já tinham passagens compradas para viajarem ao Rio.

WSCOM Online