Daily Archives: 07/04/2014

Entendimento entre PSD e PT trava mais uma vez

16913bApesar da afinidade demonstrada pelo vice-governador Robinson Faria (PSD), pré-candidato a governador, e a deputada federal Fátima Bezerra (PT), pré-candidata ao Senado, os entendimentos entre PSD e PT ainda passam por problemas. Os dois partidos fecharam coligação na majoritária e na disputa para a Câmara Federal. No entanto, o diálogo travou no que diz respeito à busca pelas vagas na Assembleia Legislativa.

O impasse consiste no fato de a coligação para deputado estadual ser benéfica para o PSD, que pretende eleger três parlamentares para a Assembleia Legislativa, e ruim para o PT, que sonha com a ampliação da sua bancada, a qual só tem hoje o deputado estadual Fernando Mineiro (PT). Se firmar coligação com o partido de Robinson, os petistas correm o risco de ficar de fora da Assembleia. Se o PSD não se coligar, corre o risco de reduzir o número de deputados.

As duas siglas ainda não conseguiram chegar a um denominador comum para o assunto. A solução apontada pelos petistas seria atrair novos partidos para a aliança, que fariam uma composição com o PSD e o PT sairia sozinho na disputa. A legenda ideal para esse acordo seria o PCdoB. Porém, os comunistas estão hoje mais próximos da aliança em torno das candidaturas do deputado federal Henrique Alves (PMDB) a governador e da vice-prefeita Wilma de Faria (PSB) ao Senado.

As conversas seguem a todo ritmo. Conseguiram avançar na coligação para deputado federal. Mas, em todos os diálogos, a aliança trava justamente no que diz respeito à disputa pelas cadeiras de deputado estadual.

PMs realizam protesto contra a violência e Salgado Filho fica parada

Fotos: Kelly Amorim

IMG-20140407-WA0003 IMG-20140407-WA0002 IMG-20140407-WA0004

Policiais militares fecharam a Avenida Salgado Filho no fim da manhã desta segunda-feira (7), em protesto contra a violência com a classe, que vem registrando novas vítimas, como nos episódios da ultima sexta-feira (4), em que um policial foi baleado em tentativa de assalto e um outro foi assassinado na frente da família, em Nova Parnamirim. Após a justa manifestação, a via foi desobstruída, e o trânsito, ainda que lentamente, voltou a fluir.

Feirão Limpa Nome da Serasa começa nesta segunda-feira

Feirão Limpa Nome da Serasa começa nesta segunda-feira

A Serasa Experian irá realizar, entre os dias 7 e 17 de abril, a segunda edição do Feirão Limpa Nome Online.

Além das vantagens de poder renegociar pendências financeiras sem sair de casa, desta vez o serviço contará com a participação de cerca de 80 empresas. Durante o período, qualquer pessoa poderá acessar o site do Feirão Limpa Nome Online para renegociar suas pendências financeiras, 24 horas por dia.

Para participar, basta entrar no portal e preencher o cadastro. Após isso, o consumidor será levado a uma página onde estarão relacionadas todas as empresas do Limpa Nome Online com as quais ele possui alguma dívida em aberto.

Receita divulga calendário de restituições; primeiro lote será liberado 16 de junho

As restituições do Imposto de Renda 2014 começarão a ser pagas em 16 de junho e os pagamentos seguem até dezembro, de acordo com publicação do Diário Oficial da União desta segunda-feira (7). Inicialmente, serão pagas as restituições para pessoas com mais de 65 anos.

Depois, deverão ser liberadas as restituições segundo a ordem de envio da declaração à Receita. Em qualquer uma das situações, é necessário que não haja nenhuma pendência ou irregularidade. De acordo com o balanço divulgado na quinta-feira (3),  20 milhões de contribuintes ainda não entregaram a declarações de IR este ano.

Ao todo, a Receita espera receber 27 milhões de documentos. A entrega começou no dia 6 de março e se estende até 30 de abril deste ano. Quem perder o prazo está sujeito a uma multa mínima de R$ 165,74.

Médicos anunciam suspensão do atendimento a planos nesta segunda-feira

Consultas agendadas serão canceladas; cirurgias e atendimentos de emergência não serão afetados

A ação, lançada nesta sexta-feira,  4, por entidades médicas paulistas, vai afetar apenas as consultas agendadas. Foto: Divulgação
A ação, lançada nesta sexta-feira, 4, por entidades médicas paulistas, vai afetar apenas as consultas agendadas. Foto: Divulgação

Médicos, dentistas, fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais do Estado de São Paulo vão suspender o atendimento a clientes de planos de saúde durante a próxima segunda-feira, 7, em protesto contra as operadoras e por maior fiscalização da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

A ação, lançada nesta sexta-feira,  4, por entidades médicas paulistas, vai afetar apenas as consultas agendadas. “Recomendamos aos médicos que atendam normalmente emergências e cirurgias porque nosso objetivo não é prejudicar o paciente”, diz Florisval Meinão, presidente da Associação Paulista de Medicina. Ele recomenda aos pacientes que reagendem as consultas marcadas para a data.

Como parte da campanha contra as operadoras, a entidade vai disponibilizar um canal de atendimento para que médicos e pacientes façam reclamações contra os planos de saúde.

A categoria agendou para o dia da suspensão do atendimento uma ação de doação de sangue na sede da APM em que participarão médicos e outros profissionais de saúde.

Representante de 31 operadoras de saúde, a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde) afirmou que suas afiliadas estão preparadas para garantir o atendimento médico aos seus beneficiários. Disse ainda que, “no acumulado dos últimos cinco anos, o reajuste dos prestadores de serviço foi de 50%, superior à inflação do período, que foi de 31%”. A APM diz, no entanto, que, desde 2005, o reajuste aplicado pelas operadoras aos seus beneficiários de planos coletivos foi de 538%.

Também representante das operadoras, a Associação Brasileira de Medicina de Grupo (Abramge) afirmou que “o setor de saúde suplementar mantém canais permanentes de diálogo e negociação com as entidades representativas dos profissionais da saúde” e que, como resultado desse diálogo e das negociações diretas entre as operadoras e os médicos, “os reajustes dos honorários médicos variaram entre 10% e 12% em 2013, acima, portanto, dos 5,9% da inflação no período”.

A ANS afirmou que o atendimento à população não pode ser prejudicado na segunda-feira e que o acesso aos serviços contratados pelo beneficiário deve ser garantido pelas operadoras. Disse ainda que “a relação entre as operadoras e os prestadores de serviços de saúde é um dos temas prioritários para a ANS” e que “recentemente, ocorreram diversos avanços na política do setor no que diz respeito a esse tema, como, por exemplo, a criação do Comitê de Incentivo às Boas Práticas entre Operadoras e Prestadores.”

Outros Estados

Segundo a Associação Médica Brasileira (AMB), todos as entidades estaduais estarão mobilizadas na segunda-feira . Nem todos, porém, irão interromper o atendimento. “Alguns vão fazer manifestações, outros, paralisação. Cada Estado definiu a sua estratégia”, disse Florentino Cardoso, presidente da AMB. Segundo balanço do Conselho Federal de Medicina, além de São Paulo, deverão interromper o atendimento os Estados do Rio de Janeiro (só pela manhã) e do Pará.

Wilma de Faria poderá ser candidata ao governo do Rio Grande do Norte

Problemas internos de rejeição à aliança do PSB com o PMDB poderão mudar o rumo das candidaturas

56u65u56u65uu5u5

Alex Viana

Repórter de Política

A presidente do PSB no Rio Grande do Norte, ex-governadora Wilma de Faria, poderá desistir de se candidatar ao Senado da República, para disputar um mandato de governadora. Essa informação corre nos bastidores políticos e se baseia nas dificuldades do processo político para compor com o PMDB do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves.

Wilma desponta em primeiro lugar nas pesquisas que levantam a intenção de voto do potiguar para o governo. Ela também figura bem na corrida para o Senado. Entretanto, se optar por disputar o governo, Wilma teria mais chances de vencer, uma vez que seus possíveis adversários mais fortes, Henrique e o vice-governador Robinson Faria, têm menos da metade da intenção de voto da ex-governadora.

Já se a opção for pelo Senado, a pessebista teria na figura da deputada federal Fátima Bezerra (PT) uma forte concorrente, com possibilidade de derrota de Wilma. Entre uma possível vitória para o governo e uma possibilidade de derrota para o Senado, Wilma estaria estudando a possibilidade de disputar o governo.

SOCIALISTAS

No PSB, a tese de candidatura ao governo do Estado é a que mais prevalece. No diretório estadual do PSB, integrantes da executiva e delegados convencionais, à unanimidade, preferem o projeto Wilma governadora. Em nível nacional, a candidatura de Wilma ao governo é incentivada pelo pré-candidato do PSB a presidente da República, Eduardo Campos, que vê nessa candidatura a construção de um robusto palanque para ele no Rio Grande do Norte.

Nessa linha, a ex-senadora Marina Silva (PSB), que será vice de Eduardo Campos numa chapa “puro-sangue” do PSB nacional à Presidência da República, editou uma nota nesta sexta, em que ataca Henrique Alves, provável nome a governador na aliança que o PSB articula no estado. Segundo Marina Silva, o potiguar “representa a continuidade dos problemas que assolam o estado do Rio Grande do Norte, secularmente governado por essa oligarquia”.

A nota de Marina Silva caiu como bomba na aliança entre o PSB e o PMDB do Rio Grande do Norte, ameaçando desintegrar a aliança desejada pelo presidente da Câmara dos Deputados. Em evento na sexta-feira da semana passada, Henrique afirmou que, sem Wilma no palanque dele disputando o Senado, ele não teria condições de disputar a cadeira de governador. Com a nota do PSB, considerando-o “um atraso” para o estado, criou-se um grave conflito entre PSB e PMDB, o que, inclusive, poderá ser usado contra a aliança Henrique/Wilma pelos adversários durante a campanha eleitoral deste ano.

Calculista e exímia política, Wilma de Faria percebeu que a aliança com o PMDB poderá ser um verdadeiro “tiro no pé” na sua carreira política, transformando uma “oportunidade de ouro” de voltar a governar o Estado, numa “chance real de derrota” se sua opção for disputar o Senado numa aliança questionada pelo próprio partido e contra uma candidata forte, como a deputada federal Fátima Bezerra.

CAMINHO LIVRE

Para completar, Wilma também tem contado com a “sorte”. Tido como principal opositor dela numa eventual disputa pelo governo do Estado, o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, está oficialmente impedido desde ontem de disputar o governo do Estado nas eleições deste ano. O prazo para que o ministro se desincompatibilizasse do Ministério expirou nesta sexta-feira, sem que ele pedisse exoneração, o que o deixa fora da lista de possíveis candidatos nas eleições deste ano.

Outro nome que poderia ser empecilho para Wilma disputar o governo, o prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, também não se desincompatibilizou da Prefeitura, ficando impedido de disputar o mandato de governador nas eleições do próximo dia 5 de outubro, daqui a seis meses. Com a exclusão de Garibaldi e Carlos Eduardo, Wilma fica livre dos mais fortes adversários para disputar o governo.

PMDB faz aliança com o PSB em Mossoró e espera repetição no Estado

A aliança estadual entre PSB e PMDB para eleição de 5 de outubro começou por Mossoró. Na convenção que homologou Larissa Rosado (PSB) e Alex Moacir (PMDB) à Prefeitura, ontem, líderes dos dois partidos classificaram o ato como marco eleitoral da composição, o início prático da parceria que se estenderá por todo o Rio Grande do Norte no pleito 2014.

O deputado estadual Walter Alves (PMDB), representante na convenção do ministro Garibaldi Filho e do deputado Henrique Alves, realçou a simbologia do evento como largada para composição entre PSB e PMDB na eleição geral de outubro. “A aliança que consolidamos em Mossoró é a mesma que vamos fazer a nível estadual”, afirmou o filho de Garibaldi.

A mesma ideia foi compartilhada pelo deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB), que também mencionou Mossoró como prenúncio do que ocorrerá nos demais municípios do Estado. “PMDB e PSB estão unidos em Mossoró e também vão fazer união em todo o Rio Grande do Norte, união que será vitoriosa aqui e em todo o Estado”, vaticinou.

A deputada federal Sandra Rosado (PSB) relembrou afinidades históricas com o PMDB, onde começou vida pública e permaneceu por 22 anos. “Nunca esquecemos os antigos companheiros do PMDB. A aliança que estamos fazendo em Mossoró será a aliança do Estado”, disse a representante do PSB do Rio Grande do Norte na Câmara dos Deputados.

A ex-governadora e vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria (PSB), ao lamentar programas do seu governo descontinuados na atual gestão, ensejou que a campanha em Mossoró tende a ser estadualizada e prenúncio da medição de forças de outubro. Segundo ela, a aliança consolidada com o PMDB em Mossoró é fundamental para o PSB na eleição geral de 2014.

A convenção que homologou a chapa Larissa/Alex Moacir à Prefeitura de Mossoró na eleição suplementar, em 4 de maio, foi o primeiro compromisso público entre PSB e PMDB estaduais desde o lançamento da aliança em torno da pré-candidatura a governador do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves (PMDB), no último dia 28, em Natal. (JH)

COPA: Neymar admite “medo” e ansiedade

Com apenas 22 anos, Neymar carrega uma grande responsabilidade. É o camisa 10 e principal jogador da seleção brasileira que vai disputar a Copa do Mundo, que começa dia 12 de junho.

Da primeira vez que o atacante do Barcelona foi exigido, se saiu bem. Ele foi um destaques do título da Copa das Confederações, em 2013, mas admitiu que a proximidade do Mundial começa a causar nervosismo.

“É uma honra vestir a camisa da seleção brasileira em meu país e atingir assim meu sonho de infância. Mas a ansiedade começa a crescer e começo a ter medo”, afirmou o atacante à agência AFP.

Depois de um início de ano em baixa na Espanha, Neymar teve boas atuações e recuperou a confiança no Barcelona. Faltando pouco mais de dois meses para o início da Copa, ele espera manter o desempenho e ser o protagonista do time comandado por Luiz Felipe Scolari.

Para Neymar, o clima criado por Felipão é um dos pontos fortes para a equipe brigar pelo hexacampeonato mundial. “É o melhor ambiente porque todos que estão ali sonhavam em vestir a camisa da seleção. Meu maior desejo como jogador é disputar uma final de Copa”, revelou o ex-jogador do Santos.

O Brasil estreia na Copa do Mundo no dia 12 de junho, contra a Croácia, no Itaquerão. Na primeira fase, Neymar e os companheiros vão enfrentar ainda México e Camarões, pelo grupo A.

População mata policial militar a pedradas e pauladas no Maranhão

Um policial militar foi linchado por um grupo de pessoas na noite da última sexta-feira (4), na região metropolitana de São Luís (MA).

Segundo a Polícia Militar (PM), o cabo Josilmar Moraes Lobo foi morto logo após matar, a tiros, um rapaz identificado como João Dalmácio, de 22 anos.

Ainda de acordo com a PM, Lobo não estava de serviço. O cabo, que trabalhava na Unidade de Socialização Comunitária da Vila Luizão, em Araçagi, passou de moto em frente a uma churrascaria na BR-135, próxima ao 6º Batalhão da Polícia Militar, quando atirou em Dalmácio por motivos que ainda vão ser apurados. O jovem foi atingido na clavícula e morreu no local.

O pai de Dalmácio presenciou a cena e pediu a ajuda de outros moradores do bairro Matinha do Rio Grande para impedir que o cabo deixasse o local. Na sequência, as mesmas pessoas passaram a agredir o cabo com pedradas e pauladas na cabeça. Ele não resistiu aos ferimentos.

Até o momento, nenhum dos envolvidos no linchamento do policial foi detido e o serviço de inteligência da PM continua tentando identificá-los.