Daily Archives: 11/10/2013

Montanhas RN – Faleceu hoje pela manhã o Avô do Vereador Fabiano

notafalescimento

Nesta manhã de sexta-feira (11) por volta das 10:30 horas faleceu o Sr. Sebastião Bernardino de Medeiros, Avô do Vereador Fabiano do município de Montanhas e do Professor Janildo.

Depois de a família buscar atendimentos médicos em vários lugares além das constantes consultas, o seu falecimento se deu em sua residência localizada na Rua Princesa Isabel, 731. Local onde está sendo velado o corpo.

A Família enlutada e consternada com o fato ocorrido convida todos parentes e amigos para o seu sepultamento que será realizado no cemitério localidade de  São Miguel, amanhã a partir das 9:00 horas.

Juiz cita Luiz Gonzaga ao determinar inelegibilidade da governadora do RN

Decisão do juiz José Herval Sampaio Júnior foi publicada nesta sexta (11).
Sentença também determina nova cassação para a prefeita de Mossoró.

Do G1 RN

Governadora Rosalba Ciarlini e a prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, foram condenadas por abuso de poder político (Foto: Ricardo Araújo/G1 e cedida/assessoria )Governadora Rosalba Ciarlini e a prefeita de Mossoró, Cláudia Regina, foram condenadas por
abuso de poder político (Foto: Ricardo Araújo/G1 e cedida/assessoria)

O juiz José Herval Sampaio, da 33ª zona eleitoral, condenou a governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini (DEM), por abuso de poder econômico na campanha eleitoral municipal de 2012, e determinou a inelegibilidade da chefe do Executivo Estadual por oito anos. Na mesma ação, o magistrado determina a cassação dos mandatos de Cláudia Regina (DEM) e Wellingtton Filho (PMDB), prefeita e vice-prefeito de Mossoró, respectivamente, e a inelegibilidade de ambos também por 8 anos. A decisão foi publicada no Diário Oficial de Justiça desta sexta-feira (11).

Apesar de determinar a cassação dos mandatos de Cláudia Regina e Wellington, o magistrado não os afastou imediatamente do cargo “por entender desde a primeira condenação que em caso de abuso de poder faz-se necessário a confirmação pelo órgão colegiado”. Ou seja, a prefeita de Mossoró e o vice continuam no cargo até o julgamento dos recursos.

O advogado da governadora, Thiago Cortez, informou que irá recorrer da decisão. “O juiz reconhece que Rosalba não participou dos fatos e mesmo assim condena. Não é coerente. Vamos recorrer”, informou. O advogado ressaltou que a governadora não está inelegível porque a decisão só vale depois de transitar em julgado.

De acordo com a ação, o abuso de poder se configura “pela ordem de feitura de um poço em comunidade pobre com fins nitidamente eleitoreiro e sem qualquer comprovação formal dos trâmites legais”. O poço a que se refere o processo foi instalado no assentamento Terra Nova, localizada na zona rural de Mossoró, que, de acordo com o então secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Gilberto Jales, era uma solicitação de mais de 10 anos dos moradores da localidade.

Na decisão, o juiz ressalta que a perfuração do poço não estava programada. “Mas, tudo bem, o poço foi cavado, e a comunidade agora tem água de qualidade advinda daquela obra. Não! Na verdade, após o pleito e a suposta conclusão da perfuração, o poço foi ‘tampado’, e pelo menos, até 10 de agosto de 2013, não derramou sequer uma gota d’água em benefício daquele povo tão sofrido”, relatou o magistrado.

Apesar de reconhecer que não há comprovação da participação direta da governadora, o juiz condenou Rosalba Ciarlini “como responsável do abuso de poder comprovado na ação”. Claudia Regina e Wellington Filho foram condenados “como beneficiários do citado abuso de poder”.

Gonzagão

O juiz ainda fez uma homenagem ao cantor Luiz Gonzaga, “o homem que melhor cantou a seca nordestina” e incluiu em sua decisão a letra de ‘Vozes da Seca’. “É por isso que pidimo proteção a vosmicê/Home pur nóis escuído para as rédias do pudê/(…)Dê serviço a nosso povo, encha os rio de barrage/ Dê cumida a preço bom, não esqueça a açudage/Livre assim nóis da ismola, que no fim dessa estiage/Lhe pagamo inté os juru sem gastar nossa corage”, diz a música.

Bancários chegam a acordo com bancos para fim da greve, diz Contraf

Decisão agora será levada às assembleias locais.
Acordo prevê reajuste de 8%, 8,5% no piso e compensação dos dias parados.

Do G1, em São Paulo

Bancários querem mostrar indignação  (Foto: Walter Paparazzo/G1)Bancários querem mostrar indignação
(Foto: Walter Paparazzo/G1)

O Comando Nacional dos Bancários e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) chegaram a um acordo na madrugada desta sexta-feira (11) para encerrar a greve da categoria, que completou 22 dias na quinta (10), informou a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT). A decisão agora terá de ser levada às assembleias locais para ser votada, e, se aprovada, porá fim à paralisação.

Segundo a Contraf-CUT, cidades de São Paulo, incluindo a capital, Rio de Janeiro, Pernambuco e Rio Grande do Sul vão realizar assembleias na tarde desta sexta. Demais sindicatos do país vão realizar assembleias até segunda-feira (14).

Os principais pontos do acordo, segundo a Contraf-CUT, são 8% de reajuste (1,82% de aumento real); 8,5% (2,29%) de reajuste para o piso da categoria, e compensação pelos dias parados pela greve de até uma hora por dia (entre segunda e sexta-feira) até o dia 15 de dezembro.

Como pagar as contas?
Enquanto a greve não acaba, o consumidor que precisar usar os serviços bancários deve ficar atento. Alguns deles podem ser realizados em canais alternativos, mas outros dependem das agências ou do trabalho dos funcionários.

Serviços que são impactados pela greve
– Transferências e saques de maior valor, já que há limites nos caixas eletrônicos e correspondentes bancários

– financiamentos e outros serviços que dependem de análise de crédito

– a compensação de dinheiro, cheques, documentos e títulos pode demorar

Pagamentos não vencidos, transferências e bloqueios e desbloqueios de cartões, por exemplo, podem ser feitos pela internet.

Os saques e as transferências têm valor limitado nos caixas eletrônicos. Nos caixas eletrônicos, é possível sacar no máximo R$ 300 à noite e durante o dia o valor varia de acordo com o banco. As transferências são limitadas a partir de R$ 1.000 para TED (a transferência cai no mesmo dia) e R$ 5.000 para DOC. Não há uma norma que estabeleça os valores máximos e mínimos, por isso o cliente deve consultar o seu banco.

Transferências e saques de maior valor, financiamentos e outros serviços que dependem de análise de crédito só podem ser feitos em agências, o que faz com que o consumidor tenha de esperar o retorno do bancário.

O Procon-SP avisa que a greve não desobriga o consumidor de pagar as contas em dia, mas diz que a empresa credora tem a obrigação de oferecer outras formas e locais para que os pagamentos sejam efetuados.

A orientação é entrar em contato com a empresa para saber quais são as formas e locais de pagamento como internet, sede da empresa, casas lotéricas e código de barras para pagamento nos caixas eletrônicos. O pedido deve ser documentado (via e-mail ou número de protocolo de atendimento, por exemplo) para permtir a reclamação aos órgãos de defesa do consumidor, caso não seja atendido.

Em busca de acordo
O presidente da Contraf e coordenador do Comando Nacional dos Bancários, Carlos Cordeiro, disse que avaliou como positiva a proposta patronal e orientou os sindicatos da categoria a aceitarem o acordo, encerrando a greve em todo o país.

A reunião entre o comando e os representantes dos bancos começou pela manhã, mas as negociações se arrastaram até por volta de 2h30 porque a Fenaban propunha a compensação dos dias parados em 180 dias, enquanto os representantes dos trabalhadores pediam a anistia do período.

“A culpa da greve é dos bancos. Não aceitamos que sejamos responsabilizados pelos dias parados”, disse Ademir Wiederker, diretor de imprensa da Contraf-CUT.

Procurada pelo G1, a Fenaban não se pronunciou até a última atualização desta reportagem.

Balanço divulgado na véspera pela Contraf-CUT informava que a greve dos bancários deixou 56,4% das agências do país fechadas na quarta-feira (9).

Os bancários em greve haviam rejeitado, na segunda (7), uma proposta de reajuste de 7,1% oferecida pela Fenaban.

Na terça, a Contraf-CUT diz ter enviado ofício do comando nacional de greve à Fenaban comunicando que as decisões das assembleias de segunda-feira em todo o país “rejeitaram a proposta insuficiente” apresentada na sexta, que eleva de 6,1% para 7,1% (o que representa apenas 0,97% de ganho real).

Proposta
A proposta dos bancos, de elevar de 6,1% para 7,1% foi apresentada na sexta (4) pela Fenaban. A proposta incluia ainda aumento de 7,5% no piso da categoria e elevação de 10% nos valores fixos da PLR (participação nos lucros e resultados).

“A Fenaban lamenta os transtornos causados pela paralisação e ressalta que está empenhando todos os esforços necessários para chegar a um acordo”, afirmou a federação na segunda.

A paralisação dos bancários já afeta a captação de crédito no país, segundo a Contraf-CUT, que cita o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito. De acordo com o levantamento, o número de pessoas em busca de crédito diminuiu 9,8%, em setembro, comparado a agosto.

Os bancários inciaram a greve pedindo reajuste salarial de 11,93% (5% de aumento real além da inflação), Participação nos Lucros e Resultado (PLR) de três salários mais R$ 5.553,15 e piso de R$ 2.860. Eles buscavam, ainda, fim de metas abusivas e de assédio moral que, segundo a confederação, adoece os bancários.

A Fenaban aifrma que o piso salarial da categoria subiu mais de 75% nos últimos 7 anos e os salários foram reajustados em 58%, ante uma inflação medida pelo INPC de 42%.

Chevrolet lança o novo Camaro no Brasil por R$ 210 mil

Somente a versão SS, a mais cara, será vendida no país.
Motor V8 6.2 litros oferece 406 cv, combinado com câmbio automático.

Rodrigo Mora Do G1, em Indaiatuba (SP)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)

Chevrolet lança nesta sexta-feira (11) o novo Camaro no Brasil. O muscle car é equipado com motor V8 6.2 litros, de 406 cv de potência do motor e 56,7 kgfm de torque, com transmissão de seis velocidades. O esportivo chega ao mercado brasileiro em novembro e tem previsão de vendas para o final do próximo mês exclusivamente na versão topo de linha SS, por R$ 210 mil. O valor supera em R$ 10 mil o do Camaro SS anterior.

Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)

O modelo teve o design renovado em março passado, para o Salão de Nova York, ganhando nova e maior grade frontal, que favorece o fluxo de ar.

Houve ainda adição de saída de ar no capô, melhorando a exaustão de calor, segundo a marca, e o parachoque também foi redesenhado, mas sem deixar o Camaro perder as linhas que o consagraram. A Chevrolet diz que um novo difusor de ar e aerofólio foram otimizados em túnel de vento. A lanterna também foi modificada.

A cor prata não será mais vendida. A General Motors aposta que as pinturas mais pedidas serão, neste ordem, branca, amarela, vermelha e preta.

Performance
O carro tem um sistema de desligamento automático dos cilindros. Em velocidades de cruzeiro,  o recurso propicia maior eficiência energética, reduzindo o consumo de combustível. A suspensão é independente nos dois eixos, em ambos do tipo multilink, e há controle eletrônico de tração e de estabilidade, que podem ser desativados por meio de um botão, permitindo uma condução mais esportiva. As rodas são de alumínio de 20 polegadas com pneus 245/45 ZR20 na dianteira e 275/40 ZR20 na traseira.

Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)

A direção é elétrica progressiva (mais leve para manobras e mais rígida em velocidades maiores) e conta com paddle shifts (borboletas) para mudança de marchas, inclusive na opção D (Drive).

Internamente o Camaro manteve sua identidade, descreve a montadora. Os bancos tê regulagem elétrica e as laterais das portas contam com iluminação em LED em azul. Os mostradores do painel e a projeção de dados no para-brisa ganharam nova coloração, bem como os mostradores no console central.

Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)

Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)Chevrolet Camaro 2014 (Foto: Divulgação)

Veja como funcionará comércio em Natal no feriado de 12 de outubro

Será comemorado neste sábado o Dia de Nossa Senhora Aparecida.
Lojas e estabelecimentos terão horário diferenciado na capital potiguar.

Índice

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) divulgou nota na manhã desta quinta-feira (10) com os horários de funcionamento dos estabelecimentos comerciais da capital potiguar no feriado deste sábado (12), quando se comemora Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil.

Comércio de Rua:

Alecrim: Abertura facultativa, a maioria das lojas abrem das 8h às 14h

Centro da Cidade: Abertura facultativa. Os grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (8h às 17h) C&A (7h às 15h) e Lojas Americanas (9h às 15h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h.

Shoppings:

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.

Lojas Âncoras: A partir das 12h às 21h.

Demais lojas: 15h à 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 14h à 21h.

Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.

Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 14h à 20h.

Supermercados:

Grandes redes abrem normalmente.

Bancos:

Fechados.

Oito municípios do RN foram selencionados para o programa Cidades Digitais do Governo Federal

Oito municípios do Rio Grande do Norte foram selecionados para o programa Cidades Digitais, do Governo Federal. Esta ação tem como objetivo promover a inclusão digital nos municípios com foco na melhoria da qualidade dos serviços e da gestão pública, por meio da instalação de redes, pontos públicos de acesso à internet, sistemas de gestão na área pública e capacitação.

A assinatura do convênio será segunda-feira, em Brasília.

Os contemplados foram:

Baía Formosa

Frutuoso Gomes

Ipanguaçu

Jaçanã

Lajes

Portalegre

Riachuelo

Santana do Matos

Qui nem jiló: Lucy Alves canta, encanta e vai para a próxima fase do ‘The Voice Brasil’; veja

A primeira voz da paraibana ao subir no palco do programa The Voice Brasil, apresentado nesta quinta (10), foi a sanfona. ‘Qui Nem Jiló’ só precisou de uma frase para conquistar o jurado Carlinhos Brown.

Lulu Santos também virou encantado com além da voz, a beleza da paraibana.

Após pouco mais de um minuto de apresentação e já classificada para a próxima fase, a cantora tinha o direito de escolher o time que iria fazer parte. Lulu Santos após elogiar a beleza e afirmar que aquela tinha sido a música mais bonita que tinha ouvido na noite, comentou que gostaria de ouvir Lucy sem o instrumento musical para poder soltar ainda mais a voz.

Cavalheiro, Daniel se ofereceu para segurar o acordeão da paraibana enquanto Cláudia Leite questionava se ela era pernambucana. “Sou da Paraíba”.

Como dois viraram as cadeiras para Lucy, ela pode escolher e ficou com Carlinhos Brown: ‘me dê essa honra’

A noite ainda teve uma atração que pegou muitos de surpresa: a repórter Bruna Borges. Pernambucana que mora e trabalha em João Pessoa também soltou o vozeirão e conquistou Lulu Santos e uma vaga na próxima fase do programa.

Revoltado, comentarista esportivo desabafa e abandona programa ao vivo

O comentarista José Carlos Lippi cansou de ser interrompido e ter pouco tempo para as suas análises no programa Esporte Cidade, do Rio de Janeiro e resolveu soltar o verbo e desabafar,”Esse programa aqui ta uma porra!”, para depois retirar o microfone e abandonar o programa que estava sendo apresentado ao vivo.

A ligação entre John Lennon e Che Guevara

O dia 9 de outubro marcou profundamente a história da humanidade. Che, em 1967 assassinado a mando da CIA se transformaria em um herói venerado pelo mundo. No mesmo dia, 27 anos antes, nascia John Lennon

john lennon che guevara
John Lennon e Che Guevara, unidos pelo 9 de outubro (Arquivo / Montagem)

O dia 9 de outubro marcou profundamente a história da humanidade. Nesse dia em 1967 foi assassinado covardemente pelo exército boliviano a mando da CIA (serviço de espionagem norte-americano) ao ser capturado, aos 39 anos. Che Guevara se transformaria em um dos heróis mais venerados do mundo.

Nesse mesmo dia nascia em 1940, nasceu na Inglaterra outro nome que se transformaria num ícone da juventude. John Lennon, líder do grupo musical que universalizou o rock e ajudou a transformar a arte no mundo. Lennon foi assassinada pro um suposto fã no dia 8 de dezembro de 1980, aos 40 anos.

Os dois cada uma seu modo viraram ídolos porque deram a via pelo que acreditavam ser o melhor para o mundo. Che manteve em sua curta vida uma índole e um caráter devotado à causa do socialismo, da liberdade, da justiça e da vida dos proletários do mundo. Forjado na luta diária dos povos latino-americanos em superar a miséria imposta a essa parte do continente americano pelo imperialismo ianque.

Para o cubano Armando Hart “Ernesto Che Guevara recebeu e enriqueceu a herança espiritual, e decidiu formar seu caráter para assumir, com os fatos e com a consagração de sua vida, o compromisso que reputou irrenunciável: o de defender com sue enorme talento, valor e virtudes o direito dos pobres de América e a aspiração bolivariana e martiniana de integração moral das pátrias latino-americanas”.

Já Lennon transformou o mundo com sua arte, a luta pela paz num momento em que a guerra imperialista predominava e na defesa dos trabalhadores e da juventude expressa em suas canções.

Segundo o jornalista norte-americano David Sheff que fez a última entrevista com o ex-beatle, Lennon e sua mulher Yoko Ono mostravam em 1980 “que existe uma outra forma de ver a vida” que não seja nos moldes capitalistas de consumo e deter coisas.

Che de armas nas mãos levou a revolução por onde passou porque acreditava nela e no socialismo como futuro da humanidade. Lennon levou sua arte para todos em defesa da paz e acreditava no socialismo como futuro da humanidade. Os dois se encontraram na crença de que a vida vale a pena e na luta dos oprimidos contra os poderosos do mundo.

Marcos Aurélio Ruy, UJS

Feliciano quer criar o ‘Dia Nacional do Blogueiro’

Alvo constante de críticas na internet, Marco Feliciano pretende se reaproximar dos internautas. O pastor e deputado apresentou projeto de criação do “Dia Nacional do Blogueiro”

marco feliciano dia nacional blogueiro
Pastor e deputado Marco Feliciano propõe a criação do “Dia Nacional do Blogueiro” (ABr)

Alvo constante da ira dos internautas, o deputado e pastor Marco Feliciano (PSC/SP) parece querer se reaproximar dos usuários da rede. De acordo com o site da Câmara dos Deputados, Feliciano apresentou hoje um projeto de lei que propõe a criação do Dia Nacional do Blogueiro.

Também escrito pelo Deputado André Moura (PSC/SE), o projeto afirma que seu objetivo é reconhecer a atividade e importância dos blogueiros, “que exercitam hoje a verdadeira liberdade de imprensa, merecem nosso respeito e reconhecimento e prestam um grande serviço à sociedade e à democracia”.

O dia escolhido pelos deputados para a homenagem é 7 de junho, que também é o Dia Nacional da Liberdade de Imprensa.

Agora, o projeto deve ser apreciado pelo Plenário, ainda sem prazo definido.

Com quase 260 mil seguidores no Twitter, Feliciano se tornou uma figura conhecida nacionalmente após assumir a presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal.

Apesar de ocupar o cargo, ele é acusado por movimentos sociais de adotar posturas consideradas homofóbicas e racistas. No último mês de junho, manifestações em cidades brasileiras pediram a renúncia do político da comissão.

Info Exame

Empresária é detida por não pagar pensão a filhos e marido; dívida chega a R$ 200 mil

Penitenciária Júlia Maranhão

Uma empresária dona de uma oficina de automóveis foi presa nesta terça-feira (08), em João Pessoa, por não pagar pensão alimentícia aos filhos e marido.

A dívida da mulher ultrapassa a R$ 200 mil. Ela está detida no Presídio Feminino Júlia Maranhão (Bom Pastor).

O ex-marido da empresária, que não quis ser identificado, contou que a mulher se separou dele em 2009 e iniciou outro relacionamento. O homem, que é servidor público, disse que ficou com a guarda das crianças, mas perdeu todos os bens da família porque eles estavam no nome da mulher. Ainda segundo ele, foram feitas várias tentativas de acordos, mas a empresária não aceitou nenhum.

Conforme a diretora do presídio, Cintia Almeida, a empresária está detida há quase 48 horas e até o momento o pagamento da dívida não foi efetuado. Ela fala que na detenção não existe nenhum caso semelhante a este.

“Aqui nunca houve nenhum caso parecido. Nunca uma mulher foi presa aqui por não pagar pensão. Ela está sozinha em uma cela e já recebeu a visita do advogado, mas até agora não temos nenhum alvará de soltura, portanto ela permanece detida”, contou a diretora.

Como consta na legislação brasileira, o não pagamento da pensão alimentícia é crime e pode ser punido com prisão. Segundo a Constituição, a decretação de detenção, por falta de pensão, fundamenta-se na preservação do direito à vida e de outros direitos da personalidade, como honra, integridade física e psíquica, a honra.

Portal Correio