Daily Archives: 13/08/2013

Homem degola amigo com foice e passeia com cabeça da vítima

A CRISE REAL DO CAPITALISMO

tumblr_lpd7wpzrcS1ql8ka3O sociólogo belga François Houtart fez uma análise da crise pela qual passa o processo de reprodução capitalista. Destacou a contradição entre a queda de uma economia produtiva real em oposição a ascensão de um capital fictício, baseado na especulação. Isso é, segundo ele, uma economia de cassino. Como exemplo desse cenário, citou o aumento que sofreu nos últimos anos o preço dos alimentos básicos. Esse aumento não é devido a escassez no mercado, mas sim a jogos especulativos.

Houtart destacou que ante um mundo em que 20% da população detem 83% de toda a riqueza existente, aos demais resta organizar-se e lutar por outro mundo possível. Para refletir sobre isso, destacou ideias como “o bem comum”, a transformação das relações sociais e com a natureza e a desmercantilização dos bens necessários para viver.

A crise europeia é parte da crise mundial que se iniciou nos EUA com a crise financeira do subprime*, mas que afetou também a Europa e o sistema financeiro europeu. A causa fundamental desta crise é a diferença entre a economia real e a economia artificial, ou seja, a economia financeira. A economia real mundial, nos últimos 20 anos, tem decaído e, desde os anos 1990, o capital financeiro cresceu e passou a assumir um papel hegemônico dentro do sistema capitalista. Atualmente a importância relativa do capital financeiro é 11 vezes maior do que o PIB mundial. É uma diferença enorme e, em algum momento, essa “bola” financeira teria de estourar, pois era totalmente artificial. Como disse Susan George, uma norte-americana que vive Paris, essa é uma economia cassino, onde a especulação tem tido um papel enorme. Em grande parte isso acontece por causa da existência dos paraísos fiscais, para onde o dinheiro das multinacionais e dos fundos de pensão é enviado. Esses paraísos fiscais não contribuem para a riqueza mundial, pois simplesmente acumulam, acumulam e acumulam.

A crise é evidentemente mundial, mas suas as características são particulares em cada país. Os países do sul da Europa são mais afetados, como Grécia, Portugal, Espanha, e Itália. Em parte isso acontece porque são economias mais jovens, com menos peso industrial, e, no caso da Espanha, se trata de uma economia muito especulativa. Para se ter ideia, a cada semana na Espanha cerca de 50 mil pessoas são retiradas de suas casas porque não podem pagar o aluguel. Isso é a irracionalidade total do sistema capitalista.

Na Grécia há particularidades, porque o governo foi extremamente corrupto, divulgando dados estatísticos falsos durante anos. A Alemanha, que é a economia mais forte da Europa, é relativamente sólida, mas a qual custo? Quase a metade da classe operária da Alemanha não tem mais contratos de trabalho definidos em longo prazo; são contratos em curto prazo. Isso acontece porque é permitido diminuir o salário e, assim, o custo do milagre alemão é pago, em grande parte, pela classe operária. A economia alemã se fortalece por conta da exportação. E isso tem graves consequências na Europa, porque, para salvar o sistema financeiro e os bancos, os Estados europeus têm gastado bilhões de euros, e por isso se endividaram.

A ordem do Banco Central Europeu é de que nenhum Estado pode ter uma dívida maior do que 3% do PIB e, por isso, devem reduzir os gastos. A questão é que se trata de Estados que haviam conquistado o bem-estar social. Para reduzir a dívida, então, os Estados terão de reduzir os serviços públicos de saúde, educação, pensões, salário mínimo. O salário mínimo na Grécia é algo em torno de 400 euros. Assim, é o povo quem tem de pagar a dívida do Estado, que se deve, em grande parte, à salvação dos bancos e do sistema financeiro.
Essa austeridade só fará aumentar a crise, porque as políticas de austeridade ditas para favorecer o crescimento diminuem o poder de compra das pessoas. Como é possível pensar em crescimento se o poder de compra diminui? É algo totalmente contraditório. Joseph Stiglitz tem dito que estas são políticas criminais, porque não são anticíclicas. A Alemanha tem um regime direitista e vive a serviço do capital. Evidentemente, os interesses do capital são de continuar a acumulação e mantê-la, sem se preocupar com o bem-estar da população.

Existe um conflito entre duas lógicas: a lógica dos interesses do capital e a lógica dos interesses do bem-estar social. Durante algum tempo houve a possibilidade, com o regime social-democrata, de combinar os dois interesses. Mas agora, com a crise, há uma eleição: ou um ou outro.

MomentosdeReflexão

Concurso Musa dos PMs do Brasil

ANDRÉA FORTE VAI DISPUTAR O TÍTULO DE 
MUSA DOS PMs

Nanda Costa provoca no Instagram: ‘Salve Fidel, e salve a Mata Atlântica’

TJ-MA nega envolvimento de desembargador com Beira-Mar

O coordenador-geral do Grupo de Monitoramento Carcerário, desembargador José Ribamar Froz Sobrinho, comentou a reportagem exibida no “Fantástico” nesse domingo (11), que mostrava uma conversa entre os traficantes Fernandinho Beira-Mar e Marcinho VP. Em entrevista à Rádio Mirante AM, nesta segunda-feira (12), ele negou que exista pedido de transferência de presos para o Maranhão e afirmou que o possível envolvimento de um desembargador no processo de transferência de presos será investigada pelo Tribual de Justiça do Maranhão.

No diálogo mostrado no “Fantástico”, os traficantes falam, entre outros assuntos, sobre uma possível transferência para um presídio no Maranhão e, ainda, sobre a possível ajuda de um desembargador no esquema.

Froz Sobrinho afirmou que não há nenhum pedido de transferência de presos para o Maranhão. “Nós temos um problema sério de vagas que não temos vagas disponíveis, temos uma superlotação carcerária. Ele necessitaria de uma construção especial, de um regime fechado onde ele fique isolado. Não há nenhum pedido”, afirmou.

Sobre o possível contato de um desembargador do Maranhão com Fernandinho Beira-Mar, o desembargador afirmou que é possível que Beira-Mar estivesse se referindo ao ex-advogado dele, Luiz Teles, que é ex-integrante do Tribunal de Justiça. “Em relação a isso, o que vamos fazer é investigar internamente. Eu posso afirmar que, talvez, ele esteja se referindo ao advogado dele que é um ex-integrante do Tribunal de Justiça, e deve ter um contato com ele”, disse.

O juiz responsável pela Vara de Execuções Penais, Roberto de Paula, também comentou o assunto. “Nós não temos vagas nem para os presos de São Luís. Não temos pedido nenhum dessa natureza, não faz sentido nenhum. Nosso sistema prisional está completamente falido. Quando eu vi a matéria, vi que não faz nenhum sentido. Mesmo se tivesse vaga, não haveria a menor possibilidade. Desembargador nenhum tem competência para decidir transferência de presos”, ressaltou.

Ainda na manhã desta segunda, a Associação dos Magistrados do Maranhão (Amma) divulgou nota sobre a reportagem exibida no “Fantástico”. Segundo a nota de repúdio, “tais insinuações contra o Judiciário estadual, acrescentando que a declaração genérica de um reconhecido facínora não tem credibilidade para pôr em dúvida a honra dos componentes do Tribunal de Justiça do Estado”.

Veja, abaixo, a nota da Amma na íntegra:

“A Associação dos Magistrados do Maranhão – AMMA, em face de reportagem exibida no Programa Fantástico, da Rede Globo de Televisão, neste domingo (11/08), quando, em conversa gravada entre dois dos maiores criminosos brasileiros, um deles mencionou que teria como obter “apoio” junto a um desembargador do Maranhão, vem a público REPUDIAR tais insinuações contra o Judiciário estadual, acrescentando que a declaração genérica de um reconhecido facínora não tem credibilidade para pôr em dúvida a honra dos componentes do Tribunal de Justiça do Estado.

A incongruência da referida declaração salta aos olhos, pois, é sabido que não há no Maranhão presídio de segurança máxima estadual ou federal e que os crimes perpetrados por esse perigoso traficante, alcunhado de “Fernandinho Beira-Mar”, não tem relação com o estado, de sorte que não se justificaria sua eventual transferência.

A AMMA reitera, por fim, a sua confiança na magistratura estadual, que é composta de homens e mulheres que têm compromisso com a Justiça, coragem para enfrentar os desafios diários e vontade de contribuir para o bem coletivo.

Meionorte.com

A unanimidade, TRE decide cassar prefeito de Caiçara do Norte, nova eleição será marcada

cassacao_prefeitos

Mais um prefeito foi cassado pela Justiça Eleitoral. A unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte decidiu cassar o mandato do prefeito de Caiçara do Norte, Alcides Fernandes Barbosa (PP), e do vice-prefeitoVictor Vinícius de Almeida. Os dois são acusados de captação ilícita de sufrágio, conhecido popularmente como compra de voto.

O prefeito e vice já haviam sido cassados em primeira instância, mas recorreram a Corte Regional Eleitoral. Com a decisão de hoje, Caiçara do Norte terá uma nova eleição, com data ainda a ser marcada.

Na tribuna do TRE, a sustentação oral do diretório municipal do PMDB, que promoveu a ação judicial, foi feita pelo advogado Artêmio Azevedo.

O parecer do Ministério Público foi pela manutenção da cassação do prefeito e vice de Caiçara do Norte. (TN)

Deputado Antonio Jácome confirma que liberará Ricardo Motta e Raimundo Fernandes para deixarem o PMN

images

O presidente estadual do PMN, deputado estadual Antonio Jácome, confirmou que irá liberar os deputados Ricardo Motta e Raimundo Fernandes para deixarem a legenda sem serem punidos por infidelidade partidária.

“Ainda não recebi o pedido oficialmente. Mas minha posição é de que se eles estão constrangidos em permanecerem na legenda, não me sentirei confortável em mantê-los constrangidos”, disse o parlamentar. (TN)

Incrível: Corredor do Walfredo Gurgel não tem nenhum paciente

A situação no hospital Walfredo Gurgel melhorou. O caos que era visto recentemente na unidade foi substituído por um corredor vazio, sem nenhum paciente, como realmente deve ser, nesta terça-feira. Veja uma foto tirada nesta manhã do corredor de politrauma do HMWG:

Foto enviada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap)

IMG-20130813-WA0003

Honda apresenta versão perua do Civic

A Honda divulgou novos detalhes e imagens da nova Civic Tourer, perua que será exibida em setembro durante o salão do automóvel de Frankfurt, na Alemanha.

13224448

Segundo o fabricante, o porta-malas tem capacidade para 624 litros de bagagens –175 litros a mais que a versão sedã vendida no Brasil.

Desenvolvida para o mercado europeu, a Civic Tourer terá motores 1.6 turbodiesel ou 1.8 i-VTEC a gasolina, com opções de transmissão manual ou automática.

13224445

O modelo será produzido na fábrica da Honda no Reino Unido e deverá chegar às ruas europeias no início de 2014. Não há previsão de lançamento no Brasil.

Natal RN – A mais nova tecnologia de esconder um buraco

Com uma tecnologia inusitada de se tapar buraco, recebemos informações e imagens do acidente, através de um aluno da IFRN que passava no momento do fato ocorrido.

Acontece que não se sabe quem, ou para que foi encoberto o defeito numa caixa de esgoto, que provavelmente deva ser da CAERN, colocaram um cartão como se fosse resolver o problema da tampa daquele bueiro, ora! já é difícil a tampa de concreto manter-se intacta no local apropriado, imaginem um papelão substituir.

Realmente fica difícil e o resultado é esse! acidentes com problemas graves para o veículo e para o bolso do proprietário, melhor é seguir exemplos da cidade de Montanhas, permanecer sempre com o esgoto a céu aberto pois assim evita quedas drásticas nos transportes veiculares e ameniza portanto, despesas maiores para com os donos dos carros, mas uma coisa a gente sabe e acreditamos que o poder público saiba também, que apenas gasta um pouco mais com a saúde, devido as suas consequências, mas o que importa isso? afinal sempre foi assim em nossa cidade, então porque ser diferente! Não é mesmo? Confira as fotos:

Local do acontecimento Rua Alberto Silva, Tirol Natal RN – bem pertinho do local do Estádio de Futebol que será palco da Copa do Mundo de 2014.

1102533_330495420418625_413686202_o

1149232_330495423751958_1596098605_o

1167478_330495407085293_1038047771_o

PIS-PASEP 2013: Abono já está disponível nas agências da Caixa e Banco do Brasil

 

PASEP 2013 já pode ser retirado nas agências da Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil. Tem direito ao abono, o trabalhador que em 2012, teve pelo menos 30 dias registrados na carteira e ganhou até dois salários mínimos, ou seja, 1.356 reais. Os primeiros habilitados a retirarem os 678 reais do PIS são os nascidos no mês de julho.

O trabalhador inscrito no PASEP vai receber de acordo com o número de inscrição no programa. Este mês, quem tem a inscrição com o fim em zero ou um já pode retirar o abono. Para sacar o dinheiro é necessário apresentar um documento de identidade com foto e o número do PIS ou PASEP.

O benefício vai estar disponível até 30 de junho de 2014. Mais informações no site da Caixa Econômica Federal, no endereço www.caixa.gov.br.

Calendário para pagamentos do Abono Salarial e dos Rendimentos do PIS – Exercício 2013 / 2014
Nascidos em Recebem a partir de Recebem até
Julho 13 / 08 / 2013 30/06/2014
Agosto 15 / 08 / 2013
Setembro 20 / 08 / 2013
Outubro 22 / 08 / 2013
Novembro 12 / 09 / 2013
Dezembro 17 / 09 / 2013
Janeiro 19 / 09 / 2013
Fevereiro 24 / 09 / 2013
Março 10 / 10 / 2013
Abril 15 / 10 / 2013
Maio 17 / 10 / 2013
Junho 22 / 10 / 2013

Brasileiro inventor de ‘luz engarrafada’ tem ideia espalhada pelo mundo

Alfredo Moser poderia ser considerado um Thomas Edison dos dias de hoje, já que sua invenção também está iluminando o mundo.

Em 2002, o mecânico da cidade mineira de Uberaba, que fica a 475 km da capital Belo Horizonte, teve o seu próprio momento de ‘eureka’ quando encontrou a solução para iluminar a própria casa num dia de corte de energia.

Para isso, ele utilizou nada mais do que garrafas plásticas pet com água e uma pequena quantidade de cloro.

Nos últimos dois anos, sua ideia já alcançou diversas partes do mundo e deve atingir a marca de 1 milhão de casas utilizando a ‘luz engarrafada’.

Mas afinal, como a invenção funciona? A reposta é simples: pela refração da luz do sol numa garrafa de dois litros cheia d’água.

“Adicione duas tampas de cloro à água da garrafa para evitar que ela se torne verde (por causa da proliferação de algas). Quanto mais limpa a garrafa, melhor”, explica Moser.

Moser protege o nariz e a boca com um pedaço de pano antes de fazer o buraco na telha com uma furadeira. De cima para baixo, ele então encaixa a garrafa cheia d’água.

“Você deve prender as garrafas com cola de resina para evitar vazamentos. Mesmo se chover, o telhado nunca vaza, nem uma gota”, diz o inventor.

Outro detalhe é que a lâmpada funciona melhor se a tampa for encapada com fita preta.

Alfredo Moser | Foto: BBCA ideia de Moser já é utilizada em mais de 15 países onde energia é escassa

“Um engenheiro veio e mediu a luz. Isso depende de quão forte é o sol, mas é entre 40 e 60 watts”, afirma Moser.

Apagões

A inspiração para a “lâmpada de Moser” veio durante um período de frequentes apagões de energia que o país enfrentou em 2002. “O único lugar que tinha energia eram as fábricas, não as casas das pessoas”, relembra.

Moser e seus amigos começaram a imaginar como fariam um sinal de alarme, no caso de uma emergência, caso não tivessem fósforos.

O chefe do inventor sugeriu na época utilizar uma garrafa de plástico cheia de água como lente para refletir a luz do sol em um monte de mato seco e assim provocar fogo.

A ideia ficou na mente de Moser que então começou a experimentar encher garrafas para fazer pequenos círculos de luz refletida.

Não demorou muito para que ele tivesse a ideia da lâmpada.

“Eu nunca fiz desenho algum da ideia”.

“Essa é uma luz divina. Deus deu o sol para todos e luz para todos. Qualquer pessoa que usar essa luz economiza dinheiro. Você não leva choque e essa luz não lhe custa nem um centavo”, ressalta Moser.

Pelo mundo

O inventor já instalou as garrafas de luz na casa de vizinhos e até no supermercado do bairro.

Ainda que ele ganhe apenas alguns reais instalando as lâmpadas, é possível ver pela casa simples e pelo carro modelo 1974 que a invenção não o deixou rico. Apesar disso, Moser aparenta ter orgulho da própria ideia.

“Uma pessoa que eu conheço instalou as lâmpadas em casa e dentro de um mês economizou dinheiro suficiente para comprar itens essenciais para o filho que tinha acabado de nascer. Você pode imaginar?”, comemora Moser.

Carmelinda, a esposa de Moser por 35 anos, diz que o marido sempre foi muito bom para fazer coisas em casa, até mesmo para construir camas e mesas de madeira de qualidade.

Mas parece que ela não é a única que admira o marido inventor.

Illac Angelo Diaz, diretor executivo da fundação de caridade MyShelter, nas Filipinas, parece ser outro fã.

Foto: BBCMoser afirma que a lâmpada funciona melhor se a boca for coberta por fita preta

A instituição MyShelter se especializou em construção alternativa, criando casas sustentáveis feitas de material reciclado, como bambu, pneus e papel.

Para levar à frente um dos projetos do MyShelter, com casas feitas totalmente com material reciclado, Diaz disse ter recebido “quantidades enormes de garrafas”

“Nós enchemos as garrafas com barro para criamos as paredes. Depois enchemos garrafas com água para fazermos as janelas”, conta.

“Quando estávamos pensando em mais coisas para o projeto, alguém disse: ‘Olha, alguém fez isso no Brasil. Alfredo Moser está colocando garrafas nos telhados'”, relembra Diaz.

Seguindo o método de Moser, a entidade MyShelter começou a fazer lâmpadas em junho de 2011. A entidade agora treina pessoas para fazer e instalar as garrafas e assim ganharem uma pequena renda.

Nas Filipinas, onde um quarto da população vive abaixo da linha da pobreza (de acordo com a ONU, com menos de US$ 1 por dia) e a eletricidade é muito cara, a ideia deu tão certo, que as lâmpadas de Moser foram instaladas em 140 mil casas.

As luzes ‘engarrafadas’ também chegaram a outros 15 países, dentre eles Índia, Bangladesh, Tanzânia, Argentina e Fiji.

Diaz disse que atualmente pode-se encontrar as lâmadas de Moser e comunidades vivendo em ilhas remotas. “Eles afirmam que eles viram isso (a lâmpada) na casa do vizinho e gostaram da idéia”.

Pessoas em áreas pobres também são capazes de produzir alimentos em pequenas hortas hidropônicas, utilizando a luz das garrafas para favorecer o crescimento das plantas.

Diaz estima que pelo menos um milhão de pessoas irão se beneficiar da ideia até o começo do próximo ano.

“Alfredo Moser mudou a vida de um enorme número de pessoas, acredito que para sempre”, enfatiza o representante do MyShelter.

“Ganhando ou não o prêmio Nobel, nós queremos que ele saiba que um grande número de pessoas admiram o que ele está fazendo”.

Mas será que Moser imagina que sua invenção ganharia tamanho impacto?

“Eu nunca imaginei isso, não”, diz Moser emocionado.

“Me dá um calafrio no estômago só de pensar nisso”.

Quanto gasta de energia?

  • As lâmpadas feitas com as garrafas plásticas não necessitam de energia para serem produzidas, já que o material pode ser coletado e reaproveitado pelos moradores da própria comunidade.
  • A ‘pegada de carbono’ – unidade que mede o quanto de CO2 é dispensado na atmosfera para se produzir algo – de uma lâmpada incandescente é 0,42kg de CO2.
  • Uma lâmpada de 50 watts, ligada por 14 horas por dia, por um ano, tem ‘pegada de carbono’ de quase 200kg de CO2.
  • As lâmpadas de Moser também não emitem CO2 quando ‘ligadas’.

Fonte: ONU