Monthly Archives: Agosto 2013

Ricardo Motta: “A hora é de pensar no Estado e não em sucessão”

Índice

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ricardo Motta, afirmou hoje que o momento é de serenidade e equilíbrio em favor do Rio Grande do Norte. Para Ricardo Motta, a questão sucessória será posta apenas no momento próprio, em 2014. “O momento não é de pensar em política, em eleição, mas de esforço acima de tudo, pelo Estado” disse, ao abordar a possibilidade de rompimento dele com o governo Rosalba Ciarlini (DEM).

“O momento é de serenidade, de equilíbrio, de esforço das forças políticas em favor do Estado. Precisamos dar segurança ao cidadão, precisamos ver os hospitais abastecidos o mínimo possível, os professores nas escolas”, afirmou ele esta manhã, em contato com O Jornal de Hoje. Segundo o presidente da Assembleia, diante da grave crise por que passa o Estado, o momento não comporta discussão eleitoral: “Penso que o momento político deve ser tratado dentro do prazo próprio. Para tudo tem seu tempo, e a eleição é só em 2014. No momento oportuno, todos se sentarão à mesa e verão o caminho que cada um irá trilhar democraticamente”, ponderou o parlamentar.

ROMPIMENTO

Ricardo Motta afirmou não saber de onde surgiu a informação de que poderá romper com o governo, mas também não negou esta possibilidade. “A minha posição tem sido clara. Eu defendo o Rio Grande do Norte, respeito a posição dos deputados de oposição e sei que nenhum deles faz oposição ao Estado.”

Para o presidente, a Assembleia tem sido solidária ao Estado, as matérias de interesse têm sido aprovadas à unanimidade e as discussões são democráticas. “Existem críticas construtivas. Às vezes, pode ser que haja excesso de algum parlamentar, mas isso é natural e legítimo, e não acontece apenas no nosso Estado”, observou.

Ressaltando sua posição pela “ponderação, pela serenidade e pelo equilíbrio”, Ricardo Motta lembrou que o Estado vive um momento delicado. “Temos de tirar nosso Estado do noticiário negativo dos jornais nacionais, das televisões. Vamos somar para evitar que o RN seja exposto mais do que tem sido a nível nacional”, pediu.

Sondagem

O presidente da Assembleia Ricardo Motta confirmou que foi procurado recentemente pelo secretário chefe do Gabinete Civil do governo, Carlos Augusto Rosado, marido da governadora, que sondou a possibilidade de tramitação de um novo pedido de empréstimo do governo.

“O governo realmente nos procurou, vendo a possibilidade de aprovação de um pedido de liberação de empréstimo de R$ 850 milhões”, confirmou Motta, ressaltando que o assunto não foi aprofundado por se tratar apenas de uma sondagem.

“O que ocorreu foram sondagens. Falei das dificuldades que realmente o governo está tendo na Assembleia e que são públicas. Agora, com diálogo e argumentos convincentes, é possível que o governo convença os deputados. Claro que o governo precisa de uma argumentação forte. Isso com certeza fará com que os deputados se sensibilizem”, disse.

RELACIONAMENTO

Ainda segundo Ricardo Motta, a Assembleia tem sido solidária e cordata com a administração Rosalba Ciarlini e tem buscado não criar empecilhos ou dificuldades para o governo. “Falo isso em meu nome pessoal e em nome de todos os parlamentares: a Assembleia não tem criado obstáculos”, afirmou.

Com relação ao rompimento do PMDB, Ricardo disse que observa com respeito. “Quero sugerir uma convocação, que, obviamente, para se concretizar, precisa ter a aquiescência de todos: vamos dialogar em favor do nosso Estado porque já está passando do tempo. Sempre fui otimista, mas entre o otimismo e o realismo, as dificuldades estão crescendo e o momento é extremamente delicado”, finalizou. (JH)

Anúncios

PMDB confirma que deixa a base aliada da governadora

O PMDB do Rio Grande do Norte oficializou ontem o rompimento com o Governo Rosalba Ciarlini. Após duas horas de reunião da executiva estadual, o partido também definiu que terá candidatura própria no pleito de 2014. Embora a legenda ainda não tenha definido nome para disputar a eleição, já divulgou que na próxima semana formará um grupo de trabalho para elaborar um projeto de governo. O encontro da executiva estadual foi coordenado pelo presidente estadual da legenda, deputado Henrique Eduardo Alves, e coube a ele fazer o anúncio oficial, durante entrevista coletiva. “De maneira consensual, o partido se afasta do projeto político da governadora Rosalba Ciarlini”, disse ele.

Júnior SantosHenrique Eduardo e Garibaldi Filho participam da reunião da Executiva Estadual do PMDBHenrique Eduardo e Garibaldi Filho participam da reunião da Executiva Estadual do PMDB.

Cauteloso, expressou “respeito à governadora”, mas disse que há uma discordância do partido sobre como Rosalba Ciarlini conduz administrativamente o Estado. “Declaro todo respeito e toda consideração, ela sempre teve tratamento respeitoso, mas a questão é do ponto de vista administrativo, como executa a política administrativa, conversa muito pouco e trata muito pouco dos problemas que todos gostariam de verem resolvidos, por um diálogo”, destacou.

O presidente estadual do PMDB observou que a decisão de afastamento político do Governo é em consonância com as bases peeemedebistas. “O PMDB atende a sua base e se torna independente para o projeto político e eleitoral de  2014”, disse.

O líder peemedebista ponderou que as dificuldades encontradas pela governadora Rosalba na administração não foram criadas por ela, mas se acentuaram a partir dela. “O que Rosalba está passando não é só coisa do seu governo, mas vinha e se agravando. Há coisas que ao longo do tempo se agravaram”, analisou.

O deputado federal Henrique Eduardo Alves ressaltou que o rompimemto é político, mas não haverá qualquer distanciamento no projeto do PMDB de trabalhar pelo Rio Grande do Norte. “No campo administrativo, o Governo contará 100% com meu esforço, de Garibaldi Filho, com os deputados. Não é rompimento com o Estado do Rio Grande do Norte, é o afastamento político da governadora”, completou

CANDIDATURA PRÓPRIA

A justificativa do projeto de candidatura própria ao Governo foi posta pelo deputado federal Henrique Eduardo Alves como reflexo da força da legenda neste momento. “Em razão da sua força, da sua responsabilidade com sua militância, (o PMDB) vai lutar para construção de candidatura própria”, afirmou, acrescentando que durante o encontro da executiva estadual não foram discutidos nomes para a disputa majoritária.

O presidente do PMDB disse que o momento não é de discutir nomes, mas de fazer um projeto para apresentar ao Estado. “Não é hora de buscar nomes, mas buscar a unidade e logo após constituir um grupo de trabalho, que faremos até segunda-feira, para repensar um desenvolvimento possível, real, de visibilidade que o Rio Grande do Norte, que está carente em relação a confiar, ele possa acreditar na proposta renovadora do PMDB”, destacou.

Henrique Eduardo criticou a “personificação” de projeto político. Ele disse que a cobrança popular é pela eficiência e execução de um projeto real. “O Rio Grande do Norte não quer personificar, o que o povo quer agora é capacidade, eficiência, projeto viável, que as pessoas acreditem na solução dos problemas que se agravam, vamos preparar um projeto para apresentar”, ressaltou. Questionado se o candidato próprio do PMDB ao Governo poderia vir de fora dos já lançados na política. “Pode ser nome dentro da política, fora da política, todos que queiram abraçar o projeto que terá conteúdo e consistência”, frisou. O deputado federal disse que o PMDB não vai cobrar de nenhum partido o rompimento com o Governo Rosalba. “Estamos abrindo o diálogo com todos os partidos que queiram participar do projeto que vamos propor”, afirmou. (TN)

Denise Rocha toma banho relaxante e exibe corpão de frente, e de costas;veja fotos

Navios de guerra russos a caminho do Mediterrâneo

Rússia envia navios de guerra para o Mediterrâneo. Marinha nega oficialmente que manobra tenha qualquer relação com a Síria

navios de guerra rússia síria

Rússia envia navios de guerra para o Mediterrâneo. (Divulgação)

A Rússia está enviando dois navios de guerra ao Mediterrâneo Oriental, disse a agência de notícias Interfax nesta quinta-feira (29/08), enquanto potências ocidentais se preparam para uma ação militar na Síria em resposta ao suposto ataque com armas químicas na semana passada.

De acordo com a Interfax, uma fonte do comando das Forças Armadas disse que um cruzador de mísseis e um navio anti-submarino chegariam nos próximos dias ao Mediterrâneo por causa da “situação bem conhecida” — uma clara referência ao conflito na Síria.

A Marinha negou que a movimentação esteja ligada aos eventos na Síria e disse que faz parte de uma rotatividade planejada de seus navios no Mediterrâneo. A força não disse que tipo de embarcações, ou quantas, estão a caminho da região.

O relato inicial da Interfax deixou claro que o objetivo é reforçar a presença da Marinha no Mediterrâneo e não substituir navios. A razão para a discrepância nos dois relatos não ficou Os Estados Unidos acusam as forças do governo sírio de realizar um ataque com armas químicas na semana passada e disse que está reposicionando suas forças navais no Mediterrâneo. O governo sírio nega a acusação, culpa as forças opositoras pelo ataque e afirma que resistirá a qualquer intervenção.

A Rússia, principal aliada internacional do presidente sírio, Bashar al Assad, diz que se opõe a qualquer intervenção militar na Síria e que não tem planos de ser envolvida em qualquer conflito. Moscou diz não haver provas de que as forças de Assad realizaram o ataque.

A ONU, por sua vez, afirma que terminará a investigação no local do ataque em quatro dias.

Opera Mundi

Suspeitos de matar menino boliviano são achados mortos em cadeia

Brayan tinha cinco anos (Foto: Reprodução/Rede
Globo)

Dois homens suspeitos de participar do assassinato do garoto boliviano Brayan Yanarico Capcha, de 5 anos, morreram dentro de uma cadeia em São Paulo. A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) diz que Paulo Ricardo Martins, de 19 anos, e Felipe dos Santos Lima, de 18, foram encontrados mortos nesta sexta-feira (30) por volta das 14h30. Não foram divulgados os motivos da morte dos presidiários.

O garoto Brayan foi assassinado na madrugada de 28 de junho na região de São Mateus, na Zona Leste de São Paulo.

Os dois presos estavam cumprindo prisão preventiva no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Santo André, no ABC. Eles tinham chegado à unidade faz quatro dias.

A secretaria diz que outros presos solicitaram atendimento de urgência. A SAP diz que imediatamente os agentes de segurança penitenciária os levaram à enfermaria da unidade penal, onde já chegaram sem vida.

A Secretaria da Administração Penitenciária informou que o caso será apurado pela Corregedoria Administrativa do Sistema Penitenciário. Foi instaurado Procedimento Apuratório Preliminar, para apontar a causa da morte. As mortes serão comunicadas Vara de Execução Criminal, à Polícia Civil e à perícia.

Além da dupla que foi encontrada morta no CDP, um adolescente foi detido pelo crime. Entretanto, outros dois acusados são considerados foragidios: Diego Rocha Freitas Campos, de 20 anos, e Wesley Soares Pedroso, de 19 anos.
Pais do menino Brayan, assassinado na Zona Leste de SP (Foto: Kleber Tomaz/G1)
Pais do menino Brayan, assassinado na Zona Leste
de SP (Foto: Kleber Tomaz/G1)

O assassinato de Brayan
Os cinco criminosos usavam máscaras para não ser identificados e estavam armados com revólveres e facas. O grupo rendeu o tio da vítima que chegava com o carro na garagem, na madrugada de sexta. De acordo com as vítimas, os bandidos eram brasileiros.

Os pais contaram ter dado R$ 3,5 mil aos assaltantes, mas eles exigiam mais. Em seguida, o tio entregou R$ 1 mil à quadrilha, que não se deu por satisfeita e passou a ameaçar matar Brayan com uma faca caso não recebesse mais dinheiro. Veronica relatou que ainda abriu a carteira vazia. “Não tinha mais nada”, disse ela, que está há seis meses no Brasil, depois de vir com o marido e filho da Bolívia.

A costureira disse ainda que segurou o menino no colo durante o assalto, se ajoelhou e implorou que os criminosos não matassem a criança. Porém, assustado com a situação, o garoto chorava muito, o que irritou os bandidos. Ela relatou que o criminoso gritava para o menino “parar de chorar” e não chamar a atenção dos vizinhos. Irritado com o choro da criança, um dos criminosos atirou na cabeça do menino, que completaria 6 anos em 6 de julho.

Logo após o assassinato do garoto, bolivianos realizaram protestos em ruas de São Paulo. Eles pediam a prisão dos criminosos e mais segurança para os estrangeiros que moram na capital paulista.

G1

Previsão é de chuvas para o litoral e Montanhas chove desde a madrugada

DSC04840

Em Montanhas RN amanhece o dia com muita chuva e com perspectiva de que todo o dia será de grande volume de água, para maiores detalhes clique na imagem a seguir e verifique a situação para este final de semana no município.

DSC04838

A Meteorologia aponta para a ocorrência de pancadas de chuvas neste fim de agosto e começo de setembro no litoral e parte do Agreste do Rio Grande do Norte, período que, em situações normais de inverno e estiagem, não chove com tanta intensidade na região Nordeste.

O chefe do Setor de Meteorologia da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do  Norte (Emparn), Gilmar Bristot, informou que na madrugada e amanhecer da quinta-feira (29) choveu 16,1 milímetros em Natal, uma precipitação atípica para o périodo. “Os modelos de previsão para a primeira quinzena de setembro, apresenta meio que uma surpresa, pois estão colocando pelo menos nos primeiros dias, concentração boa de chuva para o litoral, mas não para o interior, que vai continuar seco”, afirmou Gilmar Bristot.

Com relação as chuvas que caíram pela madrugada em Natal, o meteorologista Gilmar Bristot informou que começaram ainda às 18 horas da quarta-feira (28), quando caiu 3,1 milímetros. O maior volume de chuvas ocorreu às 2 horas da madrugada, com 3,4 mm, depois diminuiu e, às 4 horas, choveu 2,8 mm. Por volta das 7 horas da quinta, choveu mais 1,2 mm.

Gilmar Bristot disse que até o dia 5 de setembro não existe previsão de chuva no semiárido, mas há previsão de concentração de chuvas na área litorânea e do Agreste. “Podemos resumir que no período haverá chuvas entre dez e 30 mm”, disse ele.

Para o meteorologista, as previsões são de uma situação atípica. “As águas do oceano Atlântico nas regiões próximas ao Nordeste, estão com anomalia, mais quente do que o normal. Estamos praticamente com todo o Atlântico Sul desde a África, passando pela região Sudeste, um grau acima da média”.

As diferenças entre preconceito racial e discriminação racial

“Nenhum racismo é justificável, mas o ressentimento dos negros é. Construiu-se durante todos os anos em que a última nação do mundo a acabar com a escravatura continuou na prática o que o tinha abolido no papel”

Por Luis Fernando Veríssimo*

povo negro

O negro pode dizer – distinguindo com nitidez preconceito de descriminação – “Não precisa me amar, só me dê meus direitos”. (Luis Fernando Veríssimo)

Preconceito racial e discriminação racial são duas coisas diferentes.

O preconceito é um sentimento, fruto de condicionamento cultural ou de uma deformação mental, mas sempre incorrigível.

Não se legisla sobre sentimentos, não se muda um habito de pensamento ou uma convicção herdada por decreto.

Já a descriminação racial é o preconceito determinando atitudes, políticas, oportunidades e direitos, o convívio social e o econômico.

Não se pode coagir ninguém a gostar de quem não gosta, mas qualquer sociedade democrática, para desmentir o nome, deve combater a descriminação por todos os meios – inclusive a coação.

Não concordo com quem diz que uma política de cotas para negros no estudo superior é discriminação.

Leia também

É coação, certo, mais para tentar corrigir um dos desequilíbrios que persistem na sociedade brasileira, o que reflete na educação a desigualdade de oportunidades de brancos e negros em todos os setores, mal disfarçada pela velha conversa da harmonia racial tão nossa.

As cotas seriam irrealistas? Melhor igualdade artificial do que igualdade nenhuma.

Agora mesmo caíram em cima de quem disse – numa frase obviamente arrancada do contexto – que racismo de negro contra branco é justificável.

Nenhum racismo é justificável, mas o ressentimento dos negros é.

racismo crianças negras

(Ilustração)

Construiu-se durante todos os anos em que a última nação do mundo a acabar com a escravatura continuou na prática o que o tinha abolido no papel.

Não se esperava que o preconceito acabasse com o decreto da abolição, mas mais de 100 anos deveriam ter sido mais do que suficientes para que a discriminação diminuísse.

Não diminuiu.

Igualar racismo de negro com racismo de branco não resiste a um teste elementar.

O negro pode dizer – distinguindo com nitidez preconceito de descriminação – “Não precisa me amar, só me dê meus direitos”.

Qual a frase mais próxima disto que um branco poderia dizer, sem provocar risos?

“Não precisa me amar, só tenha paciência”? “Me ame, apesar de tudo”?. Pouco convincente.

É uma questão que vai e vem, como as marés.

A velha oposição, na seleção brasileira, do time do povo e o time do técnico.

Quando as coisas vão bem (Brasil 4, Chile 0) não há discussão, quando as coisas vão mal (Brasil ali ali, Gana 0) volta a questão.
O povo quer os melhores sempre no time.

Isto se repete há anos.

Mudam os técnicos, mudam os melhores, muda, em boa parte o povo, e a questão continua indo e vindo.

Como as marés.

Texto publicado originalmente pelo autor

Polícia Civil: Justiça determina que 70% retornem ao trabalho

images

Destaque da TRIBUNA DO NORTE:

O desembargador Cláudio Santos determinou o retorno ao trabalho de pelo menos 70% dos policiais civis e dos servidores do Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) envolvidos na paralisação da categoria. A decisão foi publicada ontem pelo Tribunal de Justiça (TJRN).

Mesmo sem ter sido comunicado oficialmente da decisão, o presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol-RN), Djair Oliveira, informou que caberá à categoria definir em Assembleia se cumprirá ou não a decisão. “Se não cumprirmos, são R$ 10 mil de multa. A categoria vai deliberar se vai cumprir. Mas é uma liminar, cabe recurso. Vamos recorrer até a última instância”, afirmou.

O Estado argumentou que os limites do direito de greve, e até mesmo sua proibição, em certos casos, para algumas categorias, justifica-se em decorrência da natureza dos serviços prestados, que são públicos, essenciais, inadiáveis, pelo princípio da predominância do interesse geral. O desembargador compartilhou do argumento e esclareceu que no serviço público, o direito, fundamentado nos artigos 9º e 37 da Constituição Federal, depende ainda de uma legislação específica, como uma Lei Complementar.

Em reunião realizada ontem, na Governadoria, Sinpol e Governo do Estado não chegaram a um acordo. A secretária nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça, Regina Miki, esteve presente na negociação dentro de uma ação de monitoramento do Rio Grande do Norte, já que o Estado integra o Programa Brasil Mais Seguro.

Ariano Suassuna sofre mal estar e volta a ser hospitalizado no Recife

Ele está na UTI coronariana e será submetido a novos exames.
Escritor tem 86 anos e sofreu um infarto de pequenas proporções, este mês.

Do G1 PE

20130829155025318841iAriano Suassuna volta a ser hospitalizado, no Recife
Foto: Alexandre Nobrega/Caixa Cultural/divulgação

O escritor Ariano Suassuna, 86 anos, voltou a ser internado no Hospital Português, no Recife, na tarde desta quinta-feira (29). A informação foi repassada pela assessoria de imprensa do autor e confirmada pela assessoria da unidade de saúde. Depois de ser atendido na urgência, ele foi internado na UTI coronariana e, de acordo com os médicos, sofreu um mal estar ainda não especificado.

“No momento, ele encontra-se bem, mas por recomendação médica, ficará internado na para observação, com visitas proibidas. Não há previsão de alta”, diz o boletim oficial divulgado no fim da tarde. Durante o internamento, ele será submetidos a exames para tentar identificar a causa do mal estar.

Ariano Suassuna passou seis dias internado, após sofrer um infarto agudo do miocárdio de pequenas proporções, este mês. Ele teve alta na última terça-feira (27) e, de acordo com o boletim divulgado pelo hospital por ocasião da alta, assinado pelo cardiologista Sérgio Montenegro, ele estava evoluindo bem e deveria prosseguir com o tratamento em domicílio, onde deveria permanecer em repouso por mais 40 dias. As visitas seguiam proibidas.

Autor de ‘O Auto da Compadecida’, entre diversas outras obras, Ariano Suassuna nasceu em 16 de junho de 1927, em João Pessoa, e cresceu no Sertão paraibano. Mudou-se com a família para o Recife em 1942. Sua primeira peça, ‘Uma Mulher Vestida de Sol’, ganhou o prêmio Nicolau Carlos Magno em 1948.

Tem contos e livros adaptados para a televisão e para o cinema. ‘O Auto da Compadecida’ foi adaptado para a televisão em 1999, por Guel Arraes, enquanto ‘Romance d’A Pedra do Reino’ e ‘O Príncipe do Sangue do Vai-e-Volta’ deu origem à minissérie ‘A Pedra do Reino’, com direção de Luiz Fernando Carvalho, exibida na Rede Globo em 2007.

Professores acatam proposta do Governo e decidem suspender a greve

imagesOs professores do estado decidiram suspender a greve que começou no dia 12 de agosto. Em assembleia encerrada às 17h, 95% da categoria acatou uma série de propostas apresentadas pelo Governo do Estado durante reunião com a secretária de Educação, Bethânia Ramalho, e o procurador-geral, Miguel Josino. Segundo Fátima Cardoso, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública (Sinte), nas últimas 24 horas houve uma intensificação nas negociações com a categoria.

Entre as propostas acatadas em assembleia, ficou decidido que o pagamento do terço da hora-atividade será feito em seis parcelas, a partir de setembro. Além disso, será enviado um projeto de lei para alterar o plano de carreira que, segundo a categoria, atualmente há um prejuízo de 10% de um título para outro; haverá também a convocação de 166 professores concursados; os funcionários da Educação receberão um reajuste ainda não definido na gratificação; e 69 escolas da rede estadual serão recuperadas. “Vamos acompanhar rigorosamente esse projeto de melhoria das escolas”, disse Fátima Cardoso.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Educação, também ficou acordado que o corte dos pontos dos professores grevistas serão suspensos, com a condição de que os educadores apresentem um calendário de reposição de aulas. “Se não houver cumprimento das propostas, voltaremos à greve. Já que os alunos estão prejudicados, esperamos que o Governo tenha juízo e cumpra o que foi prometido”, disse a representante do Sinte.

Prêmio Memórias Vivas Rubens Lemos homenageia militantes da democracia e justiça social

1187168_10200376825242567_219339139_nO deputado Fernando Mineiro (PT) foi um dos homenageados nesta quarta, 14, com a comenda do Prêmio Memórias Vivas Rubens Lemos, entregue a personalidades que lutaram/lutam por democracia e justiça social no Rio Grande do Norte e no Brasil. A homenagem, promovida pela ONG Terra Mar, ocorreu no plenarinho da Assembleia Legislativa.

Mineiro agradeceu pela comenda, afirmando que receber uma homenagem que leva o nome de Rubens Lemos, ex-militante do extinto PCBR, perseguido, preso e torturado pela ditadura militar e um dos fundadores do PT no Rio Grande do Norte, “é uma responsabilidade muito grande pela história que representa”.

Depois de ouvir os relatos de outros homenageados, Mineiro disse que viu “passar um filme” por sua cabeça. “Tive o privilegio de vir para o PT pelo movimento estudantil e de conviver com boa parte dessas pessoas que passaram por aqui hoje”.

Além de Mineiro, diversos militantes, chamados de “autoridades populares” pela ONG Terra Mar, receberam a comenda por sua contribuição com a causa democrática. O filho de Rubens Lemos, Camilo Lemos, recebeu o prêmio em homenagem à memória do pai.

Emocionado, Camilo agradeceu em nome da família. Ele disse que o pai fazia tudo “com paixão” e contou que só veio a conhecer a história do militante político após adulto. “Ele poupava os filhos de detalhes como a questão da tortura”, relatou.

O sobrinho de Rubens Lemos e fundador do PT no RN juntamente com o tio, Aldemir Lemos, também foi homenageado. O ex-deputado estadual Júnior Souto, primeiro parlamentar eleito pelo PT no Rio Grande do Norte, o ex-vereador Juliano Siqueira e a deputada federal Fátima Bezerra também receberam a comenda do Prêmio Memórias Vivas Rubens Lemos.

A lista dos homenageados inclui, ainda, Cesário Batista, Floriano Bezerra, Eliziel Barbosa, Valmir Alves, Régis Cortês (em memória), José dos Santos (em memória), Ronaldo Valência (em memória), Edinaldo Filgueira (em memória), Crispiniano Neto, Francisco Ferreira, Luiz Alves, Chico Pedro, Raimundo Canuto, Simião Paulino, Raimundo Baié, Juvino Felipe, Jorge de Castro, Edinho do PT, Eduardo Carneiro, Salomão Gurgel, Roberto Monte, Analba Brazão Teixeira, João Bosco Araújo da Costa e Cipriano Maia.

Fotos: Vlademir Alexandre.
Fonte: Assessoria do Mandato Dep. Mineiro

Assista este vídeo e faça as suas próprias conclusões

Aqui fica o exemplo da entrevista com uma médica negra brasileira do Rio de Janeiro

Conheça o médico que liderou os xingamentos contra cubanos – Confira entrevista e tudo mais

Polonesa tenta recorde transando com 100 mil homens; ‘tive que aceitar’, diz namorado

Mês passado, a polonesa Ania Lisewska, de 21 anos, começou a maratona na qual pretende fazer sexo com 100 mil homens. De acordo com o site “Fakt.pl”, Ania já teve relações sexuais com 284 – todas de 20 minutos cronometrados – desde que começou a empreitada em Varsóvia (Polônia).

“Eu quero homens da Polônia, da Europa e de todo o mundo. Eu adoro sexo, diversão e homens. Na Polônia, sexo ainda é um tabu e todos que querem realizar suas fantasias são considerados devassos, promíscuos ou doentes mentais”, disse a jovem.

O que ninguém havia falado até agora é que Ania tem um namorado. Sim, ele comentou ao “Fakt.pl” que não fica “animado” com o inusitado “hobby” da amada, mas que, sem escolha, “teve que aceitar”.

A meta de Ania não é fácil de ser alcançada. Para fazer sexo com 100 mil homens, com 20 minutos cada relação, a polonesa levaria quase 4 anos na tarefa, sem intervalos para dormir, comer e tomar banho.

Como Ania pretende limitar os encontros sexuais aos fins de semana, a missão será ainda mais complicada.

O Globo

Cubanos são os médicos mais respeitados em operações internacionais

Ando sem paciência porque esta discussão é claramente política e partidária e muitos médicos estão portando-se de maneira tão ridícula que fico sem terreno para argumentar com fatos, números, dados, enfim, para debater como é salutar. Ademais, o posicionamento da mídia e das representações médicas é totalmente pela defesa da saúde como mercado, lucros e interesses privados.

Por Suzanne Serruya

médicos cubanos brasil

Sempre fico feliz quando, trabalhando nos países da região, digo que sou brasileira e recebo um sorriso. Em geral, além das nossas belezas naturais, falam de futebol. O Brasil exporta jogadores para o mundo e eles são recebidos como heróis por suas qualidades.

Desde sempre a presença de médicos para os mais pobres é um problema. Mundial. Em lugares de crises, nos lugares inóspitos, para população rural ou indígena, e é um problema difícil de resolver porque precisa de gente, gente com compromissos e valores, mais do que qualquer outra coisa. Nos países prioritários que venho trabalhando na região das Américas, os cubanos, entre os médicos estrangeiros, são os mais respeitados. A parte de concordar ou não com o regime político, as pessoas reconhecem que suas capacidades técnicas e compromisso são de excelência.

Como exemplo, cito a ajuda cubana ao Haiti. Principalmente depois do terremoto, chegaram milhões de dólares, vários países mandaram médicos, mas eles reconhecem que onde os estrangeiros fizeram diferença foi onde ESTÃO ainda agora os cubanos, porque os dólares estão sumindo e a ajuda internacional também, mas os cubanos estão lá trabalhando e ajudando este país que muito ainda necessita.

Centralizar nos cubanos me feriu desde o inicio, mas o comentário racista e inclassificável desta menina [a jornalista que disse que médicas cubanas tinham cara de empregada doméstica], representante do pior que tem na nossa sociedade, me revolta. Por que a mídia elogiou em 99% ou não deu bola? Por que até agora ninguém acusou os prefeitos e os governadores que pediram os médicos? Por que só o ministro Alexandre Padilha é publicamente açoitado? Ninguém acha que a discussão deve envolver os responsáveis locais ou isso já não interessa na discussão?

E, afinal, alguém perguntou ou a mídia divulgou algo dos interessados? Alguém que passa no Facebook para dizer estas barbaridades conhece estes municípios? Conhece as pessoas? Sabe o que é promoção da saúde? Sabe o que significa a atenção primaria? NÃO! É simplesmente achismo, preconceito e política partidária contra o ministro que teve peito para enfrentar este problema. O mundo tão necessitado de saúde e esta gente egoísta reclamando de maneira tão xenofóbica. Vergonha do país. Orgulho de alguns brasileiros.

Para terminar, os médicos, e é uma vergonha quase permanente, todos os dias são denunciados: é dedo de silicone, médico que não levanta para ver a paciente morrer, médico que assina e não trabalha e o número crescente de queixas judiciais de má pratica. Mas quando vi a foto do médico cubano vaiado em Fortaleza, fiquei orgulhosa. De ser médica e ter exemplos como ele.

Esta discussão, que podia ter servido aos médicos e ao país, mostrou que estamos imaturos.

Espero que os cubanos e os outros estrangeiros nos desculpem. Este país não é xenófobo e, apesar de muitos preconceituosos, a maioria dos brasileiros e os que mais precisam agradecerão a estes homens e mulheres, médicos.

Salário mínimo previsto para 2014 será de R$ 722,90, diz ministra

images

A ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, anunciou nesta quinta-feira (29) que o Projeto de Lei Orçamentária (Ploa) elaborado pelo governo prevê salário mínimo de
R$ 722,90 a partir de 1º de janeiro de 2014. O valor atual do salário mínimo é de R$ 678,00.

“O novo valor do salário mínimo previsto na peça orçamentária é de R$ 722,90, já incorporando a regra de valorização do salário mínimo, que tem sido uma política importante de alavancagem da renda das famílias no Brasil, o que tem nos levado a patamares de qualidade de vida muito superiores”, disse a ministra após entregar o projeto em mãos ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-RO).

O valor do salário mínimo é calculado com base no percentual de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do ano retrasado mais a reposição da inflação do ano anterior pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Apagão pode atrasar pagamento de parte do funcionalismo estadual

a-charge-do-apagão

O Governo do Estado envia nota de utilidade pública. Segue

O apagão elétrico que atingiu todo o Nordeste na tarde desta quarta-feira, dia 28, impediu a conclusão da transmissão dos arquivos eletrônicos da folha de pagamento do Governo do Estado para o Banco do Brasil.

Em razão dessa interrupção na transmissão de dados, o pagamento relativo ao primeiro dia útil de alguns órgãos da administração direta poderá não estar creditado à meia noite desta quarta-feira (28), como programado, e sim até o meio-dia desta quinta-feira (29).

Câmara Federal inova e tem o primeiro deputado presidiário da história do Brasil

O deputado Natan Donadon (sem partido/RO) (e), acompanhado do advogado Gilson Cesar Stephanes e do deputado Sergio Moraes, no plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília, nesta quarta-feira (28), dia de sessão que analisará o pedido de sua cassação

Por Veja

A Câmara dos Deputados criou o primeiro deputado presidiário do Brasil. Em votação secreta realizada na noite desta quarta-feira, 28, a cassação do mandato do deputado federal Natan Donadon (sem partido-RO), o primeiro parlamentar a cumprir pena de prisão desde a redemocratização do país, foi rejeitada.

Na votação, 131 parlamentares rejeitaram a cassação e 41 se abstiveram. Somente 233 votaram a favor da perda de mandato.

Eram necessários 257 votos (a maioria dos 513 deputados) a favor da cassação para que a punição se concretizasse. Mas o número de parlamentares que registraram o voto ficou abaixo do esperado: na primeira hora de uma votação que deveria ser rápida, menos de 400 participaram do processo de decisão – apesar de 469 deles terem ingressado na Câmara nesta quarta-feira. Temendo mais um episódio vergonhoso para a Casa, com a eventual absolvição de Donadon, o presidente Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) não quis arcar sozinho com o risco e anunciou que esperaria até as 23 horas para que os parlamentares ausentes comparecessem e registrassem seu voto.

Antes da votação final, a Câmara viveu um dos momentos mais constrangedores dos últimos tempos: o deputado chegou à Casa algemado – e escondido da imprensa. No dia em que completava dois meses de encarceramento no Presídio da Papuda, ele adentrou o plenário de terno, usando o broche de deputado, como qualquer outro detentor de mandato. Foi cumprimentado por alguns colegas. Entre eles, Sérgio Morais (PTB-RS), aquele que certa vez disse estar “se lixando” para a opinião pública, e Eduardo Cunha (RJ), líder do PMDB.

Mulher cristã é sentenciada à morte por causa de um gole de água

A PARÁBOLA DO DIA – Apenas para reflexão

e-em-alto-mar-o-marinheiro-desesperado-sentiu-uma-imensa-vontade-de-chorar-entao-lancou-rodrigo-veninno-frase-1474-2839

– PARA PENSAR –

Navegavam há meses e os marujos não tomavam banho nem trocavam de roupa.

O que não era novidade na Marinha Mercante Britânica,  mas o navio fedia!
O Capitão chama o Imediato:
– Mister Simpson, o navio fede, mande os homens trocarem de roupa!
Responde o Imediato:
– Yes Sir…
O Imediato parte para reunir os seus homens e diz:

– Marinheiros, o Capitão está se queixando do fedor a bordo e manda todos, eu disse todos, trocarem de roupa.
David troque a camisa com John, John troque a sua com Peter,  Peter troque a sua com Alfred, Alfred troque a sua com Jonathan … e assim prosseguiu.

Quando todos tinham feito as devidas trocas, volta ao Capitão e diz:

Sir, todos já trocaram de roupa.

O Capitão, visivelmente aliviado, manda então prosseguir a viagem…

MORAL DA HISTÓRIA

É MAIS OU MENOS ISSO QUE VAI ACONTECER NO BRASIL NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES! AFINAL OS POLÍTICOS QUE SE ANUNCIAM SÃO OS MESMOS.

Com: o Blog Bira Viegas

Falha em linhas de transmissão particular causou apagão no Nordeste

a-charge-do-apagão

O apagão “[que atingiu todos os Estados do Nordeste na tarde desta quarta-feira (28) foi causado pelo desligamento de duas linhas de transmissão no Piauí, que fazem a interligação entre o Norte e o Nordeste do país.

O governo está investigando as causas das falhas nessas duas linhas, operadas por empresas privadas.

Há suspeitas de que o problema tenha começado com uma queimada nas proximidades dessas linhas.

“A falta de energia não ocorreu no sistema da Chesf, mas por uma empresa particular durante o pico de alto intercâmbio de energia para o Nordeste”, afirmou o gerente da Chesf (Companhia Hidro Elétrica do São Francisco) no Piauí, Airton Feitosa.

O gerente comparou o problema a uma “freada brusca” em um carro. “É como você estar acelerando a 110 km/h e dar uma freada brusca. Duas linhas de transmissão de 500 kV apresentaram problemas”, afirmou.

Segundo ele, a energia já estava voltando em todos os bairros de Teresina por volta das 17h.

A direção da Eletrobras no Piauí divulgou nota se eximindo de responsabilidade pela interrupção do fornecimento de energia.

“A causa está sendo diagnosticada pela Chesf, que deverá se posicionar sobre essa falta de energia”, diz a nota da Eletrobras, que tem mais de um milhão de clientes no Piauí.

O apagão começou por volta das 15h e afetou os nove Estados do Nordeste.

Aos poucos estava sendo retomada também em Salvador (BA), Fortaleza (CE), Recife (PE), João Pessoa (PB) Maceió (AL). Em Natal (RN), a luz voltou por volta das 16h50, mas dez minutos depois caiu de novo. Na capital da Paraíba, a Polícia Militar pede para as pessoas permanecerem em suas casas.

Segundo as distribuidoras de energia nos Estados, a luz está sendo reestabelecida aos poucos, para que a rede não fique sobrecarregada e ocorra um novo apagão nas cidades.

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) informou que foi comunicada da falha, considerada internamente como de “grandes proporções”.

A agência foi informada pelo ONS (Operador Nacional do Sistema) de que a transmissão de energia na região caiu de 10 mil megawatts para mil megawatts, ou seja 10% do nível normal.

O Ministério de Minas e Energia também está apurando as causas dos problemas.

O procedimento de investigação desse caso de falta de energia deve seguir o mesmo modelo dos anteriores, de acordo com a Aneel.

O ONS encaminhará uma carta convocando Ministério de Minas e Energia, Aneel e possíveis agentes envolvidos para discutir o problema. O grupo irá se debruçar sobre o relatório técnico do caso, chamado de “relatório de análise da perturbação”.

TRANSTORNOS

Em Salvador, em apenas uma rua no bairro da Pituba, região nobre da cidade, cinco prédios registravam pessoas presas nos elevadores.

Felipe Plessim, 27, conversou com a Folha enquanto estava preso no elevador de seu prédio. Afirmou que estava indo para a faculdade e que provavelmente perderá as aulas, mas que a situação estava tranquila porque ainda conseguia falar pelo celular.

No Piauí, o apagão afetou todos os 224 municípios no Estado, causando transtornos principalmente nos hospitais e trânsito. É a segunda vez que o Piauí sofre apagão neste ano. Em janeiro, a capital piauiense e outras 32 cidades do Estado registraram queda de energia.

Em Fortaleza, o blecaute afetou o funcionamento da sinalização de trânsito e já causa engarrafamentos pela cidade. Um hospital particular suspendeu o atendimento de emergência em casos mais simples em razão da impossibilidade de realização de exames.

HISTÓRICO

Desde setembro do ano passado, quando Dilma anunciou que haveria um corte médio de 20% nas tarifas de energia aos consumidores a partir deste ano, ocorreram seis blecautes de grandes proporções em diversos Estados brasileiros.

No ano passado, as falhas no fornecimento de energia fizeram o ministro Edison Lobão (Minas e Energia) vir a público para tranquilizar a população.

Na época, ele disse que não haveria racionamento de energia elétrica no país “nem agora, nem nunca mais”.

No último apagão de 2012, mais de 3,5 milhões de consumidores, em 12 Estados, ficaram sem luz por uma hora. (Uol)

apagao-nordeste

Montanhas RN – Acesse Portal da Transparência da Prefeitura e Câmara Municipal e faça as suas próprias conclusões – VEJA COMO PROCEDER AQUI

images

O acesso a informação pública por parte do cidadão, instituído inicialmente através da lei Federal 12527/2011 conhecida como lei da “transparência”. O portal da transparência está hospedado no site http://www.gdip.com.br/principal.xhtml

No portal da transparência o cidadão poderá acessar informações diversas, tais como; empenhos, contratos, licitações, dentre outras informações relativas à despesa pública efetuada pelo município.

Para as informações não disponíveis no Portal da Transparência, o cidadão poderá requisitar a mesma na Secretaria de Administração com a Coordenadoria de Controle e Acesso a Informação, para isso será preenchido um formulário com nome endereço e documento do cidadão conforme estabelece a lei da transparência. As informações serão disponibilizadas no prazo de 20 dias, podendo ser prorrogado por mais 10 dias, mediante justificativa expressa.

O Portal da Transparência proporcionará ao cidadão informações precisas. Deve mostrar seriedade com legibilidade de um agente administrador. O portal, sobretudo, irá garantir ainda ao cidadão a visualização dos gastos públicos e naturalmente prevalecer o compromisso de que o bem público é pra ser zelado e que toda transparência seja a verdadeira expressão de que o dever e o direito estejam sendo cumpridos.

O Blog Montanhas em Ação está proporcionando aos seus leitores este acesso na margem direita de sua página principal. Basta clicar apenas na imagem “Portal da Transparência” que o link conduzira para as informações e curiosidades que interessar posse.

Além do Portal da Prefeitura e da Câmara Municipal de Montanhas, você poderá visualizar outras Prefeituras e Câmaras Municipais de outras cidades.

Vereador Alexandre Cavalcanti deverá apoiar nas eleições de 2014 Ricardo Motta e Rafael Motta

Com a proximidade  das eleições do próximo ano, as articulações começam a ser  descobertas e as tendências de apoios a serem evidenciadas.

Existe uma forte tendência para que o vereador Alexandre Cavalcanti venha a apoiar o deputado estadual e presidente da Assembléia Ricardo Motta para a reeleição e o seu filho vereador de Natal Rafael Motta para deputado federal.

Na bancada de vereadores de São Gonçalo do Amarante existe outros edis propensos a apoiar candidatos a deputados estaduais cujos compromissos vem muito antes do processo das eleições de 2012.

Por: Max Bezerra

Rafael Motta reforça: “Há muita insatisfação com a gestão do DEM”

Por: Ciro Marques JH

O presidente da Câmara Federal e líder estadual do PMDB, Henrique Eduardo Alves, afirmou que não poderia ficar sozinho apoiando o Governo do Estado se os correligionários dele demonstram insatisfação e querem o rompimento. E situação parecida vive o presidente estadual do Partido Progressista (PP) e vereador de Natal, Rafael Motta. Mesmo se fosse o caso dele querer continuar apoiando a gestão estadual do DEM, a insatisfação dos pepistas no interior do Estado também está caminhando para o rompimento com a administração estadual.

RafaelMotta

Foto: Rafael Motta (Presidente PP)

“Precisamos ouvir os correligionários para tomar qualquer decisão e faremos isso no momento certo. As eleições ainda estão distantes. O que sabemos hoje é que há muita insatisfação no interior do Estado com a gestão do DEM”, afirmou Rafael Motta, que desde que assumiu a presidência do PP tem percorrido várias cidades do interior do Estado, se reunindo com os diretórios municipais do PP e acumulando críticas tanto a gestão estadual.

As críticas seriam provenientes, sobretudo, das cidades que Rafael Motta visitou no mês passado, localizadas no Seridó, no Alto e no Médio Oeste – regiões que o DEM, tradicionalmente, tem grande influência eleitoral. “Os municípios têm reclamado de falta de autonomia provocada pela dependência dos recursos federais e estaduais”, comentou o presidente pepista.

Contudo, é importante ressaltar que, diferente do PMDB, o PP não tem tanto espaço no primeiro escalão do Governo do Estado. Não indicou nenhum secretário, por exemplo, nem conta com diretores/presidentes de fundações/instituições ligadas a gestão da governadora Rosalba Ciarlini. Então, porque a administração estadual estaria “preocupada” com o fato do PP apoiar ou não o Governo? Pela influência que o partido está conseguindo na Assembleia Legislativa.

É para o PP que o atual presidente da Assembleia, o deputado estadual Ricardo Motta (PMN), deve ir caso consiga a desfiliação partidária na Justiça Eleitoral – já deu entrada no pedido e tem, a favor dele, a permissão do deputado presidente estadual do PMN, Antônio Jácome. E só com a ida de Ricardo Motta para um partido que está caminhando para o rompimento, significaria a perda, para o Governo, de um de seus principais apoiadores políticos. Afinal, foi Ricardo Motta que, por diversas vezes, conseguiu amenizar crises políticas enfrentadas pelo Governo no Legislativo Estadual.

Amenizou crises, mas não conseguiu evitar que a última, referente ao pagamento integral do duodécimo à Assembleia Legislativa, provocasse uma crise entre poderes. Assumiu um tom crítico raro e condenou o corte percentual feito pelo Executivo, sendo apoiado por muitos outros parlamentares da Casa Legislativa.

Por sinal, nessa mudança de partido de Ricardo Motta, que pode configurar também uma mudança de lado – de aliado para oposição ou, no mínimo, independência – ele não estará sozinho. Deverá ser acompanhado pelos colegas Raimundo Fernandes (PMN) e Vivaldo Costa (PR). O primeiro até já pediu desfiliação do PMN junto com Ricardo Motta. Ambos já teriam conversas – e convites – para ir para o PP.

No entanto, o primeiro parlamentar a chegar ao PP não deve ser nem Raimundo Fernandes, nem Ricardo Motta, mas sim Kelps Lima. O deputado, que já conseguiu a desfiliação na Justiça Eleitoral do PR, tem convite de vários partidos, inclusive, um oficial do PP. Entre as “exigências” do parlamentar para o novo partido, estão o fórum permanente de debate sobre o Estado e que a sigla não seja da base aliada do governo Rosalba Ciarlini. Ou seja: indo para o PP, Kelps Lima praticamente confirma o perfil oposicionista da sigla dirigida por Rafael Motta.

ELEIÇÃO 2014

Com relação ao pleito de 2014, Rafael Motta evita falar mais claramente sobre conjeturas eleitorais ou apoio a candidatura de alguns dos partidos que devem ter candidatos a governador – como o PSD, PMDB e PSB. “Ainda está distante”, afirmou ele, ressaltando que o PP não tem pensado muito nisso, até porque, não é interesse do partido disputar a eleição majoritária.

“A Executiva Nacional do PP tem diretrizes muito claras para a eleição de 2014, que é aumentar os espaços tanto no legislativo estadual, quanto no federal”, afirmou Rafael Motta, explicando o porquê de buscar contato com atuais deputados estaduais – que podem trabalhar para tentar a reeleição – no próximo ano.

“Estamos tentando agregar deputados com mandato e lideranças políticas de vários municípios. No interior, há muitos bons nomes com grande potencial para ser candidato em 2014”, acrescentou ele, que pode ser um dos candidatos do partido a deputado federal, na busca de atender a outra parte da diretriz da Executiva Nacional. “Ainda falta muito tempo para isso”, despistou.

Candidatas do ‘Miss Bumbum 2013’ fazem 2º ensaio; bem mais ousado, veja fotos