Daily Archives: 11/07/2013

Montanhas RN receberá acima de 355 mil – Saiba quanto cada um dos municípios do RN receberá de auxílio emergência

Índice

A presidente da República, Dilma Rousseff, anunciou um apoio financeiro emergencial, durante participação na XVI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) fez os cálculos, e antecipa os valores de cada ente municipal deve receber, de acordo com o anúncio de Dilma. Segundo a entidade, os R$ 3 bilhões representam o que geralmente é repassado às prefeituras em julho, por meio do Fundo de Participação (FPM).

CLIQUE AQUI E CONFIRA O VALOR DO SEU MUNICÍPIO

Manifestação vai durar cinco horas

Ao longo desta quinta-feira, 11, Natal terá sua rotina alterada em decorrência do “Dia Nacional de Luta” que deverá reunir, na capital potiguar, entre 15 mil e 20 mil pessoas, segundo estimativas dos líderes sindicais à frente do ato. Marcado para começar às 9h, no cruzamento das Avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho, a manifestação percorrerá aproximadamente sete quilômetros até o Supermercado Favorito, na Avenida Engenheiro Roberto Freire, em Ponta Negra, com paradas marcadas na Arena das Dunas e Governadoria. Pelo menos uma dezena de lojas no trajeto situadas ao longo do trajeto protegeram suas fachadas com tapumes e placas de alumínio, temendo ataques de vândalos infiltrados entre os manifestantes.

Adriano AbreuOntem, shopping Midway Mall instalava protetores nas fachadas para evitar prejuízosOntem, shopping Midway Mall instalava protetores nas fachadas para evitar prejuízos

Na manhã desta quarta-feira, 10, líderes dos movimentos sindicais que convocaram a população brasileira a ir às ruas nesta quinta-feira em todo o país, falaram à imprensa. O presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB/RN), Moacir Soares, disse que o movimento mostra “a unicidade do trabalhador brasileiro” em prol da defesa dos direitos e luta por melhorias salariais e condições de trabalho. Participarão do ato, além da CTB, a Força Sindical, Intersindical, CSP Conlutas, Central Única dos Trabalhadores (CUT), Nova Central, União Geral dos Trabalhadores (UGT) e movimentos locais como a #RevoltadoBusão.

Além dos sindicatos, o protesto também contará com representantes da Polícia Civil, que cobram a convocação dos  agentes formados em curso e, também, agentes penitenciários e servidores de diversos órgãos do Governo do Estado. Eles cobram a implementação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), além dos pontos defendidos em caráter nacional.

“Nós queremos melhores condições de trabalho, salários dignos e regulamentação do sistema prisional na Segurança Pública”, disse Vilma Batista, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN e membro da Nova Central Sindical dos Trabalhadores (CNST).

A diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do RN (Sindisaúde/RN), Rosália Fernandes, destacou que a classe irá participar do ato. “Queremos a convocação de concursados, implementação do PCCS e melhorias nas unidades de saúde. Se isso não ocorrer, poderemos entrar em greve a partir de 1º de agosto”, enfatizou.

A coordenadora do Sindicato dos Bancários do RN, Marta Turra, confirmou que convocou os servidores das agências bancárias federais e privadas a participarem do movimento nesta quinta-feira. “A orientação é de que os clientes não se dirijam às agências. O atendimento poderá sofrer lentidão”, disse.

Segurança: 300 policiais militares acompanharão o ato

O comandante-geral da Polícia Militar do RN, coronel Francisco Araújo, confirmou que 300 policiais militares acompanharão o ato em viaturas, cavalaria e motocicletas. Alguns deles, porém, estarão à paisana, infiltrado entre os manifestantes com o intuito de identificar possíveis vândalos ou artefatos que possam causar acidentes. A segurança no entorno do Estádio Arena das Dunas e Centro Administrativo será reforçada.

A ação da Polícia Militar terá início nas primeiras horas da manhã, com a montagem de barreiras em pontos estratégicos da cidade. Veículos, motocicletas e ônibus serão abordados e seus condutores e passageiros revistados, para que nenhum objeto que possa causar ferimentos ou danos ao patrimônio público ou privado, seja conduzido usado durante a manifestação. “Nós estaremos prontos para garantir uma manifestação segura e pacífica. Qualquer atitude suspeita será investigada e se algum vândalo for identificado, será encaminhado à delegacia para que responda pelos seus atos”, assegurou o coronel Araújo. (TN)

123800