Daily Archives: 29/06/2013

Sai edital para temporários da ANS: 200 vagas e até R$ 6.130 mensais

Foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta, 28 de junho, o edital de abertura do processo seletivo simplificado visando à contratação temporária de profissionais para Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). A oferta será de 200 vagas em cargos do nível superior, com rendimentos variando de R$3.800 a R$6.130, dependendo da função. As inscrições deverão ser feitas no site da Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab), organizadora, de 2 a 16 de julho. A taxa será de R$78 para cargos da área de Atividade Técnica de Suporte e de R$ 92 para as funções de Atividade Técnica de Complexidade Intelectual. Há oportunidades para profissionais graduados nas áreas da Saúde, Direito, Administração, Contabilidade e em diversos cursos da área de Informática – como Análise de Sistemas, Ciências da Computação e Tecnologia em TI, entre outros.

A seleção será realizada em uma única etapa, composta de provas objetivas, marcadas para 1º de setembro, e que serão aplicadas em Brasília/DF, Belém/PA, Belo Horizonte/MG, Cuiabá/MT, Curitiba/PR, Fortaleza/CE, Porto Alegre/RS, Recife/PE, Ribeirão Preto/SP, Rio de Janeiro/RJ, Salvador/BA e São Paulo/SP – municípios de lotação das vagas. O resultado final deverá sair já em 26 de setembro deste ano. A seleção será realizada para agilizar o andamento dos processos movidos por consumidores contra planos de saúde. Os contratos terão duração de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de cinco anos. Já o processo seletivo terá a duração inicial de dois anos, podendo ser prorrogado uma única vez e pelo mesmo período.

Folha Dirigida

Filha de Datena posa nua no México, mas recusa convites no Brasil; confira ensaio

Entenda como funciona o golpe da pirâmide financeira

Telexfree foi interditada pela justiça por aplicar pirâmide financeira.

Pirâmide financeira ou esquema em pirâmide é um modelo comercial que depende basicamente do recrutamento de outras pessoas em níveis insustentáveis. Eles existem há pelo menos um século e atualmente podem estar mascarados com o nome de marketing de rede ou multinível. O marketing de rede opera dentro da legalidade e se confunde muito com a pirâmide.

Segundo o Ministério da Fazenda, o Brasil proíbe qualquer tipo de negócios em pirâmide. A a lei 1.521 de 1951 aponta que é crime contra a economia popular, com possível punição de 6 meses a 2 anos de detenção, “obter ou tentar obter ganhos ilícitos em detrimento do povo ou de número indeterminado de pessoas mediante especulações ou processos fraudulentos (“bola de neve”, “cadeias”, “pichardismo” e quaisquer outros equivalentes)”.

Uma pessoa pode identificar que está diante de um golpe quando o indivíduo faz um único pagamento e recebe, a partir de então, a promessa de retornos exponenciais. Na maioria dos casos, somente o idealizador do golpe ou poucas pessoas ganham com a manobra financeira. Quem fica na pior situação são aquelas pessoas na base da pirâmide, que entraram no plano, mas não são capazes de recrutar outros seguidores.

O marketing multinível, que opera dentro da lei, trabalha com o recrutamento de pessoas para vender, divulgar ou consumir um produto. Além disso, aqueles que selecionam pessoas para vender ou representar seus produtos também podem receber uma comissão. Nesse caso, uma alternativa para o investidor descobrir se está diante de um negócio legal, é verificar se a empresa em questão obtém pelo menos 70% de sua renda a partir das vendas a varejo para não-membros.

De acordo com Amaury Oliva, diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça, o consumidor deve estar atento a ofertas de dinheiro fácil. “O esquema de pirâmide é um golpe antigo e melhor remédio é a informação do consumidor. Quando a pirâmide se quebra, o prejuízo afeta todos os investidores. É preciso ficar atento a rentabilidades atraentes, com promessa de ganho rápido e pouco risco. Não existe dinheiro fácil”, afirma. Ele explica também que a diferença básica entre marketing de rede e pirâmide financeira é que esta não é sustentável a longo prazo e pode implicar em grandes perdas financeiras.

Agência Brasil

A PIADA DO DIA kkkkkkkkkkkkkrararararaararara

images

 – QUE SITUAÇÃO! –

De olho na reeleição, a presidente Dilma resolveu solicitar a um instituto de pesquisas um estudo sobre a satisfação da população brasileira quanto a seu governo.

Atendendo ao funcionário responsável pela pesquisa, a presidente indaga:

– E então companheiro, qual foi o resultado da pesquisa?

– Senhora Presidente, a população brasileira está dividida em duas camadas proporcionalmente iguais, os “otimistas” e os “pessimistas”.

– Ora ora companheiro! Vamos então primeiramente as boas notícias! O que dizem os “otimistas”?

– Senhora Presidente, os otimistas dizem que, se a situação continuar como está, em breve o povo brasileiro vai estar comendo merda…

– Peraí companheiro! Deve estar havendo algum engano. Eu quis dizer os “otimistas” e não os “pessimistas”…

– Não há engano nenhum Senhora Presidente! É que os “pessimistas” já acham que a merda não vai dar pra todo mundo..

Com o Blog Bira Viegas
PARA OS APRECIADORES
borrão0

FOTOS: Divulgadores da Telexfree fazem manifesto em frente à InterTV em Natal RN

15:30 horas

Cerca de 60 divulgadores da Telexfree fazem um protesto neste momento em frente à InterTV Cabugi, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Norte. O manifesto tem como alvo a própria Rede Globo, que neste domingo fará uma matéria mostrando como opera a Telexfree. O protesto também está acontecendo em outros estados no mesmo formato, em frente às afiliadas da emissora.

IMG-20130629-WA0006 IMG-20130629-WA0007

 

Inscrições para Minha Casa Minha vida começam dia 10 de julho

ÍndiceA Secretaria Municipal de Habitação, Regularização Fundiária e Projetos Estruturantes (Seharpe), vai realizar no período de 10 de julho a 8 de agosto as inscrições para o Programa Minha Casa Minha Vida. As inscrições poderão serão feitas pela internet no site WWW.natal.rn.gov.br e nas escolas municipais, Dalva de Oliveira, Herly Parente, Vera Lúcia Soares de barros, Maria Cristina Osório, Francisco de Assis varela, Francisca ferreira, Henrique Castriciano, Santos Reis e Telecentro de Neópolis.

Pode se inscrever qualquer pessoa maior de 18 ano ou emancipado, que não possua imóvel no município e com renda familiar de até R$ 1.600,00. Para se inscrever é necessário apresentar carteira de identidade, CPF e comprovante de residência. As inscrições presencial serão realizadas de segunda a sexta-feira, no horário de 8h às 12h. Não será feita inscrição na sede da Seharpe.

A seleção dos beneficiários para qualquer empreendimento será feita por sorteio realizado pela loteria da Caixa Econômica Federal (CEF), com ampla divulgação na imprensa, explica o titular da Seharpe, Homero Grec. Todos os sorteados serão convocados por carta, telefonema ou e-mail para a apresentação da documentação solicitada pela CEF. Os selecionados assinarão contrato por Instrumento Particular de Venda e Compra Direta de Imóvel Residencial junto à Caixa.

O valor máximo para a aquisição do imóvel é de R$ 61.000,00 e o financiamento será parcelado em 10 anos, com prestação mínima de R$ 25,00 e máxima de R$ 80,00, correspondendo a 5% do valor da renda bruto familiar.
Para fins de seleção não será considerada a ordem de inscrição, por isso Homero Grec aconselha que os interessados façam a inscrição com calma, dentro do período estabelecido.

O secretário lembra que as inscrições que haviam sido feitas em 2009 foram canceladas pela portaria Seharpe 008/2013 e Resolução do Conselho Municipal de Habitação de Interesse Social da Cidade do Natal (Cohabins) 002/2013. Os interessados devem fazer nova inscrição.

Mais informações pelos telefones: 3232.9330/3232.9322.

Locais de Inscrição:

Escola Dalva de Oliveira – Rua Boa Sorte, 639 – Nossa Senhora da Apresentação – Fone: 3232.4842
Escola Municipal Herly Parente – Rua Capela, S/N – Igapó – Fone: 3232.4827
Escola Municipal Vera Lúcia Soares barros – Rua do Malhado, 236 – Pajuçara – Fone: 3232.8194
Escola Municipal Veríssimo de Melo – Rua do Mar, S/n –Jardim 25 de Agosto – Felipe Camarão – Fone: 3232.4778
Escola Municipal Maria Cristina Osório – Rua Antonio Carolino, S/N – Felipe Camarão – Fone: 3232.4773
Escola Municipal Francisco de Assis Varela -,Rua Lagoa Seca, S/N – Guarapes – Fone:3232.4765
Escola Municipal Francisca Ferreira – Av. Industrial João Mota, 3804 – Bom Pastor – Fone: 3232.4861
Escola Municipal Henrique Castriciano – Rua Décio Fonseca, 663 – Rocas – Fone: 3232.4791
Escola Municipal Santos Reis – Rua João C. de Souza, 312 – Fone: 3232.4802
Telecentro de Neopólis – Avenida das Alagoas – Neópolis

Roupeiro do Alecrim é assassinado em Parnamirim após reagir a assalto

O roupeiro do Alecrim, Franklin Rodrigues Duarte, de 19 anos, foi assassinado na madrugada deste sábado, no Parque Industrial, em Parnamirim. Segundo a polícia, ele teria sido vítima de latrocínio – roubo seguido de morte. Franklin foi atingido com um tiro no peito.

frank

Franklin chegou a ser levado ao hospital para atendimento, mas não resistiu e morreu antes de ser internado. A polícia não tem pistas sobre o assassino.

Por meio de seu site oficial, o Alecrim se manifestou sobre o ocorrido com uma nota de pesar.

Veja a nota:

É com extrema indignação e tristeza que a diretoria, comissão técnica, jogadores e funcionários do Alecrim Futebol Clube receberam a notícia do falecimento do jovem Franklin Duarte (19 anos), mordomo da equipe profissional e sub-20, assassinado no Parque Industrial por consequência de um assalto.

Frank era uma das figuras mais queridas da comissão técnica pelo seu jeito simples e ingênuo, mesmo em um meio de muita cobrança e obrigações. Praticamente o mascote entre outros funcionários muito mais velhos, não negava um sorriso e um cumprimento alegre a cada novo dia de trabalho. Apaixonado por carros, tinha como único luxo um celular comprado recentemente em algumas prestações, motivo do furto que terminou em tragédia.

Mais do que por suas atribuições profissionais, Frank fará falta por tudo o que representava dentro do departamento de futebol. Os dias do Alecrim Futebol Clube ficaram mais tristes.

O velório será realizado na manhã deste sábado (29), na igreja de Mãe Luiza e o enterro ainda não tem local definido.

O Alecrim Futebol Clube e todos que fazem parte desta instituição, que era uma segunda casa para Frank, deixam registrado o sentimento de pesar aos familiares e amigos.

Projeto que torna corrupção crime hediondo é aprovado no Senado

corrupção crime hediondo

Agora que foi aprovado no Senado, o projeto, segundo o presidente da Câmara, deve ser votado o mais rápido possível pelos deputados

Atendendo a um apelo da presidente Dilma Rousseff, o Senado aprovou nesta quarta-feira (26), em votação simbólica, um projeto de lei que transforma a corrupção ativa e passiva em crime hediondo. Com isso, esse delito passa a ser considerado tão grave quanto homicídio qualificado e estupro, por exemplo. Na prática, as penas serão mais severas: de 2 a 12 anos passarão a ser de 4 a 12 anos de prisão.

O projeto também enquadra a prática de concussão (recebimento de dinheiro indevido e obtenção de vantagens por servidor público) como crime hediondo. A pena de 2 a 8 anos de prisão para este delito passará a ser de 4 a 8 anos.

Senado aprova projeto que transforma corrupção em crime hediondo (Imagem: Divulgação)

“Foi um dia de importância histórica para o Senado, que neste momento leva adiante esse conjunto de proposições positivas e mostra que está trabalhando para agir em consonância com os anseios do país”, disse o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).

A proposta, que tramitava na Casa havia dois anos, ainda precisará passar pela Câmara dos Deputados antes de ir à sanção presidencial. O encaminhamento do projeto, de autoria do senador Pedro Taques (PDT-MT), atende a um pedido da presidente feito durante encontro em Brasília com prefeitos e governadores na segunda (25), quando ela propôs cinco pactos entre as três esferas do poder.

Ao defender o projeto, Taques observou que “não é possível identificar as vítimas fatais da corrupção”, mas que ela “mata pessoas na porta de hospitais, em estradas onde obras foram mal feitas”. “Temos que admitir que o Senado trabalha mais rápido em função dos protestos. Tenho consciência que não é um projeto que vai resolver todos os males do Brasil, mas é um instrumento no combate à corrução e um avanço importante. Todos somos vítimas da corrupção”, disse Taques.

Os senadores aprovaram ainda algumas emendas ao projeto original. Uma das emendas, do senador José Sarney (PMDB-AP), inclui o homicídio simples, que não era tipificado como crime hediondo, no rol de crimes hediondos. Outra emenda, do senador Wellington Dias (PT-PI), estendeu o agravamento da punição para o peculato (uso de cargo público para obter vantagem) qualificado por parte de funcionários de carreira do Estado ou agentes políticos (agravamento de 1/3 da pena).

Dias, líder do PT no Senado, se mostrou favorável à aprovação da proposta e defendeu que a aplicação da lei não seja severa somente com as camadas mais pobres da população. “Não se pode ficar só nos três ‘pês’: pobre, preto e puta”, disse.

Agência Brasil

Questões relevantes para um Plebiscito Popular

Leonardo Sakamoto, em seu blog

Plebiscito é uma ferramenta legal. Desde que usada em prol da dignidade e não contra ela. Ou seja, desde que usada com parcimônia.

Porque, em uma democracia de verdade, é respeitada a vontade da maioria, preservando-se a dignidade das minorias. Ou seja, adotar simplesmente o que a massa quer não significa viver em um país decente. Seja pelo conservadorismo da população, seja pelo fato de que, quanto mais hipercodificado permanecer o assunto, mais fácil será manipular o cidadão.

Se nos orientássemos pela vontade da maioria, gays e lésbicas nunca teriam conquistado o direito a se unir. Jovens com 16 e até 14 anos seriam mandados para a cadeia ao cometer crime. E, dependendo da pesquisa de opinião, nem o direito ao aborto legal, em caso de risco de vida da mãe ou estupro, existiria.

Ao mesmo tempo, até uma estrelinha-do-mar com graves problemas de cognição percebe que os contrários à ampliação do direito ao aborto e à legalização da eutanásia são os primeiros a querer levar essas pautas a plebiscito. Sabem que nossa sociedade gosta de tiranizar o útero alheio e que sofrimento no olhos dos outros é refresco e que, portanto, seriam maioria.

plebiscito popular

Plebiscito é excelente ferramenta da democracia, mas população precisa ficar atenta para armadilhas e possíveis manipulações dos meios de comunicação (Pragmatismo Politico)

Dito isso, que não é recomendável que absolutamente tudo vá ao escrutínio da massa, o uso do plebiscito também demanda um trabalho prévio de conscientização, em que o cidadão saiba realmente o que está sendo decidido e as implicações de sua decisão. O problema é que discursos vazios, cosmeticamente embalados pelos competentes colegas da propaganda, instalam-se facilmente em corações e mentes. Martelados nos intervalos da novela das 21h, acabam por encontrar ninho e por lá ficar. Da mesma forma, apresentadores sensacionalistas que rosnam na TV, empurram o povo para o lado sombrio da força, usando um discurso do medo.

E nem sempre uma curta campanha de informação é suficiente para explicar todas facetas de determinado assunto polêmico. Tive vontade de chorar ao ouvir “especialistas” explicando o que é voto distrital, distrital misto e proporciona, no rádio, nos últimos dias. Pai, perdoai, eles não sabem o que dizem.

O ideal seria que todos nós tivéssemos, ao longo da vida, acesso à formação e informação de qualidade para tomadas de decisão. Contudo, na falta disso, seria necessário um tempo razoável para discutir com a população temas cabeludos como sistema eleitoral, financiamento de campanha, coligações – coisa que o poder público não parece muito interessado em conceder. Há parlamentares que defendem que 60 míseros dias são suficientes para esclarecer a pauta. Ahã, Cláudia, senta lá… Estamos falando de uma reforma política, não de pedir um sundae de morango no drive thru.

Espero que esteja enganado, contudo, do jeito que a coisa está se desenhando, será um show de horrores. Não, não acho o povo incapaz de escolher com sabedoria. Mas são assuntos complexos. Se o plebiscito sobre o desarmamento, que era simples, foi vítima de bala perdida, imagina então colocando em pauta assuntos que nem os políticos sabem explicar direito?

Tenho fé, é claro, que através da tecnologia e do aumento do interesse da sociedade sobre os destinos de seu país, conseguiremos desenvolver outros mecanismos de participação para além do plebiscito. Lembrando que democracia direta não é algo que se ganha de uma hora para outra, empacotada e pronta para consumo, mas é discutida, conquistada e construída.

E se der certo, se a reforma política sair mesmo via consulta popular, tenho uma lista de outras propostas muito mais simples que poderiam ser postas em votação. Sei que tão difícil quanto imaginar políticos que topem abrir mão de uma estrutura que hoje os beneficia, é também um autoengano achar que eles poderiam contrariar poderosos, grandes empresas e outros doadores de campanha. Mas me contento só com o debate que isso iria gerar.

Você é favor que o teto do salário de um vereador seja o mesmo que de um professor da rede pública?

Você é a favor de mudanças na lei para impedir a reintegração de posse de terrenos ocupados por famílias que não possuem absolutamente nada sem que, antes, seja garantida uma alternativa de moradia decente a elas?

Você é a favor do fim da cela especial para quem tem curso superior?

Você é a favor de que propriedades rurais que, ilegalmente, ocupam territórios indígenas sejam devolvidas aos povos que as reivindicam?

Você concorda que fazendas e imóveis que sejam palco de trabalho escravo sejam confiscados sem direito à indenização e destinadas aos mais pobres?

Você é a favor de que juízes sejam expulsos do serviço público, perdendo o direito aos seus vencimentos, em vez de receberem aposentadoria compulsória quando punidos por algum malfeito?

Você é a favor de que exista um limite máximo permitido para o tamanho de uma propriedade rural?

Você é a favor do fechamento das empresas que foram envolvidas por seus diretores em casos de corrupção?

Você é a favor da redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução de remuneração?

Você é a favor de sobretaxar grandes fortunas?

Você é a favor do fim da Polícia Militar no Brasil?