Daily Archives: 08/03/2013

‘A Justiça então é isso aí?’, diz Bruno após sentença


O goleiro Bruno ficou decepcionado com o resultado do julgamento que o condenou a 22 anos e três meses de reclusão em regime, incialmente, fechado. Após ouvir a pena, o goleiro virou para o advogado de defesa e falou: “A Justiça então é isso aí?”

iG São Paulo
O goleiro Bruno no momento em que ouvia a sentença dada pela juíza

O goleiro esperava que, com a confissão, a pena estivesse próxima da punição do amigo Luiz Henrique Romão, o Macarrão, que foi condenado a 15 anos de reclusão , em novembro do ano passado.

Segundo o advogado de defesa de Bruno, Lúcio Adolfo, os advogados já protocolaram uma ação para pedir a anulação do julgamento com base em algumas irregularidades. A primeira seria que o julgamento foi realizado enquanto ainda é apreciado um recurso contra a expedição do atestado de óbito de Eliza. A segunda é que o julgamento aconteceu enquanto há uma investigação em andamento. A terceira é que nesta quinta-feira, às 14h07, o advogado José Arteiro, assistente de acusação por parte da mãe de Eliza, disse para os jurados que Bruno tinha se recusado a responder as perguntas, o que é ilegal segundo o Código Penal.

A defesa do goleiro espera que Bruno possa estar nas ruas em 2017. Ele já cumpriu dois anos e nove meses da pena. E por ter trabalhado na lavanderia da penitenciária Nelson Hungria durante o tempo em que está preso, o jogador ainda tem direito a mais uma parcela de redução na punição. Segundo previsão de Lúcio Adolfo, Bruno poderá progredir para o regime semiaberto em três anos e seis meses. Se continuar a trabalhar na prisão, a expectativa é que esse prazo caia para dois anos e oito meses.

A promotor Henry Vasconcelos também afirmou que vai recorrer da sentença. Ele afirmou que esperava que a pena de Bruno ficasse entre 28 e 30 anos. A mesma intenção de recorrer tem a advogada Maria Lúcia Borges, que representa o Bruninho no processo.

A ex-mulher de Bruno, absolvida no julgamento, tentou disfarçar a alegria na saída do plenário ao por a mão no rosto para tentar esconder o sorriso, mas não se conteve ao afirmar rapidamente: “Amei, meu Deus. Estou muito feliz”.

Na saída da julgamento, a mãe de Eliza, dona Sônia Fátima de Moura, não se mostrou tão feliz com o resultado, mas afirmou que fez o seu papel. “Eu sei que amanhã posso olhar nos olhos do meu neto e dizer que não fui omissa a isso”, afirmou.

Assembleia aprova extinção de pagamento dos 14º e 15º salários aos deputados

_DSC0126

Por unanimidade a Assembleia Legislativa extinguiu nesta quinta feira (7) os subsídios que eram pagos, a título de 14º e 15º salários, aos deputados no início e no fim de cada ano, o que vai representar uma economia de R$ 1 milhão.

A proposta de resolução foi apresentada pelo presidente da Casa, deputado Ricardo Motta (PMN), que desde o primeiro momento recebeu o apoio unanime dos colegas parlamentares.  Antes de encaminhar a resolução para a votação em plenário, Ricardo submeteu a matéria a apreciação da Mesa Diretora e do colegiado de líderes.

“A sociedade estava clamando por isso, pelo fim da ajuda de custo aos deputados. Vivemos outra realidade. Apresentamos a iniciativa da extinção aos deputados no plenário na semana passada e hoje tivemos a aprovação da matéria por senhores 21 deputados. São medidas como esta que aproximam cada vez mais a nossa Assembleia da população do Rio Grande do Norte”, afirmou o presidente Ricardo Motta.

Logo após a aprovação, o deputado Ricardo Motta disse que os recursos economizados vão destinados a programas e projetos do Legislativo. “Vamos destinar recursos para as ações de inclusão social, para a ampliação do Procon Legislativo. Vamos investir também no programa Assembléia Cidadã”, afirmou.

O ato da Assembleia Legislativa seguiu o mesmo caminho adotado pela Câmara dos Deputados que na semana passada aprovou a sua resolução acabando com os 14º e 15º salários dos deputados federais.

Em apoio a medida adotada, alguns deputados se manifestaram durante a sessão plenária. O deputado Agnelo Alves (PDT) disse que a Casa está tomando outro rumo e isto é muito bom. “O presidente Ricardo Motta está fazendo com que comecemos a trilhar este caminho, primeiramente pela decisão de se realizar o primeiro concurso público para admissão nesta casa. Agora é a extinção do pagamento do 14º e do 15º salários, uma vez que os trabalhadores comuns não têm direito a este benefício. Ricardo mostra que esta é uma Casa que se preocupa com a sociedade”,afirmou.

O deputado Fernando Mineiro (PT) disse que essa medida “foi um avanço. Isso já devia ter acontecido há muito tempo. A Assembleia se aproxima mais do pensamento da sociedade”.

“A extinção desses subsídios foi mais do que acertada. Era isso que a sociedade esperava. A Assembleia Legislativa não podia ser diferente da Câmara Federal”, afirmou o deputado Raimundo Fernandes (PMN).

Na sessão plenária desta quinta tamém foram aprovados os Projetos de Lei que dispõem sobre os subsídios dos integrantes do Tribunal de Justiça, Ministério Público, Tribunal de Contas e procuradores do Estado e da Assembleia Legislativa. De acordo com o artigo 37, inciso XI da Constituição Federal ficam reajustados em 5% a partir de 1º de janeiro de 2013; 5% a partir de 1º de janeiro de 2014 e 5% a partir de 1º de janeiro de 2015.

Marcos Pedroza
Natal – Rio Grande do Norte

Nordeste Maravilha
BRASIL

Procurador-geral pede que Supremo mantenha bloqueio de bens de Duda Mendonça

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, se manifestou contra a liberação dos bens do publicitário Duda Mendonça e de sua sócia, Zilmar Fernandes. Réus da Ação Penal 470 (processo do mensalão), eles foram absolvidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF) dos crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Duda, acusado de sonegar R$ 30 milhões

Os bens estão bloqueados desde 2006 por decisão do relator do processo do mensalão, ministro Joaquim Barbosa. Ele atendeu a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), que alegava dívidas de mais de R$ 30 milhões com o Fisco. Os publicitários entraram com pedido de liberação de bens em janeiro deste ano, um mês após a conclusão do julgamento.

Para Roberto Gurgel, o bloqueio deve ser mantido até o trânsito em julgado do processo, ou seja, quando não couberem mais recursos. O procurador acredita que a possibilidade de modificação do julgamento justifica a manutenção dos bens apreendidos.

 (Agência Brasil)

As 11 notícias que ainda não veremos no Dia da Mulher

Muito interessante essa matéria! lí e percebi que vale a pena refletir sobre os questionamentos e posições tomadas pelo autor, confira na leitura a seguir:

Por: Leonardo Sakamoto

Quando liguei a TV, nesta manhã de 8 de março, me deparei com colegas de profissão cumprindo suas pautas sobre o Dia Internacional da Mulher. Deu aquele desgosto ver uma importante data de reflexão e de luta novamente reduzida à distribuição de flores, promoções em salões de beleza, presentes na forma de jóias e vestidos e até equipamentos de limpeza do lar. Como se isso fosse o fundamental para garantir a dignidade das mulheres.

Por conta disso, elenquei, abaixo, algumas coisas que gostaria de ver noticiadas nesta data. Creio que, em algum momento, isso vai ser verdade. Depende de nós para mostrar quando. E a que custo:

dia internacional da mulher

1) A partir de agora, o sobrenome do marido não deverá ser imposto à sua companheira contra vontade dela, como uma marca de ferro em brasa delimitando a propriedade.

2) O currículo escolar será aprimorado para que, nas aulas de língua portuguesa, os meninos e rapazes possam compreender o real, objetivo, profundo e simples significado da palavra “não”.

3) As frases “Onde você acha que vai vestida assim?”, “A culpa não é minha, olha como você tá vestida!”, “Se saiu de casa assim, é porque está pedindo” a partir de agora serão banidas da boca de maridos, pais, irmãos, filhos, netos, namorados, amigos e outros barbados.

4) Está terminantemente proibido empregar apenas atrizes em comerciais de detergentes, desinfetantes, saches de privada, sabão em pó, rodos, vassouras, esponjas de aço, palhas de aço, aspiradores de pó, cera para chão e afins. A associação direta de mulheres e produtos de limpeza em comerciais de TV está extinta.

5) Empresas estão proibidas de distribuir flores no dia de hoje como prova de seu afeto às mulheres. Em vez disso, implantarão políticas para: 1) impedir que elas ganhem menos pela mesma função; 2) não sejam preteridas em promoções para cargos de chefia pelo fato de serem mulheres; 3) não precisem temer que a maternidade roube seu direito a ter uma carreira profissional; 4) seja punido com demissão o assédio de gênero como crime à dignidade de suas funcionárias.

6) Cuidar da casa e criar os filhos passa a ser visto também como coisa de homem. E prazer e orgasmo também são coisa de mulher.

7) Os editoriais dos veículos de comunicação não serão escritos por equipes eminentemente masculinas. Da mesma forma, as agências se comprometem a derrubar a hegemonia XY em suas equipes de criação, contribuindo para diminuir o machismo na publicidade.

8) O direito da mulher a ter autonomia sobre o próprio corpo e o direito de interromper uma gravidez indesejada não precisarão ser questionados. Nem devem requerer explicação.

9) Os partidos políticos não apenas garantirão cotas para a participação das mulheres nas eleições, mas investirão pesado em suas candidaturas a fim de contribuir para que os parlamentos representem, realmente, a sociedade brasileira. Da mesma forma, nomear mulheres como secretárias de governo, ministras e em cargos de confiança, na mesma proporção que homens, será ato corriqueiro.

10) Homens entenderão que “um tapinha não dói” é uma idiotice sem tamanho.

11) Por fim, feminismo será considerado sim assunto de homem. E meninos e rapazes, mas também meninas e moças, deverão ser devidamente educados desde cedo para que não sejam os monstrinhos formados em ambientes que fomentam o machismo, como a família, colégios e universidades.

Em tempo: aproveito para agradecer novamente às mulheres que passaram pela minha vida e foram fundamentais para que fosse um homem menos idiota.

Justiça Federal condena três pessoas pelo assalto á agência dos Correios de Nova Cruz

Índice

Por Portal da JFRN

A Justiça Federal do Rio Grande do Norte condenou três pessoas pelo assalto à mão armada à agência dos Correios da cidade de Nova Cruz, fato ocorrido no dia 4 de outubro de 2012. A sentença do Juiz Federal Walter Nunes da Silva Júnior, titular da 2ª Vara Federal do Rio Grande do Norte, determinou que Gilferson Soares Oliveira, conhecido como Gil, deverá cumprir pena de 20 anos, 7 meses e 6 dias.

Já Caio Henrique Pereira Lima, conhecido como Paulista, foi condenado a 10 anos, 4 meses e 24 dias. José Kleyton Hugo da Silva cumprirá pena de 12 anos, 10 meses e 24 dias.

A sentença foi proferida logo após a audiência de instrução e ocorreu quatro meses após a apresentação da denúncia por parte do Ministério Público Federal.

O Juiz Federal Walter Nunes observou que havia uma robusta prova de envolvimento dos três acusados nos crimes de roubo, majorado pelo emprego de arma de fogo, pelo concurso de três pessoas e pela restrição da liberdade das vítimas. “No tocante ao crime sob análise, tem-se que as provas coligidas aos autos bem demonstram sua materialidade”, destacou o magistrado.

Na sentença, ele ressaltou ainda: “a prova mais robusta da materialidade das condutas acima descritas foi a prisão em flagrante dos acusados, efetuada logo após a prática dos delitos e que permitiu, inclusive, a recuperação de parte dos produtos roubados, como o dinheiro e diversos outros objetos pessoais pertencentes a funcionários e clientes da ECT que se encontravam no interior da agência “.

Para o Juiz Federal Walter Nunes não há, diante das circunstâncias dos fatos, nenhuma dúvida “quanto à caracterização do roubo na forma consumada”.

Dois dos acusados ainda foram condenados por porte ilegal de arma, sendo o Caio Henrique absolvido desse delito, enquanto Gilferson Soares ainda foi condenado por ter efetuado disparos em via pública.

Na dosimetria da pena de Gilferson Soares foi levada em consideração circunstância favoráve, uma vez que o referido acusado intercedeu para impedir que os outros dois matassem um agente penitenciário que foi identificado dentre os clientes que estavam na agência dos correios no momento do assalto.

Na sentença, o magistrado também determinou que os três condenados devem continuar presos. “Ademais, agora, além de já se ter um juízo de culpabilidade contra os acusados, os autos revelam que o denunciado apresenta um exponencial perigo à sociedade, sendo pessoa afeita ao crime, de modo que se torna imperativa sua prisão preventiva como forma de resguardar a ordem pública, evitando o cometimento de novos delitos”, ressaltou o Juiz Federal.

74% dos brasileiros querem renúncia de Renan, mostra pesquisa Ibope

Índice

De acordo com uma pesquisa feita pelo Instituto Ibope, 74% dos brasileiros ouvidos querem o afastamento do senador Renan Calheiros (PMDB-AL) da presidência do Senado. O levantamento foi encomendado pela organização não governamental Avaaz.

Segundo a pesquisa, que ouviu, por telefone, mil pessoas entre os dias 2 e 3 de março, os senadores deveriam exigir a renúncia de Calheiros do cargo. Além disso, 63% da população que participou do levantamento destacou não concordar com o uso do sistema de voto secreto para a eleição da presidência da Casa.

Levando em consideração esse método, a pesquisa mostra que 56% dos entrevistados consideram a votação inválida, contra 38% que acreditam na validade do pleito. As entrevistas por telefone apuraram também que 68% dos eleitores provavelmente não votariam em um senador que apoiasse o atual presidente do Senado.

Cantor Emílio Santiago é internado em hospital da Zona Sul do Rio

O cantor e compositor Emílio Santiago deu entrada no Hospital Samaritano, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, na manhã desta quinta-feira (7). Segundo informações da Globo News, o cantor teria sofrido um ACV (acidente vascular cerebral).

De acordo com a assessoria do hospital, por volta de 9h, o artista passava por exames, mas ainda não havia informações sobre seu estado de saúde.

O sambista, vencedor de diversos festivais de música, iniciou a carreira na década de 70, e gravou grandes sucessos como Saygon, Lembra de Mim e Verdade Chinesa.

O último disco de Emílio Santiago foi “Só Danço Samba (Ao Vivo)”, lançado em 2012, junto com um DVD.

G1

Terra se aproxima de maiores temperaturas em 11 mil anos

Um novo estudo conduzido por pesquisadores da Universidade Estadual do Oregon e da Universidade Harvard, ambas nos EUA, reconstruiu a temperatura média da Terra nos últimos 11,3 mil anos para compará-la aos níveis atuais.

A boa notícia: a Terra hoje está mais fria do que já esteve em sua época mais quente desse período. A má: se os modelos dos climatologistas estiverem certos, atingiremos um novo recorde de calor até o final do século.

O trabalho, publicado na revista “Science”, reuniu dados de 73 localidades ao redor do mundo para estimar a temperatura global (e local) no período geológico conhecido como Holoceno, que começou ao final da última era do gelo, há 11 mil anos.

Depois de consolidar todas as informações, em sua maioria provenientes de amostras de fósseis em sedimentos oceânicos, num único quadro –além de usar técnicas matemáticas para preencher os “buracos” encontrados nas diversas fontes usadas para estimar a temperatura no passado–, os cientistas puderam recriar uma “pequena história da variação climática da Terra”.

Diz-se pequena porque os resultados não permitem enxergar a variação ocorrida em uns poucos anos. É como se cada ponto nos dados representasse a temperatura em um período de 120 anos.

 
Editoria de arte/Folhapress

Zé Ramalho: cantor paraibano está internado após operação no coração


O cantor paraibano Zé Ramalho operou o coração após ser internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, na última segunda-feira (4), com um quadro de angina.

De acordo com o boletim médico assinado pelo cardiologista Maurício Vaisman, exames feitos em Zé Ramalho após a internação dele apontaram a necessidade de cirurgia.

O cantor passou por uma revascularização do miocárdio e está internado em situação estável na Unidade Coronariana, em pós-operatório.

Ele respira sem ajuda de aparelhos, mas o quadro clínico inspira cuidados e não há previsão de alta.

dia-internacional-da-mulher-mensagens