Daily Archives: 05/03/2013

Veículo pertencente a vice prefeita de Canguaretama é encontrado após ser usado em assalto à agência dos correios de São Rafael/RN

2013-03-04 13.24.29

O veículo pertencente a vice prefeita da cidade de Canguaretama/RN, Fátima Moreira, foi localizado abandonado no sítio Carnaubinhas, que fica na estrada carroçável que dá acesso a cidade de Angicos.

O veículo foi utilizado em um assalto à agência dos correios na cidade potiguar de São Rafael e estava sendo procurado pela polícia.

O automóvel apresentava queixa de roubo na DEPROV desde o dia 27 de fevereiro, data em que foi tomado de assalto por volta das 16 horas em uma distribuidora de gás localizada no Conjunto Bosque das Palmeiras na cidade de Canguaretama. Na ocasião, Fátima Moreira e as demais vítimas foram colocadas dentro de um quarto e trancafiadas sob ameaça e libertadas com a ajuda de um funcionário da distribuidora que regressava do distrito de Piquiri. Os assaltantes fugiram no carro da vice-prefeita.

O veículo encontra-se apreendido onde serão feitos os procedimentos pela Dra. Thaís, Delegada de São Rafael.

No último domingo, dia 03, parte dos pertences subtraídos da vice prefeita, dentre eles agendas e pastas, foram encontrados abandonados no bairro do Bom Pastor localizado na capital do RN.

Com Inf.: Canguaretama em Chamas

Joaquim Barbosa pede desculpas por mandar jornalista ir ‘chafurdar no lixo’

1362516572549-joaquim-barbosa-irritadoO presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, mandou nesta terça-feira um repórter do jornal “O Estado de S.Paulo” ir “chafurdar no lixo”. Logo depois, por meio de nota, a assessoria do Supremo divulgou um pedido de desculpa de Barbosa pela “forma ríspida” com que respondeu ao profissional.

O diálogo ocorreu na saída da reunião do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Logo na primeira pergunta o repórter Felipe Recondo foi interpelado e agredido verbalmente pelo ministro:

— Presidente, como o senhor está vendo…?

— Não estou vendo nada! Me deixa em paz, rapaz. Me deixa em paz. Vá chafurdar no lixo como você faz sempre.

— Que é isso ministro, o que houve?

— Estou pedindo, me deixe em paz. Já disse várias vezes ao senhor.

— Eu tenho que fazer pergunta que é meu trabalho…

— Eu não tenho nada a lhe dizer, não quero nem saber do que o senhor está tratando.

E quando se dirigia ao elevador, olhou para o repórter e disparou:

— Palhaço! — disse o presidente do STF.

No pedido de desculpas em nome do presidente do STF, a assessoria alega que Joaquim Barbosa está “tomado pelo cansaço e por fortes dores”. Segundo o texto, “trata-se de episódio isolado que não condiz com o histórico de relacionamento do ministro com a imprensa”.

Leia a nota na íntegra:

“Em nome do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ministro Joaquim Barbosa, peço desculpas aos profissionais de imprensa pelo episódio ocorrido hoje, quando após uma longa sessão do Conselho Nacional de Justiça, o presidente, tomado pelo cansaço e por fortes dores, respondeu de forma ríspida à abordagem feita por um repórter. Trata-se de episódio isolado que não condiz com o histórico de relacionamento do Ministro com a imprensa.

O ministro Joaquim reafirma sua crença no importante papel desempenhado pela imprensa em uma democracia. Seu apego à liberdade de opinião está expresso em seu permanente diálogo com profissionais dos mais diversos veículos. Seu respeito pelos profissionais de imprensa traduz-se em iniciativas como o diálogo que iniciará no próximo dia 07 de março, quando receberá em audiência o Sr. Carlos Lauria, representante do Comitê para Proteção de Jornalistas (CPJ), ONG com sede em Nova Iorque.”

O Globo

Presidente da Venezuela Hugo Chávez morre aos 58 anos

Acabei de Ler na Revista Época:

Após 14 anos no poder e quatro eleições vencidas, o presidente da Venezuela foi derrotado por um câncer. Sua morte deixa um vácuo de poder no país.

DESPEDIDA Chávez manda beijos antes de embarcar para Cuba, na semana passada. O câncer voltou (Foto: Reuters)DESPEDIDA Chávez manda beijos antes de embarcar para Cuba, em dezembro de 2012, onde enfrentou o terceiro tratamento cntra o câncer (Foto: Reuters)

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, morreu nesta terça-feira (5), aos 58 anos, no em Caracas. O anúncio foi feito pelo vice-presidente, Nicolás Maduro, em cadeia nacional. Segundo a Constituição, a morte de Chávez obriga a Venezuela a realizar novas eleições presidenciais num prazo de 30 dias.

Chávez lutava contra um câncer na região pélvica desde junho de 2011. No mesmo mês, foi operado pela primeira vez em Cuba. Em fevereiro de 2012, anunciou a reincidência da doença. Passou por uma nova cirurgia e foi submetido a radioterapia em Havana, onde ficou até abril. Em julho, disse que estava totalmente curado. Mas a doença retornou e, em dezembro do ano passado, Chávez viajou para Havana pela terceira vez. Voltou a Caracas em 18 de fevereiro, segundo uma mensagem em sua conta de Twitter. No entanto, seu estado de saúde já era terminal.

Em outubro, Chávez fora eleito pela quarta vez presidente da República, cargo que ocupava desde 1999. A cerimônia de posse estava marcada para o dia 10. Os últimos dias de tratamento em Cuba provocaram um cenário de incerteza na Venezuela sobre o futuro político do país.

Hugo Rafael Chávez Frías nasceu dia 28 de julho de 1954 em Sabaneta, no Estado de Barinas. Segundo de sete filhos de um casal de professores, Hugo foi mandado para viver na casa da avó, Rosa Inéz Chávez, junto com seu irmão Adán. Os três se mudaram para a cidade de Barinas, capital do Estado, para que os dois irmãos pudessem frequentar a única instituição de ensino médio da região.

>> O universo de Hugo Chávez

Aos 17 anos, ingressou na Academia Militar, onde se graduou em 1975 com o oitavo melhor desempenho de sua turma, composta por 75 estudantes. Foi enviado ao Estado de Anzoátegui para combater o grupo marxista Partido Bandera Roja. Nessa época, começou a questionar os métodos usados pelo exército venezuelano. Em 1977, fundou um movimento revolucionário secreto dentro das Forças Armadas, o Exército de Libertação do Povo Venezuelano. Cinco anos depois, criou outro grupo secreto, o Exército Revolucionário Bolivariano 200, mais tarde renomeado Movimento Revolucionário Bolivariano 200.

Chávez participou de um golpe de Estado em 1992, quando era tenente-coronel do Exército, ao lado de outros três militares. A tentativa de golpe contra o então presidente Carlos Andrés Pérez, conhecida como Operação Zamora, foi um fracasso. Chávez ficou preso até 1994. Foi libertado pelo presidente Rafael Caldera, eleito em 1993. Saiu do cárcere sob a condição de não voltar às Forças Armadas. Chávez partiu em uma viagem de 100 dias pela Venezuela para divulgar sua causa bolivariana, que prega, entre outras coisas, a educação pública gratuita e o repúdio à intromissão de nações estrangeiras. Na época, ele se separara da primeira mulher, Nancy Colmenares, e conheceu Marisabel Rodríguez, sua segunda mulher, durante as viagens.

Em suas viagens pela América do Sul, passou por Argentina, Uruguai, Chile, Colômbia e Cuba, onde conheceu Fidel Castro, de quem se tornou amigo. Ao voltar para a Venezuela, ganhou o apoio de veículos de imprensa pequenos. Conquistou um grande números de apoiadores ao se manifestar contra o então presidente Caldera, cuja política neoliberal causou inflação. Fundou seu próprio partido político, o Movimento Quinta República (MRV), e se lançou como candidato à Presidência nas eleições de 1998. Com o apoio de um dos dois maiores partidos da Venezuela na época, o Copei, e mantendo uma imagem carismática de líder populista, Chávez conseguiu 3,673 milhões de votos (56,2% do total) e venceu o candidato Henrique Salas Romer, que obteve 2,613 milhões de votos.

Depois de adotar políticas econômicas conservadoras e capitalistas e de lançar um programa social para diminuir a pobreza da Venezuela, Chávez convocou um referendo para que a população venezuelana decidisse se uma assembleia constitucional, formada por representantes de todo o país, iria se reunir para reescrever a Constituição. Com 88% de aprovação do povo da Venezuela, a comissão foi formada e uma nova Constituição foi escrita. Um novo referendo foi convocado e a Carta foi aprovada por 72% dos votantes. Cerca de metade da população venezuelana preferiu não participar do referendo.

Reeleição
Depois da aprovação da nova Constituição, uma nova eleição presidencial foi convocada. Em 2000, Chávez venceu seu antigo amigo, Francisco Arias Cárdenas, que participou do golpe de Estado de 1992, com 59,8% dos votos. Em seu segundo mandado, Chávez fortaleceu os laços diplomáticos entre Venezuela e Cuba ao assinar um acordo que garantia o envio de 53 mil barris de petróleo ao governo de Fidel Castro. Em troca, 20 mil médicos e professores cubanos seriam mandados para a Venezuela. Ao longo da década, o envio de barris de petróleo aumentou para 90 mil, em troca de 40 mil professores e médicos cubanos.

Em abril de 2002, houve um grande – e violento – comício em Caracas contra o governo bolivariano, que terminou com 20 mortos e mais de 100 feridos. Aproveitando a confusão, um grupo de militares lançou um golpe contra Chávez. O presidente concordou em deixar o gabinete, mas não renunciou ao cargo. O empresário Pedro Carmona nomeou a si mesmo presidente interino da Venezuela e aboliu a nova Constituição. A falta de apoio a Carmona fez com que Chávez voltasse ao poder no dia 14 de abril.

Em 2006, foram convocadas novas eleições presidenciais. Pela terceira vez, Chávez ganhou de seu principal adversário, Manuel Rosales. Mais de 72% dos venezuelanos foram às urnas e Hugo Chávez foi reeleito com 63% dos votos. Durante seu terceiro mandato, afirmou que todos os pequenos partidos de esquerda que o apoiaram durante seu governo seriam unificados, no novo Partido Socialista Unido da Venezuela. Em 2009, Chávez aprovou um referendo que permite a um candidato se reeleger indefinidamente.
Nas eleições presidenciais de 2012, enfrentou e venceu o candidato Henrique Capriles com 55% dos votos. Seu mandato deveria começar no dia 10.

Hugo Chávez deixa quatro filhos: Rosa Virginia, de 34 anos; María Gabriela, de 32 anos; e Hugo Rafael, de 29 anos, de seu primeiro casamento, com Nancy Colmenares, e Rosinés, de 15 anos, de seu segundo casamento, com Marisabel Rodríguez.

AÇÃO PARLAMENTAR – Expansão TV Assembleia – assista ao Vídeo

Caro Blogueiro

Estamos muito satisfeitos com a otima repercussão das nossas ideias e propostas junto ao blogueiros.

Recebemos muitos eMail de todas as regiões do estado elogiado e estimulando o trabalho que estamos realizando.

O estudio onde será realizado as entrevistas com os blogueiros está em obras, tão logo fique pronto e operacional envio eMail para todos os 221 blogueiros que já temos cadastrados.

Hoje estou enviado o primeiro link de video Ação Parlamentar – Expansão da TV Assembleia.

Um maneira simpatica, rica em informações, colorida e dinamica para informar os leitores do seu blog o que faz e como faz a Assembleia Legislativa.

Se um imagem vale 1000 palavras, com certeza imagens dinamicas, coloridas e em movimento vale 10.000 palavras e prende muito mais atenção.

Os videos tem o tamanho padrão de apenas 1 minuto, facil de acessar e rapido de ver.

É uma nova e inovadora forma de enviar informações aos blog

Acreditamos que vai enrriquecer a forma de informar do seu blog e que vai deixar os seus leitores muito mais satisfeitos.

Se possivel gostariamos que o amigo postasse o link deste video no blog.

Um forte abraço

Anote o meu telefone de contato 8721-xxxx
Ligue quando desejar, a qualquer hora

——————————————-
Marcos Pedroza
Natal – Rio Grande do Norte

Nordeste Maravilha
BRASIL

Transparência no Poder público Legislativo do RN

Recebemos em nosso e-mail uma solicitação de parceria entre o Blog e o Poder Legislativo, no sentido de dar uma abertura maior ao poder público quanto a sua transparência, bem como mostrar a realidade de cada Município  para todo o Rio Grande do Norte, como já fazemos nas redes sociais e agora aproveitar a oportunidade através da TV Assembléia e dai por diante. Veja o que diz na íntegra o e-mail que recebemos:

Marcos Pedroza

De: Marcos Pedroza
Enviada: sábado, 2 de março de 2013 13:33:47
Para:  birademontanhas@hotmail.com

Blogueiro

Quermos lhe entrevistar no programa Midias Sociais da TV Assembleia, você é importante para nós.‏

Agradeço a atenção dos muitos que enviaram suas opiniões sobre as ideias que serão implantadas na Assembleia para dar suporte, oferecer informações e prestigiar todos os blogueiros do RN.

Queremos criar uma nova fase e nova forma de relacionamento entre a Assembleia, deputados e blogueiros, pois acreditamos que os blog são os jornais das comunidades, municipios e região.

Sai do feijão com arroz que é enviar release, sem criar vinculos, ligações e amizade, queremos estar juntos e ser parceiros.

Acreditamos que os blog são os maiores vetores de informações, noticias e entretenimento em todos os municipio do RN, para nós todos os blogs e blogueiros são importantes.

Queremos e fazemos questão de entrevista-lo no programa Midias Sociais da TV e Radio Assembleia para você falar do seu blog, do seu publico, do seu municipio, das suas ações na comunidade, da interação que tem com os internautas do seu municipio e de sua região.

O sinal da TV Assembleia vai chegar a todo o Rio Grande do Norte, novos e modernos equipamentos estão chegando para esta ampliação.

Em breve teremos um sinal de qualidade da TV Assembleia disponibilizado no formato Web TV para oferecer aos blogs e internautas.

Sou funcionario da Assembleia, um fã e pesquisador de blog, por determinação do presidente Ricardo Motta sou o elo ligação e contato entre os blog, blogueiros e Assembleia, portanto me ponho a disposição de todos os blogueiros do RN para fornecer informações e noticias pertinentes a esta casa do povo.

Tenham em mim um amigo, um parceiro

Anote meu telefone, ligue quando desejar e a qualque hora.

Marcos Pedroza: 8721-xxxx

Aguardo noticias

Marcos Pedroza
Natal – Rio Grande do Norte
Nordeste Maravilha
BRASIL

Temos a imensa satisfação de contribuir para este feito, já que é muito importante para uma causa, que há muito tempo, temos lutado pela transparência no poder público, isso só faz inaltecer a cidadania e dignificar o cidadão. Bela iniciativa do Presidente da Assembléia Legislativa do RN Deputado Ricardo Motta e esperamos que não fique apenas nas iniciativas mas, que a concretização de todas essas ações sejam a tônica da realidade, porque também são anseios populares.

Abraços

Blog Montanhas em Ação
Bira de Montanhas.

Números alarmantes: 113 mulheres foram assassinadas em apenas dois meses na PB

8-de-março1

O Governo do Estado lançou nesta terça-feira (5) a campanha Paraíba Mulher Forte e de Valor, em comemoração do dia 8 de Março, Dia Internacional da Mulher. A campanha inclui atividades durante todo o mês em todo o interior do Estado.

A secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Soares, lembrou da violência contra as mulheres no estado da Paraíba. No ano de 2013, em apenas dois meses, 113 mulheres foram assassinadas no estado. Além disso, já foram instaurados cerca de 200 inquéritos de violência contra a mulher. No ano passado foram 1.600.

“Nossa proposta é fazer uma série de atividades intersetoriais, que vão desde capacitações para acolhimento de mulheres vítimas de violência nas delegacias, feiras de artesanato, elaboração de projetos, feiras de cidadania até dois grandes shows em João Pessoa e Campina Grande”, disse Gilberta Soares.

Segundo ela, a campanha terá objetivo de fortalecer as ações positivas em favor das mulheres. “É um momento de comemoração das conquistas das mulheres”, disse. Na programação, serão incluídas ações em defesa da cidadania de mulheres presidiárias, lésbicas e seminários na área de geração e emprego e renda.

Fonte: Paraiba.com

Hoje aniversário muito especial dessa pessoa maravilhosa minha Tia, Professora Marlinda

DSC04405DSC04411

Neste (05/03) mais um ano de vida para a minha querida tia, Professora Marlinda (Foto). Parabéns! pelos seus  75 anos de  idade.

Que Deus ilumine todo seu caminho e que lhe dê muitos anos de vida entre nós, pois a senhora é uma pessoa muito especial, principalmente para nós que fazemos a sua família, portanto, receba os nossos mais sinceros parabéns.

1

DSC04404

ProUni: candidatos da 1ª chamada da lista de espera devem comprovar informações até hoje

Índice

Candidatos pré-selecionados na primeira chamada da lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até esta terça-feira (5) para comprovar as informações nas instituições de ensino. A perda do prazo ou a não comprovação dos dados implicará, automaticamente, a reprovação do candidato.

No site do programa estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudo. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimento e de conclusão do ensino médio, entre outros.

Aqueles que não forem pré-selecionados terão uma segunda chance no dia 8 de março, quando vai ocorrer a segunda chamada da lista de espera. Os convocados na segunda chamada devem comparecer aos locais indicados entre os dias 8 e 13 de março.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de educação superior para cursos de graduação e sequenciais de formação específica. Para o primeiro semestre deste ano, foram oferecidas 162.329 bolsas. O balanço final do programa registrou 1.032.873 inscritos.

Tem direito à bolsa integral o candidato com renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa.

CHARGE: CONCLAVE DO PT

Charge de Sinfrônio (Diário do Nordeste)

A hipocrisia da “parcialidade” – desconfie de quem não tem lado

Índice

É de suma importância acompanhar essa leitura a seguir, principalmente para quem ainda tem dúvidas sobre a política no Brasil e suas causas. Vamos entender como se dá na visão de Eduardo Guimarães, em seu blog

“Recomendo aos leitores que desconfiem de quem disser que não tem lado, simplesmente porque essa pessoa estará tentando lhe passar a perna”

Uma de minhas maiores frustrações é não poder encarar o que considero um dos maiores desafios do homem em qualquer época, o de ser capaz de analisar qualquer coisa com base exclusivamente nos fatos, sem deixar que suas idiossincrasias – desejos, ambições, preconceitos, rancores ou amores – interfiram.

imparcialidade jornalismo mídia

Para explicar por que não posso encarar tal desafio, tomemos a política contemporânea no Brasil como exemplo. Antes de analista político, sou um cidadão. Escrevo um blog intitulado pelo conceito imperioso de exercício da Cidadania.

Ora, exercer a cidadania é, sobretudo, tomar partido de um conjunto de ideias e ideais a partir dos quais aquele cidadão acredita que conseguirá melhorar o seu país. E para fazer prevalecer esses valores em uma democracia, só através de partidos políticos. Sem eles, a democracia simplesmente não existe.

No caso da conjuntura política brasileira, na qual vige um clima maniqueísta entre “tucanos” e “petistas”, fica difícil ser “imparcial”. Basta ir a qualquer blog ou site político da internet e analisar os comentários. Há uma vontade de um lado destruir o outro.

Quantas vezes você leu que os “tucanalhas” ou os “petralhas” são o mal encarnado e precisam ser extirpados da vida da nação? Chegam a pregar a prisão daqueles de quem divergem. Em alguns casos, já vi pregarem até a exterminação física.

Entre a direita midiática e a centro-esquerda “petista” só falta haver enfrentamentos físicos nas ruas, coisa que já acontece em países como a Venezuela, por exemplo, onde as pessoas se atracam e até trocam tiros por política, sejam chavistas ou antichavistas.

Apesar da quase inviabilidade da “imparcialidade” em um quadro como esse, parcela imensa do jornalismo nacional vive de namoro com ela, amante que corteja o tempo todo mas que trai em cada viés parcial que tenta contrabandear em textos ou na oratória julgando que ninguém irá notar.

Não é nem culpa dos jornalistas. Muitos deles nem agem assim conscientemente. A culpa é do caráter escandalosamente parcial que os donos dos grandes órgãos de imprensa imprimem a eles. Essa parcialidade mal disfarçada exacerba os ânimos e cria um clima propício ao sectarismo.

Se a grande mídia abandonasse o engajamento político-partidário-ideológico ou se ao menos o reduzisse a níveis aceitáveis, este blogueiro enveredaria pela seara da imparcialidade, pois gostaria muito de provar a si mesmo que é capaz de ser imparcial.

Enquanto o milagre da tomada de consciência pela mídia não vem, se não posso ser imparcial ao menos quero, em benefício do leitor, esclarecer que tenho lado, sim. E recomendar que você que me lê desconfie de quem disser que não tem. Simplesmente porque essa pessoa estará tentando lhe passar a perna.

Primeiro encontro pré-conclave teve 142 cardeais presentes no Vaticano