PM milionário invade palácio, agride servidoras e joga dinheiro sobre mesa

O VALENTÃO JOÃO DIAS SE IRRITOU TENTANDO FALAR COM O SECRETÁRIO

O PM João Dias, dono de ONGs que ficou rico e cujas revelações derrubaram o ex-ministro do Esporte Orlando Silva, invadiu a Secretaria de Governo do Palácio do Buriti, esta tarde, e agrediu duas funcionárias, identificadas como Niedja e Paula, segundo relato de testemunhas.

Ele insistia em falar com o secretário de Governo de Agnelo Queiroz (PT), Paulo Tadeu, homem forte do GDF, que não se encontrava no local porque acompanhava uma reunião de governadores da região centro-oeste na residência oficial de Águas Claras. Dias se irritou, promoveu as agressões, foi contido e detido por seguranças.

Ele também carregava um pacote de dinheiro vivo que, segundo testemunhas, teria jogado em cima de uma mesa. O governo do DF divulgou nota informando que o PM foi entregue à Polícia Civil e que “vai apurar com que objetivos escusos o policial apareceu nesta tarde, de forma despropositada, no Palácio do Buriti”. Deu no site de Claudio Humberto.

Posted on 08/12/2011, in Brasil, Polícia, Política. Bookmark the permalink. Deixe um comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: