Daily Archives: 24/08/2011

VERGONHA NACIONAL – Margem esquerda do Rio Solimões!!! MST

Que absurdo!

Veja o que  acontece na margem esquerda do Rio Solimões a beira de um assentamento do MST.
Esta deve ser a idéia de produtividade do “movimento”?
As tartarugas produzem e eles roubam e vendem os ovos.
Deve ser a piscicultura auto-sustentável do INCRA…

Mais um pouco adeus TARTARUGAS!


Roubam os ovos das tartarugas para vender,  por favor, repassem esta mensagem sem moderação, o PLANETA AGRADECE.

Por: FACEX
Gestão Pública

Um PC para Ecijunior

Eci Junior(ou seja, eu) no seu Antigo PC…  

Faça um bem para a humanidade, contribua para a campanha #UmPCparaEcijunior

O “pobe” coitado num atualiza essa “merdita” de blog porque ainda está sem computador!

Vamos nessa! 

STF publica decisão que declarou legal o piso nacional dos professores

Brasília – O Supremo Tribunal Federal (STF) publicou hoje (24) o acórdão do julgamento ocorrido em abril que reconheceu a constitucionalidade da lei que criou o piso nacional do magistério. Alguns governos estaduais e prefeituras estavam aguardando a publicação do acórdão para se adequar à legislação.

A Lei do Piso foi sancionada em 2008 e determinou que nenhum professor da rede pública com formação de nível médio e carga horária de 40 horas semanais pode ganhar menos de R$ 950 por mês. Com a correção, o valor do piso este ano passou para R$ 1.187. Quando a lei foi aprovada, cinco governadores entraram no STF questionando a constitucionalidade do piso nacional. Este mês, professores de 21 estados pararam as atividades para exigir o cumprimento da lei. Para a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), “a decisão do STF, tão aguardada por milhões de trabalhadores em educação, torna incontestável qualquer opinião que desafie a constitucionalidade e a aplicação imediata da lei”.

O STF confirmou, no julgamento, que o piso nacional deve ser interpretado como vencimento básico, isto é, sem gratificações e outros adicionais. As prefeituras alegam que não têm dinheiro para garantir o salário de acordo com o que determina a lei. Levantamento feito pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) com 1.641 prefeituras mostra que, considerando o piso como vencimento inicial, a média salarial paga a professores de nível médio variou, em 2010, de R$ 587 a R$ 1.011,39. No caso dos docentes com formação superior, os salários variaram entre R$ 731,84 e R$ 1.299,59.

Outro levantamento, feito pela CNTE com os sindicatos filiados, mostrou que 17 estados não pagam aos professores o valor mínimo estabelecido em lei. Não há levantamento sobre o cumprimento da lei nas redes municipais. Estados e municípios podem pedir ao Ministério da Educação uma verba complementar para estender o piso nacional à todos os professores. Paraconseguir o dinheiro, é preciso comprovar que aplica 25% da arrecadação em educação, como prevê a Constituição Federal, e que o pagamento do piso desequilibra as contas públicas. O MEC tem R$ 1 bilhão disponíveis para este fim, mas, desde que a lei foi criada, nenhuma das prefeituras que solicitaram a complementação de recursos cumpriu as exigências necessárias para receber o dinheiro.

Por: Amanda Cieglinski
Repórter da Agência Brasil
Edição: Vinicius Doria

Veja como foi a votação para Mesa Diretora da Assembleia Legislativa

O deputado estadual Gustavo Carvalho, reeleito vice-presidente, foi o que teve o menor número de votos no processo de reeleição. Veja como ficaram os votos.

Presidente Ricardo Motta – 21 votos

Vice-presidente Gustavo Carvalho– 13 votos

Segundo vice-presidente – Leonardo Nogueira 19 votos

Primeiro secretário – Poti Júnior – 20 votos

Segundo secretário Raimundo Fernandes – 19 votos

Terceiro secretário Vivaldo Costa – 19 votos

Quarto secretário- Dibson Nasser – 20 votos

Prefeita Belga é flagrada fazendo sexo no alto de torre

Que Prefeita tarada heim? No final do Post tem o vídeo que está fazendo sucesso no Youtube. Segue reportagem do G1:

Um vídeo publicado na internet que mostra a prefeita da cidade de Aalst, Ilse Uyttersprot, fazendo sexo com o namorado no alto de uma torre provocou polêmica na Bélgica, segundo reportagem do jornal “La Meuse”.

Procurada pela imprensa belga, Ilse Uyttersprot destacou que não imaginava que havia alguém por perto. Ela acrescentou ainda que se trata de um episódio privado e que teria ocorrido há quatro anos.

Segundo Ilse, o caso também não irá atrapalhar seu trabalho como prefeita.

A cena foi flagrada por um grupo de jovens sem querer, quando eles faziam filmagens da cidade.

Veja o vídeo AQUI